Textos com a Tag 'Baal HaSulam'

A Quem O Baal Hasulam Estava Se Dirigindo?

laitman_229Baal HaSulam, Os Escritos da Última Geração, “Niilismo”: Todos estes são compromissos nas medidas do egoísmo do indivíduo, do Estado ou do servo de Deus. E eu digo que qualquer medida de egoísmo é defeituosa e prejudicial, e não há outro arranjo, exceto o altruísmo, no indivíduo, no público e no Senhor.

Essa é uma declaração simples, clara e profunda. Há aqueles que já entendem isso, há aqueles a quem ela gradualmente se torna aparente, e há aqueles que precisam que tudo seja explicado e demonstrado a eles, caso contrário, precisarão de mais mil anos para amadurecer a esse nível de consciência da verdade.

Pergunta: Será que o Baal HaSulam escreve isso para aqueles que já alcançaram essa percepção?

Resposta: Baal HaSulam sentiu que o tempo da última geração estava se aproximando e escreveu sobre isso a seus contemporâneos. A partir disso, podemos inferir que ele estava falando para os indivíduos mais progressistas de sua geração, que eram, como de costume, a vanguarda da humanidade e a avançavam por si mesmos.

É por isso que é necessário mostrar à humanidade os seus futuros erros, para que eles não criem novos problemas, mas sim sigam os indivíduos evoluídos.

De KabTV “A Última Geração”, 05/06/17

Aspirem Às Forças Ocultas Da Natureza

Observação: No artigo de Baal HaSulam, “A Última Geração”, está escrito que a lei que irá unir as pessoas é a lei do “amar o próximo como a ti mesmo”.

Resposta: Esta é a lei inata da natureza, que acabará por começar a manifestar-se na sociedade humana.

As pessoas despertarão essas forças da natureza que ainda hoje estão escondidas delas. Essas forças conectar-se-ão a humanidade como um cubo de Rubik, em um sistema integral, global, interconectado, complementar, e circular.

Ao atrair as forças da natureza pela sua aspiração por elas, a humanidade tornar-se-á auto-sustentável e avançará com essas forças. Existem essas forças na natureza, mas devido a que as pessoas não anseiam muito por elas, elas claramente não influenciam e não se manifestam na humanidade.

No entanto, devido ao desespero com o nosso desenvolvimento, vamos cada vez mais voltar-nos exatamente para essas forças e, gradualmente, tornar-nos transformados, o que é chamado de ser re-educado.

[208919]

De KabTV “A Última Geração” , 5/6/17

Material Relacionado:
Ganhar O Infinito
Amor Ao Próximo No Sentido Literal
O Oposto Do Sucesso

Renda Básica Incondicional para Todos

Nas Notícias (Independente):​ Países europeus “deputados [membros doParlamento Europeu] têm alertado os países Europeus devem seriamente considerar introduzir uma renda básica geral para preparar para o desemprego em larga escala que poderia vir como resultado de robôs assumindo trabalhos manuais.

“Um projeto de relatório, apresentado por um deputado socialista Mady Delvaux-Stehres, adverte que preparações devem ser feitas para o que ele descreve como a ‘revolução tecnológica’ em curso, incluindo provisões para os ‘possíveis efeitos sobre o mercado de trabalho causado pela robótica’.

“O relatório, que passou por 17 votos a dois e será colocado na frente de todo o Parlamento Europeu em Fevereiro, encoraja os Estados membros a considerar uma renda básica geral em preparação para os robôs assumindo postos de trabalho das pessoas. …

“Em uma entrevista, a Sra Delvaux-Stehres disse que tal consideração era importante para garantir que, mesmo se o crescente desemprego suba devido à revolução tecnológica, as pessoas ainda poderão” ter uma vida decente”.

Meu comentário:​ ​De acordo com Baal HaSulam, em seu livro “A Última Geração“​, cada indivíduo na sociedade irá receber no futuro, por acordo, tudo o que for necessário para sua existência e trabalhará de acordo com as necessidades da sociedade. Ele não irá aspirar a receber além de sua necessidade.

A sociedade irá gradualmente avançar para esta situação através da educação em si. A  introdução de um sistema de renda básica incondicional, sem a ​educação​ da sociedade, para tornar-se como um único organismo não trará o resultado desejado e só produzirá novas  falhas e defeitos.

