No Trabalho Espiritual Não Há Lugar Para Instintos

Dr. Michael LaitmanPergunta: Como podemos manter as pessoas num grupo?

Resposta: Eu entendo que estamos passando por situações difíceis, mas é sempre necessário arder com a importância da meta no grupo.

Isto é porque nós não temos nada, exceto a importância da meta, que tira a pessoa deste mundo, dá a ela a sensação de eternidade e infinito, a ajuda a superar as limitações da morte e a realmente descobrir toda a natureza e todo o sistema da criação. Sem dúvida isso leva anos, mas é preciso dar à pessoa a importância daquilo com que ela está envolvida e com o que deve estar envolvida.

Certamente ela vai fazer tudo através da força egoísta porque a conexão com outras pessoas é contra a sua natureza. Esta condição é colocada diante de si e deve ser transposta, porque a importância da meta deve estar acima de todos estes problemas.

Por exemplo, nós podemos viver neste mundo contra a nossa vontade e não temos outra saída, mesmo que muitas vezes não sejamos felizes. Porém, mesmo que existam problemas à frente e o mundo não mostre nada de bom para nós, no nível bestial uma atração instintiva à existência age em nós e nos protege.

Internamente, nós precisamos lutar para adicionar uma existência qualitativa a esta existência bestial, ou seja, uma conexão com um nível superior perfeito e eterno, que é o mundo superior. Mas nós precisamos desenvolver isso dentro de nós mesmos, porque isso não é instintivamente implantado em nós.

Na verdade, nós também lutamos com a existência num nível físico no nosso mundo, embora se olharmos objetivamente, não há nenhum significado para isso. A pessoa nasce e depois de algum tempo, depois de muito esforço, sofrimento, problemas, problemas e doenças, ela morre.

Para que ela está vivendo? Segue-se que é para sofrer. Quantos momentos felizes ela tem na vida que ela pode dizer que valeu a pena viver? O instinto a obriga a viver uma vida miserável, enquanto que no trabalho espiritual não há lugar para os instintos. Portanto, nós precisamos lutar para acrescentar uma parte à vida física que fará valer a pena viver.

É necessário merecer isso, pois vivemos a fim de adicionar uma existência absoluta, perfeita e eterna à nossa existência bestial. Mas é preciso investir nisso! Então nossa vida física também será justificada.

Da Lição Diária de Cabalá 24/04/14, Perguntas e Respostas com o Dr. Laitman

Comente