Textos com a Tag 'alma'

Desenvolver O Embrião Da Alma

232.07Pergunta: Deve haver uma transformação no processo de aprendizagem de uma técnica espiritual onde tudo transita das palavras para uma sensação interior?

Resposta: Certamente. Isso deve ser vivido. É assim que qualquer matéria, propriedade e sentimentos se desenvolvem gradualmente. Se você não fizer nada com algum órgão, ele não se desenvolverá; mas se você começar a trabalhar com ele, começará a treiná-lo e desenvolvê-lo.

Isso é tudo. Não há nada não materialista, secreto ou místico aqui; há apenas um trabalho em si mesmo.

A Cabalá é o trabalho mais “esportivo”; não há mais nada nela. Existe uma espécie de embrião rudimentar que existe em você, mas, na verdade, não é rudimentar. Use-o! Ele esteve adormecido em você por milhares de anos. Você precisa começar a trabalhar com ele.

Assim como quando você vem trabalhar para um ferreiro ou carpinteiro e eles mostram como trabalhar com o material. Você ainda não sabe nada, mas começa a trabalhar com esse objeto e, aos poucos, acontece que você tem alguns sentimentos por ele, sensações, e passa a conhecê-lo.

Este metal começa a ressoar em você, cantando, respondendo a cada golpe, e de acordo com isso, você sente o que está acontecendo com ele.

Com a experiência, certas sensações se desenvolvem em você. O que significa experiência? É acumulação, é familiaridade com o objeto com o qual você está trabalhando.

É o mesmo aqui. Nada mais. Apenas o princípio é um pouco diferente, porque além disso você tem que trabalhar contra o seu egoísmo. Ou seja, você estuda sua natureza e trabalha nela. E nisso está o segredo.

De KabTV. “Eu Recebi uma Chamada. Primeiros Socorros de Queda em uma Descida”, 10/05/10

No Sistema De Interconexão Das Almas

200.04Há situações na vida de uma pessoa em que a própria vida parece lhe dizer que existe um determinado programa que determina tudo e que ela não tem controle sobre ele.

Cada um de nós pode se lembrar de tais incidentes percebidos. Às vezes até sabemos de antemão o que vai acontecer e de repente uma visão maior se abre para nós. É natural. Somos todos um pouco como Wolf Messing de alguma forma.

A questão é: onde isso nos leva? Como regra, isso não leva a lugar nenhum. Uma pessoa simplesmente continua a viver; lhe foi mostrado apenas um pequeno fragmento do futuro e ela não sabe o que fazer com ele.

Em princípio, para uma pessoa, isso fundamentalmente não resolve nada. Apenas um fragmento do futuro é revelado a partir do sistema geral de nossa corporeidade, mas ocultas de nós estão as relações espirituais pelas quais estamos rigidamente ligados uns aos outros.

Estamos em uma rede de conexão que funciona de maneira totalmente rígida e constante. Cada um de nós não tem absolutamente nenhuma liberdade para fazer qualquer coisa dentro dela. Nessa rede, cada um passa por todo tipo de sensações de si mesmo, que são percebidas como neste mundo, ou naquele mundo, e assim por diante. No entanto, estamos sempre no mesmo sistema de interconexão das almas, dos nossos “eus”.

Se esse sistema se abrir um pouco, talvez possamos ver a relação entre as duas camadas, entre a camada em que deveria acontecer e o nível em que cada um de nós está hoje. Parece ser um fenômeno acidental, já que a pessoa não viu nada com antecedência.

Claro que não há nada acidental em nossa vida. Tudo é totalmente determinado.

Mas a que isso levou? Talvez a pessoa tenha começado a se comportar de maneira diferente ou mais correta, com mais sensibilidade e se torne mais calorosa com as pessoas. Ou na profissão ela fez algumas mudanças para sempre. Mas, em princípio, ela não mudou nada fundamentalmente.

Como resultado, vemos que ao longo da história da humanidade todos os sonhos proféticos, insights, calúnias e previsões dos clarividentes não nos levam a nada. Sempre houve muitos deles e eles existem agora e existirão no futuro.

Somente se revelarmos a uma pessoa uma metodologia clara para alcançar todo o sistema do universo, nossa conexão uns com os outros, o curso da vida e o objetivo futuro, quando isso nos for revelado e nos for dada a oportunidade de explorar, para confirmar, e mais importante, para controlar nosso destino, já podemos dizer que uma pessoa realmente recebeu algum tipo de ferramenta para controlá-lo.

