Textos com a Tag 'CORREÇÃO'

Concluindo A Correção Geral

laitman_963.6Pergunta: Se restasse apenas uma pessoa no mundo que não entende nada enquanto o resto já entendeu tudo, você explicaria o método a ela?

Resposta: Antes de tudo, isso não poderia acontecer. À medida que mais e mais pessoas no mundo se corrigem, o campo criado por elas envolve o resto, e elas entenderão e valorizarão a espiritualidade – o atributo de doação – mais, e também aspirarão mais a ela.

É por isso que uma situação hipotética, onde apenas uma pessoa é corrigida, é praticamente impossível.

No entanto, mesmo se assumirmos que isso pudesse acontecer, eu obviamente iria com prazer a essa pessoa e tentaria convencê-la a concluir a correção geral de todo o mundo, de todos os tempos. É possível que eu tenha sucesso.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 05/01/20

O Método De Correção, Parte 11

laitman_942A Quem É Dada A Técnica Da Correção?

Pergunta: No artigo “O Amor pelo Criador e o Amor pelos Seres Criados”, Baal HaSulam escreve que a metodologia Cabalística foi dada a um tipo de pessoa, mas com o objetivo de transmiti-la a todas as outras pessoas.

Acontece que, de toda a criação, após centenas de milhares de anos de desenvolvimento, o Criador escolhe certo grupo de pessoas que estava predisposto a isso?

Resposta: Ele pega representantes de todas as pessoas do mundo, os reúne em um grupo, que ele chama de “Israel”, que significa “direto ao Criador”, e lhes dá essa técnica para que eles realizem esse objetivo e a repassem a todos os outros.

A técnica de correção consiste em uma pessoa adquirir as propriedades, ou seja, as propriedades de doação, quando eu coloco os desejos do outro acima dos meus.

Pergunta: Se o Criador é uma propriedade de doação, Ele não pensa em Si mesmo?

Resposta: Claro. Ele nem sequer pensa em Si mesmo. Por outro lado, sempre pensamos em nós mesmos. Acima desses pensamentos, construímos pensamentos sobre os outros.

De KabTV,“Fundamentos de Cabalá”, 07/02/19

O Método De Correção, Parte 10

laitman_944Quando A Pessoa Segue As Leis Da Natureza

Pergunta: Se eu tiver o cuidado de que meus amigos com a mesma opinião alcancem o Criador e essa seja a melhor coisa que posso fazer por eles, é suficiente? Isso significa que eu não deveria me preocupar em realizar seus muitos outros desejos?

Resposta: Não. Dizem que o aspecto material de um amigo é mais importante que o espiritual.

Observação: Eu não posso nem suprir meus próprios desejos materiais, e menos ainda o do meu amigo!

Meu Comentário: Isso se refere a uma sociedade que existe apenas para atingir o Criador. Então, todos os seus membros estarão em um estado de garantia mútua (Arvut) entre si quando viverem apenas com isso.

Tudo o que eles precisam para a alimentação, para a vida, chamadas de “condições necessárias à existência”, eles obtêm juntos. Eles se ajudam nisso. Eles sempre terão o suficiente de tudo, porque cumprirão as leis da natureza.

De KabTV, “Fundamentos da Cabalá”, 07/02/19

O Que Eu Preciso Corrigir?

laitman_294.2Você deve estar feliz por ver suas deficiências no pano de fundo da dezena. Eu estou procurando como sou diferente da dezena, dos amigos, e o que preciso corrigir para me tornar igual a eles. Eu sempre descubro o que me falta para me tornar um amigo ou outro, e “a inveja dos sábios aumenta a sabedoria” porque há algo pelo que lutar e algo a pedir. Portanto, todos trabalhamos até que nossos pedidos se transformem em oração real. 1

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 19/10/12, “As Condições Para Se Elevar Acima Do Seu Círculo”

1 Minuto 1:10

O Método De Correção, Parte 7

laitman_608.02No Que Implica A Correção?

Pergunta: O que é único na qualidade da doação?

Resposta: Não podemos entender a qualidade da doação no sentido em que ela existe, fora de nós. Dentro de nós, só podemos entendê-lo acima da qualidade de recepção. Somente dessa maneira podemos alcançar algo com base na comparação de um com o outro. Assim, ao criar qualidades puramente negativas dentro de nós, o Criador nos dá a oportunidade de obter qualidades positivas completamente opostas, elevando-se acima das negativas.

