Textos na Categoria 'Crianças'

A Educação Determina O Destino De Uma Pessoa

Dr. Michael LaitmanComentário do Facebook: Você continua dizendo que a educação é a resposta para todos os problemas do indivíduo e do mundo. Mas as pessoas têm dito isso há décadas, e apesar de muitas organizações que se dedicam à educação, a vida continua de acordo com suas próprias leis.

Resposta: A vida continua de acordo com as leis do egoísmo. E devemos agir para que ela flua de acordo com as leis do altruísmo: amor, doação e unidade. Ninguém faz isso e ninguém pode.

O único que conseguiu isso há 3.500 anos foi Abraão quando chamou todos aqueles que queriam superar a crise humanitária social universal que estourou na Babilônia. Ele fundou um grupo de pessoas que se juntou a ele e se agarrou a ele, e ele o chamou de Israel ou nação judaica.

Abraão tornou-se o primeiro pai do novo sistema de educação da unidade. Este grupo existe desde então há 3.500 anos, e não pode ser dividido ou desaparecer! Ele é contra todas as outras nações do mundo, os mesmos babilônios que se espalharam e se estabeleceram em todo o mundo, e todos sentem que há algo especial neles.

Tudo o que temos a fazer é começar a ensinar este método ao mundo inteiro porque o mundo já entende que não há outra escolha e que a coisa principal é a unidade, uma vez que, de outra forma, as pessoas se destruirão.

Pergunta: Você está se referindo a toda a nação judaica quando fala sobre um grupo que conhece esse método?

Resposta: Não, todos os judeus perderam este método, com exceção dos Cabalistas que o têm liderado e implementado de uma geração para a outra com base em sua própria experiência. Se eles liderarem esse sistema educativo e o supervisionarem, a humanidade alcançará seu bom fim. Ela alcançará a unidade completa.

Pergunta: Você acredita que as pessoas vão ouvir isso?

Resposta: Se não ouvirem, haverá várias guerras sérias que envolverão tais sofrimentos que elas terão que ouvir. Mas o sábio prevê esses sofrimentos à distância e não entra neles.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 13/03/17

Nós Temos Proteção De Cima? Parte 2

laitman_571_01Pergunta: Se a natureza se preocupa conosco como uma mãe cuida de seus filhos, ela não tem que nos acalentar e nos proteger de todos os danos?

Resposta: Um embrião dentro do ventre de uma mãe desenvolve-se sob forças controladas agindo sobre ele e é 100% dependente do sistema superior. Este sistema tem um objetivo: desenvolvê-lo e trazê-lo ao nascimento.

Forças opostas são ativas dentro do sistema da mãe porque tudo nasce da interação entre duas forças: positiva e negativa. É por isso que existem sistemas de absorção e excreção de substâncias, e todos são controlados pelo corpo da mãe, que tem poder total sobre o corpo do embrião.

Parece-nos que o embrião experimenta apenas bondade da mãe. Mas, na realidade, forças opostas estão agindo sobre ele, estritas, poderosas, em conflito entre si. Uma força está forçando o embrião a crescer e expandir; outra está exercendo pressão sobre ele e o contraí. É quase como respirar, inalar e exalar, ou o bater do coração.

Há muitas ações que não são vistas por nós. No entanto, todo o desenvolvimento está sempre acontecendo como resultado de duas forças opostas: positiva e negativa. E a matéria existe entre elas, como se estivesse no meio de um fogo cruzado. É por isso que a vida do embrião não é tão ensolarada como pode parecer, mas é bastante complexa. O embrião realiza instintivamente muitas ações, algumas em resistência e outras em conformidade com a mãe.

Ele realiza uma guerra real para receber o tipo certo de força para se livrar de elementos estranhos. O embrião realiza um tremendo trabalho de discernimento, consumo e eliminação. Não pense que durante nove meses é descansar e crescer passivamente, enquanto a mãe faz todo o trabalho para ele.

Todos os dias ele realiza um enorme trabalho sob a influência de forças opostas até que elas o moldam nas formas externa e interna necessárias e o preparam para o nascimento.

