Textos na Categoria 'Linguagem dos Ramos'

Quem Inventou A Linguagem Dos Ramos?

laitman_531.03Pergunta: Quem inventou a linguagem dos ramos e quais as circunstâncias que causaram tal necessidade?

Resposta: A questão sobre a criação das linguagens é muito complicada. A linguagem dos ramos foi inventada há 6.000 anos por Adão, que sentia os atributos superiores e os atributos do nosso mundo, e comparou ambos. Ele começou a chamar os objetos em nosso mundo por certos sons e combinações de sons, e é daí que vem o aramaico e o hebraico.

Essas duas linguagens estão próximas em sua essência e são escritas com os mesmos sinais, mas há uma diferença na forma como são escritas. A sabedoria da Cabalá usa ambas as linguagens porque conecta o mundo superior com o nosso mundo. As outras linguagens surgiram mais tarde.

A linguagem dos ramos é escrita com palavras usadas em nosso mundo, mas as palavras se referem às forças e atributos do mundo superior.

Da Lição de Cabalá em Russo 12/02/17

A Origem Do Hebraico

Laitman_151Pergunta: Qual é a origem da palavra “Cabalá”? Ela foi inventada por Adam HaRishon (Primeiro Homem)? Por que ela é escrita dessa maneira específica?

Resposta: Antes de Adam HaRishon, as línguas hebraica e aramaica não existiam. Mas ele não as inventou; em vez disso, as extraiu de sua própria realização.

Uma vez eu recebi uma carta de um homem numa prisão siberiana. Ele não conhecia nada de hebraico, mas, de repente, começou a escrever uma poesia bonita nessa língua. E a poesia era Cabalística.

Quando eu mostrei ao meu professor, o Rabash, ele disse que esse homem estava passando por um sofrimento terrível e, através disso, um despertar veio até ele.

Esse é um exemplo de como Adão, que começou a atingir qualidades superiores, o mundo superior, conseguiu extrair a língua hebraica de sua realização.

Pergunta: Porém, por que a palavra “Cabalá” consiste destas letras específicas?

Resposta: Essa é uma descrição das forças superiores que se apresentam a nós dessa forma – como linhas verticais e horizontais. Por exemplo, em um osciloscópio existem apenas linhas horizontais e verticais, que em sua combinação geram elipses e várias outras formas.

Da Lição de Cabalá em Russo 17/03/17

As Duas Forças Da Criação

Laitman_630_1Pergunta: Se tomarmos qualquer letra do alfabeto hebraico, os seus componentes são o ponto e duas linhas? Não há outras formas?

Resposta: O ponto e as linhas horizontal e vertical criam uma grande variedade de combinações entre as duas forças que criam tudo o que podemos ver, sentir, agarrar e perceber, tudo o que existe, não só no nosso mundo, mas em todos os mundos.

Pergunta: O primeiro homem (Adam HaRishon) sentia a força horizontal como o poder de doação e a força vertical como o poder de recepção, isto é, sentia essas duas forças dentro de si mesmo?

Resposta: Certamente, e, portanto, ele as descobriu. Nada existe no mundo, além dessas duas forças. Positivo e negativo, elétron e pósitron, e tudo mais, são derivados das mesmas duas forças.

Da Lição de Cabalá em Russo 05/03/17

O Criador Está À Direita

laitman_212Pergunta do Facebook: Por que o hebraico é escrito da direita para a esquerda?

Resposta: A linha direta representa a totalidade no sistema da liderança superior, enquanto a linha esquerda é o oposto, cheia de deficiências, problemas e corrupções. Essa é a razão pela qual tudo começa do lado direito para o lado esquerdo. O Criador está à direita.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 03/07/17

Hebraico E Aramaico

laitman_562_02Pergunta: Por que O Livro do Zohar foi escrito em aramaico?

Resposta: O aramaico é paralelo ao hebraico. Estas são as duas línguas mais antigas do mundo, que também possuem o mesmo alfabeto. Quando descrevemos e apresentamos os atributos da Luz, estes são descritos em hebraico, e quando descrevemos e apresentamos os atributos do vaso (o desejo), estes são descritos no aramaico.

As duas línguas se complementam porque, quando estudamos o mundo espiritual, o desejo e a Luz são duas categorias completamente diferentes e opostas, distantes uma da outra. Portanto, geralmente usamos essas duas línguas para indicar essas diferenças, e é assim que elas sempre foram reveladas.

