Textos na Categoria 'Percepção'

Por Que Devemos Criar O Criador?

226Pergunta: Você diz que o Criador não existe e que devemos criá-Lo. O que é o Criador? Por que devemos criá-Lo?

Resposta: O termo “Criador - Boreh” vem das palavras hebraicas: “Bo-reh – venha e veja”. Enquanto você não O atingir, nada acontecerá ou funcionará, uma vez que não existe um Criador externo a uma pessoa. Ele aparece dentro de nós no momento em que O alcançamos.

É o mesmo em relação ao nosso mundo e a tudo o que existe nele. Enquanto o observarmos, ele é revelado em nós, e no momento que deixamos de observá-lo, ele desaparece. Os cientistas também estão começando a falar sobre esse fenômeno.

Da Lição de Cabalá em Russo 26/02/17

Recompensa E Castigo Em Nossas Vidas, Parte 1

Dr. Michael LaitmanPergunta: Toda pessoa quer receber recompensas por suas ações na vida, não castigos. Mas, às vezes, mesmo que tentemos com todas as nossas forças, não importa o que fazemos, tudo se revela desfavoravelmente e nem sequer é claro o porquê. Existe algum tipo de conexão entre nossas ações e os resultados que experimentamos em nossas vidas?

Resposta: Essa não é uma pergunta simples porque todo o sistema está oculto de nós. Nós recebemos recompensas e castigos por todas as nossas ações, mas quem sabe o que exatamente é considerado uma recompensa e o que é um castigo para nós?

Só podemos dizer uma coisa: nós existimos em um sistema estrito da natureza, e é por isso que cada um de nossos desejos – e seu uso, ato, palavra ou ação, cada nuance do nosso comportamento, inconsciente ou intencional, cada pensamento – todos afetam o sistema e o sistema responde a nós.

Todos nós existimos como se estivéssemos em uma rede, e o problema é que não sentimos essa rede. Mas, sem dúvida, há uma recompensa ou castigo por tudo. Todo esse sistema é chamado de “realidade” ou “mundo”. Porém, este é o mundo real, e não aquele que aparece à nossa frente. Nós estamos vendo apenas um pequeno segmento, uma parte minuciosa da realidade real.

É impossível imaginar todo o sistema se quisermos entender o significado de nossas ações através da pequena parte deste sistema geral que somos capazes de perceber e chamar de “este mundo”. É por isso que não sabemos quais respostas nossas ações desencadeiam. Eu faço algo e não entendo o tipo de influência que tenho no sistema e, da mesma forma, não sinto a ação em resposta em sua forma plena e verdadeira.

Esse é o problema da ocultação. Todo o sistema está oculto de nós. Recompensas e castigos são uma área incompreensível e desconhecida que não podemos investigar, e quanto mais estudamos o sistema da natureza com a ajuda de todas as nossas ciências, mais estamos convencidos de que estamos entrando em espaços cada vez mais internos e profundos que se tornam ainda menos compreensíveis para nós.

A natureza não se torna mais clara para nós, mas sim mais obscura. Não há fim para essa profundidade. É por isso que é improvável que, em algum momento, descobramos a natureza do homem com a ajuda da ciência. Ao mesmo tempo, isso foi tentado através da psicologia, mas muito rapidamente nos convencemos de que não é assim, porque mergulhamos imediatamente em áreas desconhecidas que não cederam aos rigorosos métodos científicos de investigação.

A sabedoria da Cabalá diz que precisamos nos afastar de investigar o mundo exterior. Isso ocorre porque o mundo exterior é uma ilusão que se forma dentro de nós, dentro dos nossos cinco órgãos sensoriais, em resposta à nossa interação com uma parte mínima do sistema. Basicamente, essa é a ponta do iceberg, enquanto 99% deste sistema permanece desconhecido.