O embrião passa por todo um processo preparatório dentro da mãe, de modo que quando nasce, não requer nada além de energia externa, nutrição e preenchimento das células de memória. Em essência, ele tem todas as necessidades, ganhas por ele durante a difícil guerra ao lado da mãe e opondo-se a ela. Ele tem a força da tela e restrição, trabalho de discernimento e síntese. Essa é a verdadeira guerra interior sem a qual o embrião não pode se desenvolver.

A propósito, o embrião sente tudo. Após os três primeiros dias de “absorção da semente” e os seguintes quarenta dias de formação do feto, ele já se torna uma pessoa capaz de absorver e processar informações. Não é apenas uma massa de células, mas uma pessoa.

Mesmo enquanto está dentro da mãe e em um tipo especial de comunicação com ela, ele absorve informações sobre o ambiente externo, tanto através dela e de outra forma. E quando nasce, começa a sentir o mundo externo. Este é agora um novo grau de existência.

De KabTV “Nova Vida” 26/01/17

O Que É Amizade?

Laitman_931-02Pergunta: O que é a amizade? Quais são as sensações e sentimentos que devem aparecer entre dois amigos?

Resposta: A amizade é reciprocidade, apoio seguro, um sentimento de cordialidade e compreensão mútua.

Pergunta: Isso pode continuar até o fim da vida? Você já se deparou com esses casos?

Resposta: A amizade entre Cabalistas pode ser assim porque está além das limitações da vida e da morte. Uma pessoa começa a experimentar sensações e emoções completamente novas que são produzidas fora de nossos corpos bestiais.

Pergunta: Na vida há casos em que um amigo dá a sua vida por causa dos outros. Isso é acolhido na sabedoria da Cabalá?

Resposta: A sabedoria da Cabalá não se relaciona com isso de forma alguma e não diz nada sobre isso, nem a favor nem contra. Tudo depende da situação.

Pergunta: Há regras gerais na Torá quando uma pessoa deve dar sua vida por causa dos outros e quando não?

Resposta: Na Torá, não existem regras e obrigações gerais como essas. Mas se necessário, uma pessoa dá sua vida porque uma conexão interna pode ser muito forte. Eu estou convencido de que existem circunstâncias como essas nas quais uma mãe pode dar a vida por causa do filho. Isso também pode ocorrer com dois amigos se um sente que o outro é maior do que ele.

Da Lição de Cabalá em Russo 12/11/16

Um Rim Para Uma Criança

laitman_600_02Pergunta do Facebook: Se uma pessoa deu o seu rim para o seu filho, é egoísmo? Ela pensa em si mesma? Se for, eu gostaria que existissem mais egoístas abnegados como esse no mundo…

Resposta: Se estamos falando de um pai e um filho e não há outra maneira de curar o filho, então o pai certamente vai dar o seu rim.

Do ponto de vista da Cabalá, isso não é considerado um ato altruísta, porque todas as ações que estão no nível do mundo material são egoístas. Não importa quão maravilhosas possam parecer, elas não vão além do nosso mundo e não têm nenhuma relação com a qualidade espiritual da doação. E dentro do nosso mundo, é claro, elas podem ser divididas em diferentes níveis.

Pergunta: Se falamos sobre este mundo, você tem um sentimento que, digamos, tal e tal pessoa é amável, fez uma coisa boa, e assim por diante?

Resposta: Eu não vejo isso. Afinal, se falamos da estrutura geral do universo, qualquer ação é avaliada apenas quando se aproxima do objetivo da criação. Portanto, ações boas ou más em nosso mundo e no mundo superior são vistas de forma diferente.

É um sistema completamente diferente no mundo superior; todas as ações são avaliadas de forma diferente. Talvez em nosso mundo alguma ação pareça muito cruel, mas, no mundo espiritual, tem sua própria bela continuação. E vice-versa.

Pergunta: Como Cabalista, o que você considera uma boa ação?

Resposta: Somente aquilo que atrai a humanidade ao seu bom fim.