Caso contrário, o futuro não deve ser revelado. É por isso que os Cabalistas nunca falam sobre ele. Eles acreditam que é prejudicial à humanidade.

Existe uma regra: não coloque obstáculos diante de um cego. Ou seja, somente na medida em que uma pessoa pode entender corretamente o futuro, que pode ser aproximada de si mesma para trabalhar corretamente em sua implementação, ele pode ser revelada a uma pessoa e ela começará a corrigi-lo.

De KabTV, “Close-Up. Opinião Dissidente”, 29/08/10

A Alma É Amor Ao Próximo

224Pergunta: Existem opiniões diferentes sobre a reencarnação da alma. Existe até a suposição de que a alma humana, por exemplo, pode reencarnar no próximo ciclo como um animal. É possível?

Resposta: Não. Em primeiro lugar, isso é impossível porque a alma humana é algo que não pertence a nenhum nível. Há gradações nela nos níveis inanimado, vegetativo, animado e humano, mas essas são gradações de acordo com seu poder, de acordo com seu desenvolvimento interior.

A alma é uma qualidade de doação, de sair de si mesmo; é amor ao próximo, mas não da forma como o interpretamos em nosso mundo. É simplesmente uma saída do desejo egoísta de alguém para o desejo do outro, um sentimento do desejo do outro mais do que o próprio. Essa qualidade é a alma.

O Cabalista diz: “Estou na reencarnação das almas” porque essas reencarnações, chamadas ciclos de vida, reencarnações espirituais, ocorrem nele constantemente durante a vida material (animada).

Ele está constantemente ascendendo de degrau em degrau, e cada um deles é chamado de mundo. Ele muda um mundo por outro, por um terceiro, e assim por diante. Diante dele estão 125 degraus ou 125 mundos.

De KabTV, “Close-Up. Acordo de Parceria”, 07/04/10

A Alma De Um Judeu

294.1Pergunta: A alma de um judeu será sempre um judeu?

Resposta: Sim, porque estas são as almas da Babilônia que aspiravam se unir umas às outras e unir-se ao Criador. Elas responderam a esse chamado porque pertencem à parte mais fina e superior de uma única alma.

Mas com o colapso do Primeiro e Segundo Templos, elas caíram deste nível espiritual e se misturaram com toda a humanidade. Nós vemos como essa mistura atingiu tais proporções que em todos os pontos do globo elas não podem esquecer esse pequeno número de pessoas, decidir quem são, o que são ou o que fazer com elas.

Como resultado, chegamos a um estado onde, através da revelação da Cabalá, este grupo de pessoas será forçado a subir novamente ao nível espiritual e mostrar a toda a humanidade o mesmo exemplo que o resto dos babilônios não poderiam aceitar na antiga Babilônia.

As almas judias não podem mudar porque são diferentes em sua raiz. Elas correspondem a Galgalta ve Eynaim, a parte da alma comum que está engajada na implementação da correção. E o resto das almas se juntam a ela e também se engajam na correção mútua, mas com a ajuda da luz superior, que recebem através dessa parte superior.

Isso não é de forma alguma um desrespeito pelas nações do mundo ou uma preferência por alguns em detrimento de outros. É apenas a maneira como as coisas são. A propósito, como resultado da mistura dos judeus com as nações do mundo durante o exílio espiritual, os mesmos estados surgem em outras nações como para os judeus, e eles também sobem.

Vemos esses exemplos que ocorreram no mundo antigo. São eles: Rabi Akiva, Onkelos que nos deu o Targum aramaico (tradução) da Torá, e outros. Ou seja, houve almas que em exílios passados receberam um gene espiritual de Galgalta ve Eynaim, foram capazes de adaptá-lo e usá-lo ainda melhor do que os judeus.

De KabTV, “Close-Up, Reencarnação”, 03/05/10

Para Desenvolver A Alma

281.01A Cabalá diz que uma pessoa deve desenvolver sua alma. Para que mais existimos? Entendemos o que é um corpo animal e qual é a sua vida nesta terra. Mas o principal para nós é o desenvolvimento da alma.

Dizem que a alma é uma parte do Criador, ou seja, uma parte de um certo absoluto em uma pessoa. O Criador é a qualidade de doação e amor.

