A Riqueza Destrói A Sociedade

Nas Notícias (do News.com. au): “Um estudo recente de pesquisadores da Universidade da Califórnia Campus Berkeley encontrou uma ligação clara entre riqueza e um desrespeito pelos sentimentos de um companheiro. A equipe de pesquisa de Berkeley é liderada por Paul Piff, psicólogo com ávido interesse no poder do dinheiro sobre a interação humana.

“Em um teste a equipe de pesquisa de Piff montou jogos de Banco Imobiliário entre mais de 100 pares de estranhos. Uma moeda foi arremessada e aleatoriamente determinaou qual pessoa do par seria o jogador ‘rico’ no jogo. O jogo foi claramente viciado a favor do jogador ‘rico’, com resultados fascinantes.

“Foi dado ao jogador rico duas vezes mais dinheiro do que ao seu concorrente mais pobre, e quando passaram pelo ‘IR (GO!)’ recolheram duas vezes o salário a que eles tinham direito. Eles também tiveram que rolar dois dados na sua vez, em vez de um e assim moveram-se através do tabuleiro mais rapidamente.

“Os vídeos mostraram que a linguagem e os comentários dos jogadores mais ricos tornaram-se mais confiantes ao longo do jogo. Eles começaram a mover suas peças em torno do tabuleiro muito ruidosamente, às vezes batendo nele.

“Ficamos mais propensos a ver sinais de dominância e sinais não verbais, demonstrações de poder e comemoração entre os jogadores ricos,” disse Piff. …

“‘ Os jogadores ricos na verdade começaram a se tornar mais rudes em relação à outra pessoa, menos sensíveis com a situação dos jogadores… pobres, ‘ disse Piff. Eles se tornaram ‘mais expressivos do seu sucesso material, mais provavelmente para mostrar o quanto eles estavam fazendo.’

“Numerosas pesquisas e estudos realizados durante sete anos descobriram que os indivíduos mais ricos são mais propensos à moralisar a ganância como “boa” e a busca do interesse próprio como sendo aceitável.…

“Indivíduos que fizeram entre US $15.000 e US $25.000 por ano deram em média 44 por cento mais de seu dinheiro para estranhos do que os indivíduos que ganharam entre US $150.000 e $200.000 por ano.”

“Eles também testaram centenas de veículos e descobriram que os motoristas de carros caros eram mais inclinadas a quebrar a lei, falhar ao parar em uma passagem para pedestres quando havia alguém esperando para atravessar.

“Quase 50 por cento dos motoristas de carros caros matam pedestres, enquanto nenhum dos motoristas dos carros menos caros o fazem. Conforme o preço do carro aumentou, as tendências do motorista para infringir a lei aumentou também.

“Outros estudos têm testado se indivíduos mais ricos são mais propensos a mentir nas negociações, a endossar o comportamento ético no trabalho como roubar dinheiro da caixa registradora, suborno ou mentir para os clientes.

“O que esses estudos têm encontrado é que, “quanto mais rico você é, mais provável perseguir uma visão de sucesso pessoal, de realização e concretização, em detrimento dos outros ao seu redor”.

Meu comentário: Como podemos voltar ao caminho correto? Somente com a implementação da reeducação que levará à redistribuição da riqueza de forma voluntária. Caso contrário, vamos nos deparar com uma guerra civil.

Material Relacionado:
A Crise: O Rico Tem Mais Confiança No Dinheiro Do Que Nas Pessoas

Comente