Pergunta: Mesmo que isso aconteça por meio de sofrimentos?

Resposta: Não é sofrimento se nos aproxima da meta. Se não, então estamos sendo empurrados pelos sofrimentos.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 01/03/17

O Dia Da Bondade Espontânea

laitman_594Comentário: O dia da bondade espontânea foi comemorado dia 17 de fevereiro. Este dia foi celebrado pela primeira vez nos EUA e agora também está se tornando popular na Europa. De acordo com os organizadores, você deve tentar ser gentil com todos naquele dia. Não é apenas bondade, mas bondade ilimitada sem qualquer fragmento de egoísmo.

Minha Resposta: Primeiro, isso é impossível. Em segundo lugar, como essas ações podem ser espontâneas se as pessoas souberem sobre elas com antecedência?

Você tem que aprender a fazer isso; você tem que estar preparado internamente, porque precisa de alguma base interna, a fim de desejar o bem a outra pessoa.

Pergunta: Qual é o significado de bondade? Por que as pessoas não agem de acordo com ela se é um atributo tão importante?

Resposta: Uma pessoa não pode agir por bondade. Mesmo aqueles que agem dessa maneira ou de uma maneira similar não podem fazer o bem a alguém espontaneamente porque todas nossas ações derivam de um cálculo egoísta interno.

Mas se começarmos a implementar o método da Cabalá, que nos permitirá estar conectados com a força superior, seremos capazes de fazer o bem com a sua ajuda. Afinal, isso está acima do ego, ao contrário das ações egoístas.

É impossível fazer isso espontaneamente. Uma pessoa é um egoísta absoluto por natureza e se diz que a inclinação ao mal está na base de sua natureza. Então, como ela pode fazer algo pelos outros? De jeito nenhum! Só se ela se enganar e achar que aparentemente faz algo de bom para os outros, mas no final todos os pensamentos e intenções de uma pessoa se concentram apenas no que é bom para o seu próprio bem.

A bondade é um estado no qual uma pessoa realmente deseja o bem aos outros e, com base nisso, age. Mas se ela aparentemente faz isso para os outros, mas não quer internamente, se ela não muda sua natureza, ela sente apenas um alívio temporário que passa rapidamente.

No final, tudo se volta para o mal novamente. Portanto, se diz que a estrada para o inferno é pavimentada com boas intenções. Não seremos capazes de fazer nada certo, bom ou real que possa continuar, se ao mesmo tempo não nos encerrarmos na fonte da bondade, a Luz superior. Então, com a ajuda da fonte superior, seremos capazes de fazer o bem.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 15/02/17

Nova Vida # 833 – O Segredo Da Felicidade Dos Judeus

Nova Vida # 833 – O Segredo Da Felicidade Dos Judeus
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Tal Mandelbaum ben Moshe

Resumo

Ao longo da história, as pessoas tornaram-se mais distantes umas das outras como resultado do desenvolvimento do ego. Em nossos dias, uma pessoa não sente qualquer benefício na conexão com outras.

Cada pessoa prefere se fechar em seu próprio “canto”.

De KabTV “Nova Vida # 833 – O Segredo Da Felicidade Dos Judeus”, 02/03/17

Nova Vida # 818 – Somos Protegidos De Cima?

Nova Vida # 818 – Somos Protegidos De Acima?
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Yael Leshed-Harel

Resumo

Para onde o sistema chamado natureza, em que vivemos, está nos guiando, e por que não estamos conscientes de seu efeito sobre nós? Onde está nossa livre escolha em tudo isso?

Estamos em um sistema supremo que nos une em todos os sentidos sem qualquer livre escolha.

De KabTV “Nova Vida # 818 – Somos Protegidos De Cima?” 26/02/17

Por Que As Pessoas Mentem

laitman_559Pergunta: Os cientistas dizem que as pessoas mentem para preservar seu valor aos olhos dos outros. Segundo os psicólogos, a chamada “mentira branca” é usada neste caso. O que é uma mentira do seu ponto de vista?