Pergunta: Se uma pessoa coloca as necessidades do amigo acima das suas, é um certo grau de doação?

Resposta: Claro! Quanto mais a pessoa satisfaz as necessidades dos amigos, maior é o grau de doação.

Pergunta: Com o que podemos satisfazer um amigo?

Resposta: Isso não importa. O mais importante é o que seus pensamentos visam, sua intenção: realizar o outro ou a si mesmo? Em que você está pensando, onde está seu coração? Ele deseja trazer alegria ao Criador preenchendo um amigo ou deseja se satisfazer enquanto o Criador ou o amigo não estão no seu radar?

Pergunta: Você está tentando dizer que a correção consiste no fato de que em vez de, como uma pessoa comum que constantemente calcula, conscientemente ou não, como obter prazer a cada momento, a pessoa faria cálculos colocando as necessidades dos outros acima da sua?

Resposta: Sim.

Observação: Isso é utópico! Não está claro como abordar isso.

Meu Comentário: É para isso que temos o grupo e o método para começar a trabalhar nele.

Pergunta: O grupo é uma ferramenta. E o objetivo? Como posso saber que é isso que o Criador deseja de mim?

Resposta: Primeiro, o Criador quer apenas uma coisa de nós, nos tornar como Ele. Em segundo lugar, para nos tornarmos como Ele, o Criador nos colocou neste mundo e nos levou ao grupo dizendo: “Tome. Comece a trabalhar de acordo com o método: do amor dos amigos ao amor do Criador. Somente dessa maneira você pode se tornar como Eu”. Observe que o amor por um amigo deve ser maior e deve preceder o amor ao Criador. Todas as fontes escrevem sobre isso. É exatamente como devemos agir se desejamos alcançar o Criador.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 07/02/19

O Método De Correção, Parte 6

laitman_571.01Pelo Bem Do Próximo Ou Pelo Bem Do Criador?

Pergunta: Baal HaSulam escreve que o método da Cabalá envolve duas partes. A primeira parte é a correção do relacionamento de uma pessoa com o Criador; a segunda parte é a correção do relacionamento de uma pessoa com seu amigo. A segunda parte é preferível. Nos estágios iniciais de desenvolvimento, é mais importante.

Depois, Baal HaSulam enfatiza uma coisa muito interessante: não há diferença se uma pessoa trabalha pelo bem de seu amigo ou pelo bem do Criador, pois tudo fora dela parece inexistente.

Por que não há diferença entre trabalhar para o Criador e para outra pessoa?

Resposta: Porque isso vai além dos limites do meu egoísmo e não importa para mim para quem eu trabalho. Se você escolher com quem negociar, de quem receber, é claro que o Criador é mais preferível do que outra pessoa. Mas se você dá a alguém fora de si mesmo, fora do seu egoísmo, então não importa para quem vai. Se não tenho nada disso, se vai ao infinito.

Pergunta: Existe alguma diferença se é o Criador ou apenas outra pessoa, mesmo uma muito importante?

Resposta: Que diferença faz se não há houver nada para mim? É vazio.

Pergunta: E se houver algo?

Resposta: Então isso não é mais doação. A doação em si deve ser importante, mas não importa se é para o próximo ou para o Criador. Precisamente a doação é a propriedade do Criador.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 07/02/19

O Método De Correção, Parte 4

Laitman_506.2Como Cumprir A Lei Da Natureza

Pergunta: “Ame o seu próximo como a si mesmo” é o objetivo final da natureza. Mas ainda existem leis preliminares; uma das quais é “Não faça aos outros o que você não deseja para si mesmo”. O que isso significa?

Resposta: Não se trata de amor, mas de não fazer o mal. Esta é a nossa primeira lei.

Observação: O homem também não pode fazer isso. Se eu sou egoísta, ao me cuidar, ainda danifico alguém. Acontece que recebemos leis que não podemos cumprir desde o início.

Por um lado, é dito que você deve fazer isso e, por outro, não pode fazer isso porque é contra a sua natureza.

Meu Comentário: Se você tem alguma inclinação, aspirações e desejos por isso, se estudando a Cabalá, percebe que precisa dela e que esse é realmente um objetivo universal, que você não pode se afastar dela e também entende como todo mundo tem que alcançar isso, então você deve procurar uma maneira de realizá-lo.

No entanto, isso só pode ser feito com a ajuda da força superior, que nos dará a capacidade de agir acima da nossa natureza.