Da Lição de Cabalá em Russo 05/02/17

Letras E Sefirot

laitman_923Pergunta: Por que as 22 letras do alfabeto hebraico começam a partir do nível de Bina?

Resposta: Bina opera até o seu meio sob a influência de Keter, e, do seu meio em diante quer se assemelhar a Keter, então desenvolve tudo sozinha.

Ela recebe os atributos de doação de Keter e para implementá-los e se assemelhar a Keter, ela começa a doar ao inferior, assim como Keter.

Como as nove Sefirot descem de Keter, as primeiras nove letras se desenvolvem a partir de Bina, (nove Sefirot, a última parte de Bina ).

As próximas nove Sefirot pertencem a Zeir Anpin.

As últimas quatro letras, Kof, Resh, ShinTaf pertencem à Malchut. No total, há 22 letras, 22 formas de doação da força superior à Malchut.

Em Malchut existem cinco letras adicionais. Essas são letras especiais das 22 letras que criam suas formas finais em Malchut. No conjunto, há 27 letras do alfabeto.

Da Lição de Cabalá em russo 17/03/17

Reconhecimento De Um Texto Cabalístico

laitman_209Pergunta: Cada Cabalista que toma uma parte de um texto Cabalístico é capaz de sentir o autor e reconhecer que o texto foi escrito por outro Cabalista?

Resposta: Não. É necessário estar em um nível elevado para fazer isso. Mas, em princípio, de acordo com o texto, é possível entender imediatamente se a pessoa alcançou o mundo superior, ou pelo menos teve uma conexão com o mundo superior, escreveu-o, ou se era apenas uma pessoa “da rua” falando.

Da Lição de Cabalá em Russo 05/02/17

A Letra Amada

laitman_235Pergunta: Qual letra, entre as letras do alfabeto hebraico, mais lhe agrada?

Resposta: Acho que é a letra “Hey“.

É a quinta letra do alfabeto e simboliza o Kli final, que foi totalmente corrigido, a alma que está pronta para começar a absorver a Luz.

Além disso, BinaMalchut são indicadas por essa letra, e juntas formam a letra “Yod“, que é a décima.

Da Lição de Cabalá em Russo 22/01/17

Você Pode Aprender Hebraico Através Da Realização Espiritual?

Laitman_522_01Pergunta: Se um aluno de Cabalá atingir os mundos espirituais, ele conhecerá automaticamente o hebraico?

Resposta: Essa não é uma pergunta simples. Depende do nível de realização dele.

Se ele atingir a Cabalá no nível mais elevado, definitivamente conhecerá o hebraico, e essa língua se tornará a língua interna mais nativa para ele. Com sua visão interna, ele verá uma combinação de forças positivas e negativas que desenham letras para ele, que ele sentirá e ouvirá. Ele dominará o hebraico perfeitamente.

Muitos anos atrás, eu recebi uma carta da Sibéria, que me foi enviada por meio de muitas pessoas, de uma pessoa que estava presa lá. Sem conhecer o hebraico, ela, de repente, começou a escrever nessa língua. Quando mostrei essa carta ao Rabash, ele disse: “Essa pessoa teve um grande sofrimento e, como resultado, o hebraico e o conhecimento espiritual lhe foram revelados, que ela descreveu de forma absolutamente correta e elevada”.

Não é um milagre, mas uma conquista. Não há milagres.

Da Lição de Cabalá em Russo 22/01/17

Por Que O Livro Do Zohar Usa Imagens Corporais?

laitman_527_07Pergunta: Por que o Livro do Zohar usa imagens como grama, rios, crocodilos, etc.?

Resposta: O Livro do Zohar foi escrito no nível do mundo superior e usa sua terminologia. Ao mesmo tempo, usa a terminologia do nosso mundo, embora queira expressar as forças superiores e os atributos espirituais que produzem os resultados, como uma mesa, cadeira, homem, árvore, sol, etc. Isso é chamado de linguagem dos ramos.

Além disso, O Livro do Zohar usa o idioma da Cabalá. No mundo superior onde não há nomes e termos mundanos, O Livro do Zohar usa a pura linguagem física matemática da Cabalá.

Da Lição de Cabalá em Russo 05/05/17