Resposta: A mentira é uma reação defensiva natural de um organismo que não quer se ver danificado e humilhado. Que diferença faz para mim se é uma mentira ou a verdade? A principal coisa é manter-me em um certo nível. Se eu precisar mentir, vou mentir, e se precisar dizer a verdade, vou dizer a verdade. Eu não levo em conta nem um nem outro, eu considero apenas meu estado interior.

Portanto, as pessoas não têm qualquer compreensão do que é uma mentira ou a verdade. Tudo é determinado apenas em relação à pessoa. Você não pode dizer a alguém, “Por que você está mentindo?” Ele vai dizer: “Eu não estou mentindo, para mim esta é a verdade”. Por que é a verdade? Porque desta forma, eu me sustento na melhor condição possível. Essa é a única verdade!

A verdade objetiva não existe porque a nossa natureza é apenas o desejo de receber prazer e manter-se no estado de máximo conforto possível a qualquer momento no tempo. Portanto, o que sustenta este estado é a verdade para mim, e o que não sustenta é uma mentira.

Pergunta: O que é uma mentira no sentido Cabalístico?

Resposta: No sentido Cabalístico, tudo é avaliado apenas com respeito ao propósito da criação. Tudo o que está de acordo com o propósito da criação é uma verdade, e tudo o que não está de acordo é uma mentira. O que leva à doação, amor, adesão com a força superior e ascensão ao próximo nível é a verdade. Tudo o contrário é uma mentira.

Pergunta: E se isso não está relacionado com o propósito da criação e existe como nós neste mundo? É a verdade ou uma mentira?

Resposta: Nada pode ser dito. Nós vemos em épocas diferentes e em culturas diferentes critérios completamente diferentes para a verdade ou a mentira.

Pergunta: Isso significa que vivemos em um mundo sem coordenadas?

Resposta: Claro. As coordenadas indicam como meu coração egoísta me contorce. Um minuto eu posso dizer, “Sim, isso é verdade” e no minuto seguinte eu digo, “Não, isso é mentira”.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 01/03/17

O Que É Felicidade?

Laitman_715Pergunta: O que é felicidade?

Resposta: A felicidade é um estado no qual a Luz Superior desce sobre uma pessoa e a preenche com a sensação de uma existência eterna e perfeita.

Felicidade (“Mazal” em hebraico) significa sorte, que vem da raiz de “nozelgotejamento“. Quando a Luz Superior desce sobre uma pessoa, ela flui e preenche a pessoa de realização, conhecimento e a sensação de uma existência totalmente clara, perfeita e eterna. Isso é felicidade.

Pergunta: Tal estado pode vir sem nenhum esforço de parte de uma pessoa? Afinal, há pessoas que têm sorte na vida.

Resposta: Na nossa limitada existência material, certamente. Pode ser que uma pessoa sinta que tudo está bem e que não precisa de mais nada. Ela simplesmente vive uma vida vazia. Por que não? Caminhe para uma cabana em uma aldeia remota, construa para si um covil acolhedor lá, e seja feliz se puder.

No entanto, o fato é que o ego está em constante desenvolvimento. Ele precisa de novos preenchimentos o tempo todo. Caso contrário, uma pessoa não vai se sentir satisfeita.

Como fazemos com que as sensações que chegam ao nosso ego o preencham sem problemas? Só se o seu desejo está focado na doação, fora de si mesmo, é que ele não sentirá que está vazio o tempo todo. A felicidade está criando tais sentidos que são externos a nós, e então seremos felizes.

Pergunta: A maioria das pessoas pensa que precisamos de harmonia, um equilíbrio de atributos, a fim de alcançar a felicidade. De quais atributos estamos falando?

Resposta: Uma pessoa pode viver em harmonia com o mundo ao seu redor se ela e o mundo se tornarem um coletivo geral. Isso só pode acontecer se a pessoa sentir o mundo como a si mesma e cuidar dele assim como se preocupa consigo mesma.

