Textos na Categoria 'Mulheres'

Por Que Há Tantas Mulheres Solteiras?

Dr. Michael LaitmanPergunta: Por que há tantas mulheres solteiras hoje em dia?

Resposta: Porque o nosso ego cresceu tanto que não podemos nos entender. As mulheres podem alegar que os homens não podem se dar bem com elas, e os homens podem dizer o contrário. Nosso ego é tão grande, confuso e complicado que não podemos suportar até a melhor pessoa por muito tempo.

Da Lição de KabTV em russo 04/12/16

Felicitações No Dia Internacional Da Mulher!

laitman_244Queridas mulheres!

Vocês são uma parte notável e especial da humanidade, representando a própria essência da natureza. Vocês estão perto dela e, portanto, cometem menos erros do que nós. Vocês estão mais corrigidas.

Vocês dão vida a todos. Um homem nasce de uma mulher. Ele ama a mulher. Ele lhe dá tudo o que tem (se este for um homem correto). E a mulher representa toda a natureza do mundo.

Hoje ainda somos incapazes de apreciar plenamente o papel da mulher na natureza. No entanto, temos que ter em mente que essa é toda a criação em geral.

Um homem é apenas uma força auxiliar, destinada a corrigir ligeiramente essa criação pela sua consequente participação. Se ele se posicionar corretamente ao mudar da intenção para si para a intenção de doar a uma mulher, toda a natureza será corrigida e alcançará sua tranquilidade.

Esperemos que isso aconteça, se não hoje, muito em breve.

Eu desejo a vocês, assim como a mim e a todos os homens, grande sucesso nisso!

Homens E Mulheres Que Estudam Cabalá

Pergunta: Será que sexo, idade, nacionalidade influenciam o estudo da Cabalá?

Resposta: Não, só o desejo o faz.

Mas há uma diferença na atitude e na maneira de subir a escada espiritual que deriva de atributos de uma pessoa e especialmente de saber se é um homem ou uma mulher.

Assim como os homens e mulheres em nosso mundo diferem na sua percepção da realidade e em seu avanço e em suas ações, também diferem quando se trata da sabedoria da Cabalá.

Pergunta: Qual é o papel das mulheres na sabedoria da Cabalá?

Resposta: O mesmo que o papel dos homens. Não há diferença! Existem diferenças simplesmente pessoais entre homens e mulheres, assim como em nosso mundo.

[168722]

Da Lição de Cabalá em russo 27/9/15

Material Relacionado:

A Maneira De Ser Da Mãe

O Desejo Feminino E A Intenção Masculina

O Poder Da Maternidade

Dr. Michael LaitmanPergunta: Nós sabemos que a maternidade leva a uma grande mudança na vida de uma mulher. O que muda exatamente nela? Do que ela tem que desistir? Que novo processo ocorre numa mulher quando ela se torna mãe, e para que ela tem que se preparar?

Resposta: A mulher que se torna mãe gradualmente se desloca do nível de um indivíduo para o nível de um sistema, no qual ela entra. Se antes ela sentia que era um indivíduo desconectado de todos, exceto de sua casa, de seus pais e seu marido, ela sente que se torna dependente no momento em que tem um bebê; ela se torna conectada e até cativada por seu bebê, que agora está ao seu lado, obrigando-a, impedindo-a, absorvendo toda a sua atenção, e escravizando-a a tal ponto que não há nada mais importante no mundo para ela do que cuidar dele.

Quando eu passeio no parque, eu vejo mulheres jovens sentadas em bancos com carrinhos de bebê que falam umas com as outras. Cada uma está constantemente olhando para o seu bebê ao falar com as outras: “Talvez ele precise de algo ou talvez eu possa fazer algo por ele”. Isso continuamente. O bebê não precisa de muita atenção, mas sua natureza maternal a obriga a cuidar constantemente dele.

Imagine o que aconteceria se tivéssemos que colocar um policial ao lado de cada mãe para se certificar de que ela não deixou o bebê sozinho. Seria impossível.

Mas a força natural que desperta numa mulher depois que ela dá à luz é uma grande força. É uma força que estimula e gera a vida. Não há força mais poderosa que crie dependência, amor, conexão, e cuidado que não seja a força que nasce numa mulher que se torna mãe. Ela fica gradualmente mais fraca posteriormente, e assume outras formas, pois uma mãe pode ter mais filhos e tem que prestar atenção a todos eles.