Por esse motivo, vale a pena concentrar nossos esforços na descoberta do sistema interno de percepção, ou seja, expandir nossos órgãos sensoriais a tal ponto que percebamos e revelemos gradualmente todo o sistema da natureza. Quando começarmos a descobrir este sistema, sentiremos o que as recompensam e os castigos significam e quais os efeitos que realmente têm nossas ações, ou seja, quais são boas e quais são más.

Começaremos a perceber com mais precisão os eventos que se desdobram, considerando que é possível que hoje percebamos recompensas e punições como crianças pequenas que pensam que doces e uma lata de refrigerante são recompensas. Mas nós sabemos que isso não é totalmente verdade e que é um castigo para o corpo, uma influência negativa, não positiva.

Portanto, tudo depende de quem está fazendo o julgamento. Em outras palavras, poderemos subir a um nível superior a cada vez, como uma mãe em relação à criança que a protege de todos os problemas e não fará nada que possa ser prejudicial? É por isso que o que parece ser uma recompensa para a criança, para a mãe, é um castigo.

Desta forma, sempre podemos verificar-nos com respeito ao nível superior e, consequentemente, examinar e decidir onde, na realidade, está a recompensa e onde está o castigo. A ciência da Cabalá nos permite fazer isso, mesmo que isso nos obrigue a realizar um grande esforço. Mas só assim podemos descobrir que tudo é exatamente o oposto, como com crianças. O que nos parece hoje como recompensas são descobertos como castigos, e os castigos aparentes são realmente recompensas.

Nós existimos em um sistema falso construído inteiramente em nosso egoísmo, nosso desejo de receber prazer, e toda a realidade, todo o sistema, se comporta de acordo com uma lei completamente diferente, a de doação mútua. É um sistema integral dentro do qual cada elemento interage em completa harmonia com todas as outras partes.

Neste sistema, ninguém faz um cálculo para seu próprio benefício, mas apenas para o bem-estar de todo o sistema, e o que é benéfico para o sistema geral é chamado de recompensa para todas as suas partes. O que é benéfico para uma parte que se opõe a todo o sistema é chamado de castigo.

De acordo com o grau de desenvolvimento e conexão correta com o sistema geral, nós mudamos a nossa compreensão de recompensas e castigos de forma a considerar uma recompensa que beneficie todo o sistema e o que é bom para o meu egoísmo, em oposição ao sistema, eu considero como um castigo.

De KabTV “Nova Vida” 02/02/17

Os Pensamentos Das Pessoas Afetam Nosso Mundo?

laitman_423_02Pergunta: Como os pensamentos das pessoas comuns afetam o nosso mundo?

Resposta: Os pensamentos das pessoas comuns não afetam o nosso mundo de forma alguma.

Uma pessoa em nosso mundo que vive seu cotidiano apenas realiza as leis da natureza, que continuam emergindo nela e nada mais do que isso. Ela nem existe no sistema espiritual porque não tem impulso ou capacidade de fazer seus próprios movimentos.

Da Lição de Cabalá em Russo 15/01/17

Todos Os Desejos Vêm Do Criador

laitman_537.jpgPergunta: De que maneira os desejos que sinto vêm do desejo do Criador? Eu pensei que eles vinham do ambiente.

Resposta: O ambiente é apenas um condutor. O desejo geral dentro do qual a intenção geral, o pensamento geral existe, preenche toda a criação, e essa é a intenção do Criador, que gradualmente é percebida em nós e que gradualmente percebemos.

Cada um de nós e todos nós juntos realizamos as ações do Criador, o pensamento do Criador, o programa do Criador, que são basicamente o mesmo.

Tudo é derivado Dele, e não há mais nada no mundo, como está escrito: “Não há outro além Dele” (Deuteronômio 4:35). Nós realizamos tudo o que Ele faz conosco automaticamente.

Além disso, ao avaliar Suas ações, podemos alcançar um estado em que começamos a antecipá-las por meio do nosso anseio por elas, o que significa que podemos alcançar um estado no qual queremos as ações particulares do Criador desde o início. Se nossos desejos corresponderem às intenções Dele, então trabalharemos harmoniosamente com Ele, e nossa consciência fluirá para a consciência Dele. Isso é a adesão da criatura com o Criador.