Parece, ao contrário, que se a alma é parte do Criador em nós, então, como parte Dele, não deveria estar sujeita a correção. Mas, antes de tudo, é preciso criá-la em nós mesmos, querer que ela se forme e desejar ser parte do Criador para que essa qualidade nasça em nós.

Quando a Cabalá diz, “uma pessoa é uma parte do Criador”, ela fala do lado do Criador. É preciso um esforço enorme por parte de uma pessoa para que isso aconteça consigo mesma.

De KabTV, “Close-Up, Além da Última Linha“, 03/05/10

Duas Partes Da Alma Comum

243.01Pergunta: Podemos considerar a parte masculina da alma em relação à parte feminina como os judeus em relação às nações do mundo?

Resposta: Sim, a parte masculina da alma é a parte ativa que atrai a luz através de si mesma, mas não pode fazer isso sem a demanda da segunda parte da alma, pois a segunda parte é portadora de um desejo real, egoísta e correto.

Portanto, somente na combinação correta dessas duas partes pode haver solução e implementação. A parte feminina em relação à masculina, ou as nações do mundo em relação a Israel, devem agir em conjunto e chegar a um estado único, completo e corrigido, a alma de Adão. Então todos alcançarão a perfeição e a harmonia.

Isso pode ser feito agora porque a Cabalá está aberta a todos. Podemos atrair a luz superior da correção, que nos unirá e revelará o mundo superior para nós durante esta vida.

De KabTV, “Close-up. Reencarnação”, 03/05/10

O Resultado Da Destruição Da Alma Comum

559

Pergunta: De onde vem o fenômeno do transgênero, quando uma pessoa nasce exteriormente homem, mas se sente mulher e passa por uma cirurgia de mudança de sexo? Ou vice-versa?

Resposta: Isso vem do fato de que todos nós somos o resultado da destruição de uma alma comum.

O Criador criou uma alma, uma estrutura espiritual, que foi especialmente dividida em muitas partes para que pudéssemos conhecer o Criador através delas e alcançar Seu status, Seu grau, e nos fundirmos com Ele.

Ela não foi apenas dividida em partes diferentes em termos de poder, qualidades e personagens, mas também por gênero. Ao mesmo tempo, uma parte da alma está empenhada em dominar a técnica de correção e atrair a força superior, a outra está desenvolvendo o desejo e despertando a parte masculina para o desenvolvimento com a ajuda da mesma força superior.

Como somos partes quebradas de uma única alma, no processo de nossa correção, adaptação e retorno ao mundo superior do qual caímos após sermos quebrados, constantemente nos misturamos uns com os outros. Juntos, homens e mulheres dão à luz meninos e meninas.

É o mesmo no mundo espiritual. Damos à luz almas masculinas e femininas, e o Criador, a terceira força, determina, em princípio, o destino de cada uma delas de acordo com o objetivo final. Em geral, este não é um sistema simples.

Por dezenas de milhares de anos de existência da humanidade houve uma constante mistura fisiológica animal, especialmente em nosso tempo, quando por um lado o egoísmo aumentou e, por outro, atingiu uma mistura terrível e surpreendente entre as nações de nossa geração.

Além disso, essa mistura não é tanto física quanto interna — na cultura, na mentalidade e na dependência mútua. Como resultado, há uma agitação nas almas quando elas não conseguem se associar com precisão às suas raízes, inclusive sexualmente.

E aqui uma pessoa se confunde com sua orientação tanto espiritual quanto fisicamente. Mesmo no trabalho espiritual, às vezes observamos que um homem que deveria se realizar como homem na verdade tende a uma versão mais feminina da correção da alma. Por outro lado, há muitas mulheres que gostariam de estar no lugar dos homens em sua realização espiritual.

Acho que esse é um grau necessário do nosso desenvolvimento. Ele contém um plano muito sério, quando por penetração mútua, reaproximação e mistura de cima, começamos a analisar melhor, absorver e separar os sexos.

Isso levará ao fato de que os homens, tanto no mundo espiritual quanto no físico, entenderão melhor as mulheres, e as mulheres entenderão melhor os homens. Mas hoje não existe esse entendimento. Para isso você precisa ser um Cabalista sério para realmente poder entrar no mundo interior de uma mulher e entendê-la, e vice-versa.