Suponha que tenhamos um pedaço de ferro à nossa frente. A gravidade da Terra diminui. Se eu colocar um ímã sobre ele, o ferro subirá e ficará suspenso no ar. Isto é, ambas as forças serão equilibradas e o pedaço de ferro ficará entre elas.

Da mesma forma, se meu egoísmo for colocado embaixo e uma força oposta for usada sobre ele, então ficarei “suspenso” no ar e o egoísmo não terá poder sobre mim, serei independente dele, em algum lugar no meio. Se a força superior for tão forte que eu me apego a ela e todo o meu egoísmo permanecer abaixo, me tornarei uma pessoa totalmente justa.

Então, precisamos descobrir essa força para que ela nos afete. Isso é tudo o que existe.

De KabTV, “ Fundamentos de Cabalá”, 02/07/19

Eu Consistirei De Duas Partes

laitman_268.02Como resultado da correção, o amigo e o Criador se fundem em uma única imagem para mim. Não vejo diferença entre eles porque meu egoísmo foi corrigido e não posso diferenciá-los. Todas as diferenças que percebo estão representadas dentro do meu ego corrompido. 1

Está escrito que “do amor aos amigos, a pessoa começa a amar o Criador”. Não mudamos um objetivo por outro, um simplesmente leva ao outro: o amor ao Criador nasce do amor pelas criaturas, enquanto o amor do Criador nos obriga a amar as criaturas. Assim, eles se revezam mudando em cada grau até pararmos de distinguir as criaturas do Criador, e todos se tornam um. 2

A pessoa quer saber por que nasceu neste mundo, com que finalidade? Ela quer revelar a força superior que organizou toda a sua vida com todos os seus problemas. Mas só podemos revelar o Criador com a condição de sofrermos uma mudança e nos tornarmos semelhantes a Ele. Mude parte do nosso egoísmo para doação, e nesta parte inversa sentiremos as ações do Criador.

Digamos que eu corrigi 1/1000 parte do meu desejo. Agora sou capaz de sentir que o Criador existe e tem um propósito diferente do meu. A partir de agora, consistirei em duas partes: a parte do Criador em 0,1% do meu desejo e o desejo de desfrutar nos outros 99,9%. Destas duas, sou capaz de escolher qual é maior: meu egoísmo ou o Criador dentro de mim.

Com a ajuda da luz que reforma, eu continuo adicionando força à parte corrigida às custas da corrompida. Tudo isso sob a condição de estar conectado com o ambiente certo que nos permite avançar. 3

Nós mantemos o ódio e construímos a cobertura do amor acima dele. Precisamos dos dois, como está escrito: “O amor cobrirá todas as transgressões”. Especificamente, cubra, não destrua, odeie ou o transforme em outra coisa. A diferença entre amor e ódio deve permanecer, só então os alimentará como óleo, pavio e chama. 4

Nossas divergências com um amigo precisam permanecer; cada um permanece com sua própria opinião. Mas, ao mesmo tempo, o que é mais importante para nós é alcançar a unidade, e nos alegramos por ter feito isso e que o Criador nos deu a oportunidade de estarmos juntos. Buscamos a qualidade do Criador entre nós dois: dois opostos em um. 5

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 22/12/19, Escritos do Baal HaSulam, “O Amor de Deus e o Amor do Homem”

1 Minuto 8:40
2 Minuto 10:00
3 Minuto 11:15
4 Minuto 51:50
5 Minuto 54:00

O Método De Correção, Parte 3

laitman_565.01Ame Seu Próximo

Pergunta: O objetivo da criação é tornar-se como o poder geral da natureza, o Criador, em termos de propriedades. Sua propriedade é doar.

Baal HaSulam escreve em seu artigo, “Amor ao Criador e Amor aos Seres Criados”, que a pessoa não pode simplesmente pular e adquirir a propriedade do Criador, porque ela pode se enganar.

Para garantir que eu realmente alcance essa propriedade, uma imagem do nosso mundo foi criada com todos os tipos de criações: inanimado, vegetativo, animado e, o mais importante, humano. Eu devo corrigir minha atitude em relação às pessoas.

Portanto, como está escrito em todas as fontes originais, a lei básica é “Ame o seu próximo como a si mesmo”. O que isso significa? Todo mundo entende isso à sua maneira.

