Uma Patente Divina

Dr. Michael LaitmanNós devemos tentar explicar às pessoas a opção de corrigir-se num bom caminho, pois, caso contrário elas vão perceber a necessidade de mudança por um tremendo sofrimento. Os profetas já falaram sobre as coisas terríveis que podem acontecer com a humanidade se nós continuarmos avançando pela força da pressão.

Um profeta vê a evolução natural de todos os níveis sem a participação do homem. Mas as pessoas podem adoçar suas previsões e limitá-las a fim de que as coisas pareçam totalmente diferente.

Um profeta vê e descreve com precisão as leis da natureza. A lei é sempre a adaptação de duas forças opostas em todos os níveis. Isso é tudo o que existe na natureza: um mais (positivo), um menos (negativo), e alguma adaptação entre eles.

A adaptação é diferente em todos os níveis e pode ser química, física, biológica, psicológica, etc. Mas, há sempre duas forças opostas entre elas e qualquer fórmula: de Newton ou Einstein, ou qualquer interação química, não importa. É tudo a mesma coisa; tudo se refere apenas à interação entre opostos.

Como nós podemos mostrar às pessoas que estamos avançando em direção a esses opostos, que devem ser corrigidos com antecedência, e se não os corrigirmos, devemos pelo menos neutralizá-los?

A nossa correção ocorre em duas fases. Primeiro nós temos que remover o ódio mútuo, ou seja, isolar as duas forças opostas, de modo que elas não sejam capazes de se aproximar uma da outra. Depois, nós temos que usar corretamente as duas forças para que elas realmente girem o motor que gera energia positiva.

Ao mesmo tempo, a primeira parte remove a energia negativa da conexão errada entre nós, o que é chamado de “não faça aos seus amigos o que é odioso para você”. Então nós nos tornamos neutros.

Na segunda fase, nós usamos duas forças opostas, como amor e ódio, ao conectar as duas forças Divinas, colocando um mecanismo (carga) útil entre elas. Esta carga útil é a nossa conexão, a nossa unidade.

Em outras palavras, através da conexão nós realmente nos tornamos a carga de nós mesmos, e, assim, as forças começam a iluminar dentro de nós, gerando a Luz como uma lâmpada. Este é o estado do futuro mundo superior.

Tudo é muito simples. Imagine pessoas com atributos opostos voando em direção ao outro prestes a colidir, uma explosão, um assassinato ou uma guerra estão prestes a acontecer. Mas, no mesmo instante, uma desaceleração começa de acordo com a lei de “não faça aos seus amigos o que é odioso para você”. Quando a velocidade diminui, elas começam a se conectar de acordo com a lei do “ama teu amigo como a ti mesmo”. No final, em vez de colisões e guerras, de repente há amor, afeição, amizade, justiça e concordância.

Essa é a razão pela qual a expectativa da humanidade, o anseio pela conexão correta, é entre dois personagens opostos chamados de Tabernáculo.

A grandeza de nossos antepassados ​​está no fato de que eles descobriram estas leis e as passaram para nós com infinito cuidado por toda a humanidade, de modo que sejamos capazes de usá-las e avançar ao longo do bom caminho.

De KabTV ” Segredos do Livro Eterno” 06/12/13

Comente