[200437]

Material Relacionado:

Uma Renda Básica Incondicional
Uma Bolsa Para As Pessoas Que São Substituídas Por Robôs

O Dia Da Partida Do ARI

Pergunta: Não há muito tempo que marcou o dia em que o ARI partiu. Por que nós especificamente marcamos o dia da partida de um grande Cabalista?

Resposta: Na verdade, é um feriado para nós. Porque um gigante como o ARI partiu de nosso mundo, ele ascendeu aos níveis de realização e, desta forma ele é capaz de influenciar positivamente mais e mais o nosso mundo e nós, tudo o que está conectado a ele.

Claramente, isto fala sobre sua alma e não seu corpo. O corpo é uma “besta” que enterramos e isso é tudo. Nada acontece com ele, nada.

O ARI é uma alma gigante que estava vestida com um corpo em nosso mundo. Desta forma, um jovem de 37 anos, a quem chamamos o ARI, começou a revelar a sabedoria da Cabalá para seus alunos. Durante um ano e meio, ele revelou o método inteiro, todo o sistema da sabedoria da Cabalá, que ninguém antes dele foi capaz de revelar. [Leia mais →]

Um Fim À Competição

O desejo de receber é o material da criação. Este desejo se desenvolve sobre os níveis do inanimado, vegetal e animal da natureza e passa por fases diferentes e, como resultado, mais e mais complexas estruturas são formadas. As partículas elementares reúnem-se em átomos, os átomos estão ligados em moléculas, e as moléculas estão ligadas em diferentes materiais: gases, líquidos, sólidos e o plasma.

Mais tarde, o nível do vegetativo formou-se, incluindo todos os seus componentes. Aqui, a organização e composição da matéria é muito mais complexa e única, uma vez que desenvolve, absorve, emite, multiplica-se, etc. O nível animal é ainda mais complexo.

De um modo geral, a matéria inclui cada vez mais diferentes partes e é mais complexa. Diferentes processos ocorrem na mesma, causados por “software interno” e também pela influência externa do ambiente. [Leia mais →]

Interno E Externo, Parte 3

Definições importantes: “Israel” e “As Nações do Mundo”

Pergunta: O que significa “Israel” e “as nações do mundo”?

Resposta: Israel são aqueles que são direcionados estritamente ao Criador (Yashar-El). As pessoas que pertencem a Israel têm um ponto no coração que brilha neles, isto é, um ponto dentro do ego que busca uma resposta para: qual é o propósito da vida é, por que vivemos, qual é o objetivo da criação? Todas estas perguntas levam a Cabalá.

As nações do mundo são aquelas nas quais ainda não foi revelado o ponto no coração; é por isso que suas ações são desencadeadas pelo puro egoísmo.

Pontos no coração abriram em algumas pessoas na antiga Babilônia, na época de Abraão, e o mesmo está acontecendo em nosso tempo. Esta aspiração do coração em alguém define Israel. [Leia mais →]

Um Atraso Perigoso Na Prevenção do Mal

A Semente da Nossa Culpa

Pergunta: Está claro que nenhum país europeu é capaz de lidar com a atual crise de refugiados. Você acha que uma solução conjunta para o problema possa ser encontrada?

Resposta: Não há solução! Os europeus vão buscar uma saída, mas não vão encontrá-la. A natureza do problema e as peculiaridades da mentalidade europeia reverterá a situação contra nós e eles vão culpar Israel por seus problemas.

Nós já lidamos com esse tipo de reivindicação. Eles até nos responsabilizaram pelo tsunami no Japão, sem mencionar a tragédia das Torres Gêmeas ou a criação do Estado Islâmico. Alguns acreditam que os judeus gostariam que coisas más acontecessem no mundo e que desastres e catástrofes naturais são obra dos judeus.

Mas há uma semente de justiça em suas acusações. Claro, nós não causamos o mal, mas também não podemos impedi-lo. Há uma diferença fundamental entre as suas acusações tradicionais e as reivindicações atuais. A diferença é que nós somos realmente capazes de prevenir dificuldades de imediato explicando a sabedoria da Cabalá a todo mundo, mas nós já estamos ficando para trás nesse trabalho.

Em essência, a Cabalá é a ciência da unidade. Com sua ajuda, a humanidade se unirá. Quando se unir, ela se livrará de todos os problemas. Assim, suas reivindicações realmente contêm a semente da nossa culpa. Acontece que suas alegações sobre a nossa culpa contêm uma semente de verdade.