Um dos objetivos da educação Cabalística é dar às pessoas a oportunidade de chegar à interação correta umas com as outras. Caso contrário, nosso mundo se tornará um mundo de pessoas que não se veem. Elas só ocasionalmente se encontram em algum lugar, têm relações sexuais e fogem. E mesmo que você more junto com alguém, essa coabitação não é algo em comum.

Em outras palavras, nossa mistura mútua é necessária mesmo em formas tão desagradáveis e não naturais de desenvolvimento egoísta, porque somente assim podemos chegar a um tipo especial de egoísmo, que consiste em todas as formas possíveis, e todos serão capazes de compreender mais e melhor os outros.

De KabTV, “Close-Up. Reencarnação”, 03/05/10

Alcance A Raiz Da Sua Alma

49.01Pergunta: O gênero da alma pode mudar?

Resposta: Não, a alma não pode mudar de gênero. Não é necessário! Você só precisa entender a raiz de sua alma e aspirar a ela. Este é o estado mais ideal, confortável e bonito que uma pessoa pode ter, porque ao mesmo tempo alcança a paz absoluta, a perfeição e a harmonia.

Toda a imperfeição e desconforto que uma pessoa experimenta decorre do desequilíbrio com a raiz de sua alma. Portanto, você não deve invejar ninguém, você só precisa se encontrar.

Vemos como as pessoas correm, imitam umas às outras e alcançam o mesmo que as outras. Então, o que vem depois? Absolutamente nada. Elas não estão satisfeitas com isso.

Ao imitar os outros, elas ainda não se tornam como eles mesmos porque não revelam sua essência interior.

De KabTV, “Close-up. Reencarnação”, 03/05/10

Almas Masculinas E Femininas: Dois Blocos Opostos

243.03A alma de um homem na próxima reencarnação sempre será masculina e uma alma feminina sempre será feminina porque as almas masculina e feminina são dois blocos enormes opostos e complementares que não podem se desenvolver um sem o outro. Elas não podem simplesmente mudar porque, em essência, são completamente diferentes.

A alma feminina se desenvolve em seus desejos e os fornece para implementação na alma masculina. A alma masculina deve realizar esses desejos de forma a receber a força que corrige ambas, de cima, do próximo grau, e como resultado de sua correta interação com a ajuda desta terceira força ela gera uma descendência: o próximo grau.

Portanto, há um homem, uma mulher e um Criador aqui que, junto com eles, participa da concepção e nascimento do próximo grau comum.

De KabTV, “Close-up. Reencarnação”, 03/05/10

Linguagem Sob Medida Para A Alma

165A linguagem do Livro do Zohar é feita sob medida para a alma, apesar do fato de que uma pessoa não entende o que diz. Como, por exemplo, uma pessoa que entra em uma perfumaria, mesmo que não tenha tirado nada dela, ainda assim absorveu seu aroma agradável (Moshe Chaim Ephraim, Degel Machaneh Ephraim ).

No momento em que começamos a nos mover para a qualidade de doação em vez de recepção, para o altruísmo em vez do egoísmo, começamos a entender sobre o que o Livro do Zohar está falando e o que ele nos exorta a fazer. Portanto, seguimos facilmente suas recomendações e entendemos que O Livro do Zohar é uma instrução para corrigir e encher a alma.

Pergunta: Muitos sábios escrevem que uma pessoa que estuda O Livro do Zohar não entende nada, mas ao lê-lo atrai uma iluminação sobre si mesma que a transforma. Por que ele está organizado de tal maneira que uma pessoa o lê, mas não entende?

Resposta: Tente ler livros de adultos para uma criança, nem mesmo os complexos, mas os mais elementares, simples e cotidianos, e ela também não entenderá do que se trata porque não sabe o significado de suas palavras.

O método está no fato de que ao abrir O Livro do Zohar e começar a lê-lo, você anseia por uma conexão maior com seus amigos e através deles, supostamente, com o Criador, “supostamente” porque você não sabe o que está acontecendo. Mas todas essas inclinações, juntamente com O Livro do Zohar, começam a revelar o sistema interno do mundo dentro de você. Ao mesmo tempo, você obtém algum tipo de iluminação da luz superior, que o corrige. E desta forma você está adiantado.

Pergunta: Então você não recomenda ler O Livro do Zohar sozinho? Precisamos ler juntos?

Resposta: De preferência junto com pelo menos duas ou três pessoas.

De KabTV, “Estados Espirituais”, 15/02/22