Ainda assim, de todos os desejos humanos, a dependência do bebê nela e seu cuidado por ele, estão acima de tudo por enquanto. É porque de todos os outros desejos por comida, sexo, família, riqueza e respeito, o desejo de cuidar do seu bebê, de estar conectado a ele, precede todos os outros desejos e é mais importante do que todos eles.

Eu ressalto isso porque, a fim de levar a humanidade a um estado de harmonia com a natureza e do qual depende o avanço positivo da humanidade para alcançar um futuro brilhante, nós temos que usar essa força. É porque isso é natural e não temos que buscar qualquer coisa artificial.

Nós só precisamos de uma coisa: aproximar as mães e explicar-lhes de uma forma simples e convincente que o método integral que recomendamos ao mundo é a melhor coisa e é a única maneira de podermos prometer aos seus filhos um futuro bom, seguro e saudável.

Nós devemos explicar a cada mãe, para o bem de seu filho, que sistema de conexões nós temos que estabelecer na sociedade, o que todos nós temos que preparar para que seu bebê tenha um mundo maravilhoso no qual crescer e se desenvolver como toda mãe sonha.

Nós não precisamos convencê-las de outra maneira que não seja simplesmente explicar a toda mãe o que vai criar o melhor dos mundos para o seu bebê e o que temos que fazer para que seu bebê tenha o ambiente certo. Nós não precisaremos fazer mais nada.

De KabTV “Uma Nova Vida” 15/05/14

Uma Crise Nas Conexões Familiares

Dr. Michael LaitmanEm geral, a natureza nos obriga a ter conexões estendidas a fim de formarmos ambientes estáveis ​​para a pessoa que irá nos acompanhar durante toda a sua vida, independentemente dos processos e situações que experimenta.

No entanto, apesar de entendermos as especificações originais da natureza, também vemos os nossos defeitos que tornam impossível suportar as exigências da natureza e não permitem a construção de uma vida normal, mesmo em termos meramente fisiológicos.

Tanto quanto parece, isso exige um trabalho do nosso lado, trabalho duro que não é fácil, que é inerente somente na liberdade de escolha humana. E a liberdade de pensamento, palavra e ação, que torna possível a construção de uma vida independente, é particularmente expressa na abordagem correta em relação à família. Assim, nós temos que cumprir instintivamente o que não é ativado dentro de nós através da nossa natureza.

Eu devo ser fiel à família, leal ao carinho e educação dos filhos até que eles sejam capazes de se manter e começar a estabelecer suas próprias famílias. De acordo com a tradição judaica, mesmo que uma pessoa atinja a idade adulta com a idade de treze anos e realmente se torne um adulto independente com a idade de vinte anos, mesmo isso é relativo. Até então, a natureza nos obriga a cuidar dela.

Hoje em dia é difícil para as pessoas sustentarem uma família por um longo período de tempo. Este de novo atesta a crise em que nos encontramos.

Cinquenta ou sessenta anos atrás, divórcios pareciam um grande desastre. Pessoas discutiam casos como algo surpreendente e incompreensível, como algo excepcional. Então, enquanto não havia acordo social sobre esta questão, os divórcios não eram fáceis e aceitáveis. As pessoas se divorciavam em casos muito raros. Hoje em dia é difícil até imaginar o que teria que acontecer com as pessoas para estarem prontas para esse tipo de situação.

No entanto, no último meio século, a situação mudou drasticamente. Agora, a maioria dos casais se divorcia, as pessoas se casam algumas vezes e educam os filhos de diferentes casamentos. Isto já não surpreende ninguém. As mulheres às vezes preferem ter filhos sem um marido e, geralmente, não querem se casar.

Quando eu surjo diante de uma plateia, às vezes pergunto para um público de 2000 a 3000, “Quantos solteiros estão presentes nesta sala?” Desta forma eles se tornam conscientes de que até 80% dos participantes não estão num relacionamento familiar. E trata-se de pessoas com idades entre 30 a 40 anos em média.