[Leia mais →]

A Quebra Acabou – A Quebra Continua

Baal HaSulam, “Introdução ao Livro do Zohar”, Item 57: … Imagine que há pessoas que estudam Cabalá e atraem a Luz de Ein Sof, lideram a geração diante delas e o povo as segue, e, depois, todos terão certeza que nunca vão errar em seu caminho. Mas se, em vez da Cabalá, o povo prefere estudar outras partes da Torá, não admire que toda a geração erre por sua culpa. Tão profunda é a minha dor que sou incapaz de continuar falando sobre isso.

Por que as gerações em Israel descem cada vez mais, e afastam-se do interior da Torá?

Após a destruição do Templo, ainda havia muitas pessoas em constante realização. Nem todas caíram de uma só vez na ocultação.

Na verdade, com a Shevirat ha Kelim (quebra dos vasos), os Kelim mais elevados desceram abaixo de todos, e aqueles que não estavam tão altos não caíram tão baixo. Além disso, há também importância na mistura geral. Cada Kli que cai arrasta os outros depois dele e empurra ainda mais para baixo aqueles que caíram antes.

Como resultado da quebra, todo o Kli original, cujas partes eram como um homem com um coração que revelou o Criador, perdeu gradualmente a revelação à medida que os vasos caíram de sua altura anterior. O Estudo das Dez Sefirot fala isso na Seção 7. [Leia mais →]

Um Holograma Dos Mundos Espirituais

Baal HaSulam, “O Ensino da Cabala e sua Essência”: E o que existe no Mundo Superior necessariamente existe em todos os mundos abaixo dele, uma vez que o inferior é impresso por ele. Saiba que essas realidades e suas condutas, que o seguidor do Criador alcança, são chamadas de “graus”, uma vez que a sua realização é organizada uma sobre a outra, como degraus de uma escada.

O que é especial sobre a realização é que sempre alcançamos dez Sefirot, o todo da realidade. A questão é apenas a resolução, escala, precisão, profundidade e riqueza das ligações entre todas as partes da realidade, mas a realidade é sempre a mesma realidade.

Por isso, cada estado na espiritualidade é chamado um estado inteiro. Nós não entendemos completamente como pode haver um estado inteiro, se estamos no primeiro nível, o décimo nível, ou até mesmo no centésimo nível. Afinal de contas, este não é o 125° nível, e tudo o mais, não é o fim da correção e não é o mundo de Ein Sof (Infinito), porque só nesse mundo existe plenitude.

Não, a totalidade é, na verdade, todos os estados em que nos encontramos, porque sempre alcançamos o mundo de Ein Sof. No entanto, no que diz respeito aos nossos vasos, eles são sempre revelados como um dividido por um certo número e não nas suas partes separadas, mas como um todo, apenas na medida em que entendemos, percebemos, e sentimos toda a sua estrutura, com todos os discernimentos dentro isto. É como um holograma.

[166256]

Da 4ª da Lição parte Diária de Cabala de9/2/15, Escritos do Baal HaSulam

A Sabedoria Da Cabalá Não É Uma Religião

Pergunta: Você recebe uma série de críticas sobre a sua posição de que a Cabalá não é uma religião e não tem conexão com o judaísmo. Por favor, me explique por que os grandes cabalistas que viveram em nossos tempos, Baal HaSulam e Rabash, eram judeus ortodoxos e em nenhum modo afirmaram que Deus é apenas a natureza e não uma personalidade.

Resposta: Baal HaSulam explicou isso da melhor forma em seu artigo, “A Essência da Religião e Seu Propósito”. Nós sabemos mais do Ramchal (Moshe Chaim Luzzatto) sobre a sabedoria da Cabalá para as pessoas que não são judeus. E toda a sabedoria da Cabalá fala apenas sobre desenvolvimento do amor pelos outros, e religião fala sobre a realização de corpórea Mitzvot (mandamentos).

A definição da sabedoria da Cabalá é: Um sistema de revelar o Criador aos seres criados neste mundo. A religião não aspira a alcançar o mesmo objetivo (revelação do Criador através do amor aos outros) como a Cabalá. Assim, não é a mesma coisa.

Assim, a sua proposta de que Deus é uma personalidade, simplesmente, faz-me pensar que talvez você seja um adorador de ídolos.

[164633]

Material Relacionado:

Religião Verdadeira E A Religião De Exílio

Qual É A Diferença Entre A Cabalá E Religião?

A Sabedoria Da Cabalá É A Investigação Científica,  Numa Base Experimental