Da Lição de Cabalá em Russo 12/11/16

Inovação Nos E.A.U: Você Pode Ler No Trabalho

laitman_527_07Nas Notícias (Arabian Business): “A nova legislação dará aos funcionários tempo para ler durante o horário de trabalho, e obriga as cafeterias a fornecer materiais de leitura …

“Os Emirados Árabes Unidos (EAU) emitiram na segunda-feira a primeira lei desse tipo que visa consolidar a importância da leitura no país.

“O xeque Khalifa bin Zayed Al Nahyan, presidente dos Emirados Árabes Unidos, emitiu a legislação dizendo que a leitura e o conhecimento são essenciais para o progresso dos Emirados Árabes Unidos. …

“Nosso objetivo é preparar gerações que trabalhem para um futuro melhor dos Emirados Árabes Unidos”, disse o Presidente em um comunicado. …

“O xeque Mohammed bin Rashid Al Maktoum, Vice-Presidente e Primeiro-Ministro dos Emirados Árabes Unidos e governante de Dubai, elogiou a lei recentemente aprovada e saudou-a como uma iniciativa cultural e legislativa sem precedentes. …

“Nosso objetivo é tornar a leitura um hábito diário em nosso povo, onde as entidades relevantes serão obrigadas a traduzir essa lei em realidade”, disse ele.

Meu Comentário: Avanços no mundo de alta tecnologia e religião exigem leitura e ainda apoiam o interesse da geração em leitura. Mas no final, gradualmente nos afastamos do desenvolvimento egoísta. A literatura e a música são medidas do desenvolvimento egoísta da sociedade, uma vez que são criadas pelo puro egoísmo. Eu não acho que elas vão permanecer, exceto por apenas alguns grupos individuais, mas nada mais.

Mas grandes obras musicais, especialmente óperas e obras-primas literárias, permanecerão porque expressam a profundidade das emoções humanas, mesmo sendo egoístas. Os romances clássicos descrevem uma fase no desenvolvimento humano e assim permanecerão parte de nossa cultura.

Pergunta: Que tipo de literatura você acha que as pessoas vão preferir ler nas próximas décadas?

Resposta: Somente manuais para operar programas de computador.

Pergunta: Então as pessoas vão abandonar os romances?

Resposta: Elas já estão desistindo deles. O declínio na leitura de romances já começou. O fato é que a diferença entre as gerações é grande.

Se quisermos manter contato com a geração jovem, as pessoas mais velhas precisarão se aproximar delas e não esperar que os jovens façam isso. Quando meu neto, por exemplo, joga jogos de computador, eu tento brincar com ele. E se eu oferecer para ler um livro, ele se recusa e diz: “Vovô deixe-me sozinho”. Não temos escolha; os idosos devem seguir os jovens.

Pergunta: E quanto à literatura que lida com o sentido da vida. As pessoas ainda serão atraídas por ela?

Resposta: Sim, mas ela também vai mudar. O sentido da vida, sobre o qual a sabedoria da Cabalá nos fala, está acima do tempo, de modo que deve ser apresentado às pessoas na linguagem moderna.

Se tomarmos a coleção de escritos filosóficos de Rambam, por exemplo, os diálogos de Ramhal, os escritos poéticos de Rav Kook, os escritos de Baal HaSulam que estão em um estilo científico, ou os escritos emocionais de Rabash, todos eles são muito difíceis de perceber hoje.

Comentário: Você simplifica os escritos de Baal HaSulam e Rabash para nós.

Resposta: Ainda podemos ler os escritos de Baal HaSulam e Rabash, mas os escritos de Ramhal e de ARI não podem ser entendidos por nossa geração.

A sabedoria da Cabalá será reescrita em uma linguagem mais leve e fácil no futuro, mas esse não será o meu destino.

Isso deve ser feito por causa da humanidade, mesmo agora, e não apenas por aqueles que são atraídos para o objetivo da criação, mas por toda a humanidade, para que eles entendam o que os grandes Cabalistas dizem sobre o sistema superior da natureza, incluindo o método e a ciência, e todos devem avançar nessa direção.

Eu espero que tais talentos surjam entre meus alunos.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 02/11/16