Depois disso, eu pergunto: “Quem está pronto para se casar?” Então, a maioria dos que respondem positivamente é homens, não mulheres, o que confirma que isso é verdade. Em algum lugar lá dentro, as mulheres não sentem a necessidade de família e filhos. Talvez o que falte seja de alguma forma uma carga para elas, mas decidir se casar e começar a criar relações familiares, sentir-se envolvidas e comprometidas, seja tão difícil para o nosso ego crescente que elas prefiram permanecer solteiras.

Elas podem cuidar de si de forma relativamente fácil. Elas podem prover a si mesmas com todas as necessidades. Especialmente em nossos dias, as mulheres muitas vezes funcionam melhor do que os homens. Além disso, elas sabem como gerir a economia doméstica. Mesmo que estejam ocupadas, elas permanecem suficientemente livres de todos os tipos de obrigações e estão abertas às oportunidades que o mundo moderno oferece.

Por outro lado, isso não é tão fácil para os homens. Eles não têm o cuidado feminino, sentem-se um pouco mais “suspensos no ar” do que as mulheres, e muitas vezes não estão preparados para cuidar de si. No entanto, eles também veem a família como um fardo, um jugo pesado. Se fosse possível, o homem moderno preferiria sua mãe à sua esposa. Família e filhos com todas as suas implicações não são para ele.

De KabTV “Uma Nova Vida” 22/07/14

Parceiros Espirituais

Pergunta: A família influencia cada aspecto da vida de uma pessoa. Se uma pessoa tem um problema na família, ela não pode participar ativamente do grupo ou em qualquer tipo de trabalho. Quanto mais avançamos, mais entendemos que sem o apoio do grupo, é praticamente impossível se agarrar no contexto da família. Como podemos criar um ambiente que vai apoiar uma pessoa neste aspecto?

Resposta: A família é como o grupo. Caso contrário, não poderia existir neste mundo.

Mas hoje há uma crise na família e todo mundo está se divorciando e ninguém quer viver uma vida normal. Todos entendem que a família tradicional não existe mais, o que significa que um novo tipo de família deve emergir.

No futuro, as pessoas viverão um com o outro, em parte, por causa dos filhos, pela propriedade comum, mas, principalmente, pela idéia. Se eu sentir que eu avanço e minha esposa também avança, já que o nosso objetivo está acima de todas as diferenças corporais diárias entre nós, nossa família vai resistir ao teste do tempo. [Leia mais →]

Um Aliado Feminino

Dr. Michael LaitmanPergunta: As mulheres devem inspiram os homens?

Resposta: As mulheres podem inspirar os homens melhor do que ninguém. Imagine que a sua esposa está impressionado com você e continua dizendo: “Você é tão inteligente, tão bonito, tão especial! Eu olho para outros homens e vejo que você é muito mais forte e melhor do que eles!” Se uma mulher sentisse isso por você, você iria correr imediatamente para casa e sentar-se com ela como um menino para ouvir tudo o que ela diz. Assim são os homens.

As mulheres podem manipular os homens como quiserem. Se a mulher for inteligente, se ela visar à meta e entender por que faz isso, eu só serei grato a ela apenas por começar a trabalhar na minha natureza. Eu não vou me gabar e me orgulhar de ser um “macho”. Pelo contrário, eu serei totalmente honesto com ela: “O ego é a minha natureza, é um nada desprezível! Ajude-me a sair dele! Vamos resistir e mudar isso juntos. Então, vamos fazer o mesmo com você”.

Este é o lugar onde devemos anular a nós mesmos. Vamos ser nossos próprios psicólogos um pouco e olhar para nós mesmos de fora. Esta é a única maneira que podemos sair deste estado. Também tentamos fazer a mesma coisa no grupo, colocando-nos acima dele e, em seguida, abaixo dele para que ele nos impressione.

Nós temos que fazer a mesma coisa na família, ao constantemente subir e descer um com relação ao outro, mas para quê? Para atingir a meta superior! Então, eu não me importo com as relações com a família, desde que elas sejam dirigidas corretamente e estejam orientadas à meta. A mulher é o seu principal assistente, ela lhe conhece melhor do que ninguém, por isso sua atitude certa em relação à você pode ajudá-lo a sair de sua natureza rapidamente.

Nós devemos ter cursos especiais para ensinar os casais sobre as corretas relações mútuas e como mudar a natureza egoísta das pessoas. Você vai ver como vai ser capaz de influenciar positivamente os seus filhos. Eles vão ser bons, gentis, disciplinados, e sábios. Nós devemos tirar proveito de tais oportunidades. A principal coisa é ser mais maduro. A importância da meta justifica tudo.

