O Significado Dos Livros Cabalísticos, Parte 6

laitman_250Razões Para A Aparição Do Livro Do Zohar

Pergunta: O Livro do Zohar é um comentário sobre a Torá. Por que ele teve que ser escrito?

Resposta: As circunstâncias mudaram.

Houve estágios em que grupos de Cabalistas que estavam em um estado de realização, ou seja, um aumento gradual desde o início da criação do egoísmo até seu desenvolvimento relativamente completo, como durante o Segundo Templo, caíram. O Livro do Zohar foi escrito no século II d.C. em um estado em que uma queda já havia ocorrido. Não havia grupos, nem nações; não havia nada chamado santidade, ou seja, um sentimento de pelo menos unidade relativa. Tudo foi destruído, esmagado, dividido. Portanto, era necessária uma técnica para coroar esse período sombrio de sofrimento, chamado exílio, que deveria terminar em correção.

O Livro do Zohar destina-se ao período separado da sua escrita até os nossos dias por um exílio de dois mil anos, para que, da nossa época em diante, comecemos a implementar o que está escrito nele, o que significa corrigir a nós mesmos.

Em nossa geração, recebemos o Comentário Sulam sobre o Livro do Zohar. Portanto, podemos revelar a Cabalá e começar a entender o que o grande Cabalista Rav Shimon e seus alunos disseram há dois mil anos.

Pergunta: Você está dizendo que sem o comentário escrito pelo último Cabalista do século XX, Baal HaSulam (Yehuda Ashlag), é impossível entender O Zohar?

Resposta: Impossível. Portanto, apareceu.

De KabTV, “Fundamentos da Cabalá”, 18/12/18

Comente