Resposta: “Ame seu próximo como a si mesmo” é a meta que uma pessoa deve alcançar se trabalhar na sua correção. Esse objetivo é muito distante, mas no início existem outros estágios preliminares de correção.

“Ame seu próximo como a si mesmo” significa que, assim como hoje eu me amo e instintiva, consciente e inconscientemente, me coloco à frente de todo o mundo e somente através de mim percebo esse mundo, e apenas de mim mesmo em diante eu olho o mundo, e apenas para o meu eu trabalho e faço tudo, devo mudar a mim mesmo pelo mundo inteiro, trabalhar apenas para melhorar o mundo e sentir apenas dor como se fosse meu pequeno filho amado.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá, 07/02/19

Pronto Para Correção

laitman_282.01Shamati, 35, “A Respeito Da Vitalidade De Kedusha”: … existe uma regra de que de Cima eles dão e não recebem (tudo o que é dado de cima não é recebido em troca, mas permanece abaixo). Portanto, se a pessoa estende algo de Cima e depois o mancha, ele permanece abaixo, mas não com o homem. Em vez disso, ele cai no mar de Sitra Achra.

Eu atrai a luz e não consigo mantê-la. No primeiro instante, cheguei à equivalência de forma com a luz e ela se revelou em meu desejo. Mas no momento seguinte, um novo registro informacional não corrigido (Reshimo) foi revelado em mim, que precisa ser adaptado novamente à nova luz. No entanto, eu não fiz isso e, portanto, a luz anterior parte de dentro de mim. De fato, a luz permanece, mas eu paro de senti-la porque meu desejo foi renovado.

Com a iluminação que recebi, devo aprender a continuar da próxima vez: a preparar desejos, base, força, garantia mútua e segurança, a fim de atrair a luz em prol da doação. Cada vez a minha participação deve aumentar. 1

A cada momento que se segue, é revelado um novo Reshimo que não se encaixa no estado anterior. Um desejo mais forte é revelado e maiores luzes são reveladas contra ele, e eu preciso trazer esse desejo à equivalência com a luz, fazendo um esforço mais forte. No entanto, eu não fiz isso, não estava pronto e, portanto, perco a iluminação do estado anterior.

Inicialmente, o sistema é construído de tal maneira que nunca estou pronto para receber a luz imediatamente. Afinal, meu vaso está quebrado; portanto, o desejo quebrado é revelado e a luz contra ele, que eu obviamente não posso receber naquele momento. Está escrito sobre isso: “Não há justos na terra que façam o bem e tenham não pecado”. Após cada transgressão, a correção é revelada, o mandamento, porque “uma pessoa não realiza uma Mitzva a menos que tenha falhado nela”.

Primeiro, há sempre a revelação da quebra, e assim vamos em frente: descida e subida. Sem a queda, a subida é impossível, o uso correto do desejo de receber, porque o desejo revela a sensação da queda. 2

O desejo se torna adequado para o trabalho apenas quando recebe impressões das qualidades da luz. Isso aconteceu durante a quebra. A quebra acontece porque a luz entra nos desejos; a fronteira entre o desejo de receber e o desejo de doar é rompida e esses desejos se misturam.

Dentro do ser criado, as qualidades da luz e as qualidades do vaso se misturam. Assim, como resultado da destruição, o ser criado adquire as qualidades do Criador, embora pareça corrompido, quebrado. No entanto, essa sensação desagradável vem precisamente do sentimento de sua oposição ao Criador, isto é, porque o Criador está no ser criado e é revelado nele.

Este é o seu encontro, contato e revelação. Portanto, somente da quebra em diante é possível falar sobre o verdadeiro ser criado em oposição ao Criador. O ser criado pode ignorar o Criador e deseja governar por si mesmo: a força impura (Sitra Achra) é a nossa verdadeira natureza que sente sua oposição ao Criador.

Este é um estado avançado, porque dentro do ser criado já existe a conexão com o Criador e o reconhecimento de sua própria oposição. O ser criado conhece o Criador e conhece a si mesmo, insistindo em “eu governarei!” A partir deste ponto, a correção é possível, mas não antes disso. Isso aconteceu durante a destruição do Segundo Templo e o exílio subsequente; portanto, somente agora, hoje, estamos prontos para a correção, mas não antes. 3

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá, 04/12/19, Escritos do Baal HaSulam, Shamati 35, “A Respeito Da Vitalidade De Kedusha
1 Minuto 29:35
2 Minuto 32:00
3 Minuto 41:20