Nós sabemos que no passado os Cabalistas ficavam realmente felizes quando tinham esposas amargas e irritadas. Mas nossas mulheres não são amargas ou irritadas. Elas estão seguindo o caminho espiritual conosco, ajudando-nos e aconselhando-nos com respeito a como devemos trabalhar com o nosso ego e usá-lo para o propósito correto.

Nós precisamos entender que estamos conectados apenas por este objetivo comum que determina as nossas relações, e que fazemos de tudo para alcançá-lo. Isso significa que eu não quero jogar com o seu ego de forma alguma, não quero usá-lo para apunhalar você, não! Nós devemos nos comportar sabiamente, delicadamente, e com muito tato com relação ao outro, na medida em que podemos usar a nós mesmos e o nosso parceiro corretamente.

Isto é o que devemos aprender. Você não pode imaginar que grande ferramenta é essa para a nossa correção. Nós podemos mudar o nosso planeta com ela! Para ser honesto, você não precisa de ninguém, exceto um aliado feminino. Você precisa do grupo só para conectar os dois a vocês corretamente.

De qualquer forma, durante o período de transição, poucas são as famílias em que os parceiros estão se movendo em direções diferentes. Nesse caso, a pessoa precisa de um grupo. A propósito, um grupo de mulheres é um suporte muito sério com relação ao grupo dos homens. Leve isto a sério. Progredindo através dos métodos adequados de interação, você vai ver o quanto isso lhe ajuda.

Da Convenção Virtual em Moscou “Unidade Sem Limites” 14/12/13, Lição 4

Perguntas Depois Da Convenção, Parte 6

Dr. Michael LaitmanPergunta: Como devem ser as interações entre parentes do sexo oposto no trabalho espiritual, digamos entre pai e filha ou irmão e irmã, se ambos estão estudando Cabalá?

Resposta: Elas devem ser normais, (regular, habitual), pois essas pessoas se relacionam entre si apenas neste plano material, enquanto que na dimensão espiritual existem outros tipos de associações entre elas.

Pergunta: Quais são os caminhos que tornarão mais fácil para o grupo das mulheres aceitar satisfazer o grupo dos homens, a fim de agradar o Criador?

Resposta: Elas podem conseguir isso ampliando a sua ajuda e apoio.

Pergunta: O que é o “desejo unificado das mulheres”?

Resposta: É um acúmulo de todos os desejos das mulheres num todo que tem a imagem de uma mulher. A unidade das mulheres é semelhante a dos homens. No entanto, é puramente das mulheres, uma vez que esta é a sua natureza. Quanto à sua aplicação, é a mesma que a dos homens.

Leve Isso Em Conta

Dr. Michael LaitmanComentário: Na preparação para a Convenção em São Petersburgo, nós pedimos que todas as mulheres criem uma oração comum para os homens.

Resposta: Enviar uma carta para os homens é uma boa ideia, mas vocês não devem ligar suas esperanças de sucesso a eles se vocês não conseguirem combinar a qualidade espiritual de doação. É impossível transmitir a propriedade espiritual de um para outro, até mesmo do marido para a esposa, que são considerados como um só corpo, porque, para ser realmente um corpo na espiritualidade, eles precisam de uma integração interna entre si. A mulher é uma pessoa, não um complemento para o homem!

Do Worshop para Mulheres, 2013/07/05

Perguntas Sobre Grupos Norte-Americanos E Grupos De Dez Femininos

Dr. Michael LaitmanPergunta: O grupo em Israel vem avançando com você por muito mais tempo do que os grupos na América do Norte. O que podemos fazer na América do Norte para alcançá-los?

Resposta: Realizem o que eu digo e, assim, vamos manter o ritmo. Para fazer isso, vocês devem dar exemplo e trabalhar em conjunto com os grupos israelenses. Se o grupo está se movendo para frente, eu estou pronto para participar imediatamente do seu processo.

Pergunta: Você permite ou recomenda grupos de dez femininos no grupo mundial de mulheres?

Resposta: Eu recomendo que vocês estejam em grupos de cinco a dez, mas o mais importante é estarem conectadas diariamente para discutir o tema diário e apoiar umas as outras.