Da Lição de Cabalá em Russo 15/01/17

Blitz De Dicas De Cabalá – 15/01/17

laitman_250Pergunta: Eu posso afetar o Criador através do ambiente?

Resposta: Claro! Este é o nosso trabalho, impactá-Lo, forçá-Lo a fazer o que precisa ser feito. Isso é chamado de “meus filhos Me derrotaram”.

Pergunta: O que é a consciência?

Resposta: Simplificando, a consciência é o sentimento de que eu existo.

Pergunta: Podemos dizer que a intenção é um desejo que está fortemente focado? Ou a intenção é um pensamento?

Resposta: A intenção é o ponto, o objetivo que busco, mas não o desejo em si.

Pergunta: O que é o inconsciente?

Resposta: O inconsciente é a consciência que ainda não foi formada.

Pergunta: A mente de uma pessoa envelhece com a idade? Por que é difícil para pessoas idosas aprender coisas novas?

Resposta: Embora pareça um processo fisiológico, na verdade não é assim. É simplesmente o processamento do nível em que estamos.

Pergunta: Como o pensamento difere da imaginação?

Resposta: Ao contrário dos pensamentos, nossa imaginação ainda é ilimitada por nossos desejos, e assim, como em um sonho, essas imaginações podem ser variadas.

Pergunta: O tempo é a sensação do fluxo de meus desejos, pensamentos e estados internos?

Resposta: Sim, é a sensação do fluxo de nossos desejos.

Pergunta: O homem é um processo de percepção?

Resposta: Não, o homem é um desejo que se identifica com o Criador. Se não falamos do Criador, é impossível definir ou determinar qualquer coisa corretamente.

Da Lição de Cabalá em Russo 15/01/17

A Perspectiva Do Cabalista

Laitman_145Pergunta: Os Cabalistas, que olham o mundo por meio do atributo de amor e doação que adquiriram, veem todas as falhas, crueldades e atos de violência no mundo?

Resposta: Isso depende da perspectiva pela qual eu olho tais circunstâncias e fenômenos. Um Cabalista pode vê-los na forma comum como todas as outras pessoas. Ele também pode ver suas raízes espirituais e pode vê-las nas partes do estado corrigido até que seja completamente corrigido.

Tudo depende de como um Cabalista quer usar esses estados. Todos eles existem no mundo espiritual, mas um Cabalista escolhe qual é o mais benéfico para si.

Da Lição de Cabalá em Russo 29/01/17

A Sensação Do Mistério

laitman_534Pergunta: O que significa “mistério” na Cabalá?

Resposta: De acordo com a Cabalá, um segredo é algo que ainda não descobrimos. Em regra, nós revelamos qualquer objeto, qualquer fenômeno em quatro aspectos de imersão nele, ou seja, alcançamos continuamente os quatro estágios de seu desenvolvimento.

Se começarmos a perceber um objeto ou um fenômeno no primeiro estágio, mas vejamos que ainda há outros aspectos, então nosso estado é chamado de sentir o mistério.

Da Lição de Cabalá em Russo 22/01/17

O Potencial Do Nosso Cérebro

Pergunta: Dizem que nós usamos somente 2% do potencial do cérebro. Por que nos foram dados os outros 98%?

Resposta: Na minha opinião, mesmo isso é demais para o nosso mundo. Nós absolutamente não usamos o nosso cérebro e, sobretudo, a nossa consciência, porque não está dentro da cabeça, mas em torno de nós.

Minha consciência está incluída na alma comum, naquele grande desejo, Malchut, do mundo do Infinito, em que eu entro com meu ponto no coração, e esse desejo é todo meu. Reunindo todos os desejos na forma correta leva-me à consciência correta, para entender como este mecanismo enorme todo é lançado, e eu existo nele.

I devo ter vastos recursos, a fim de controlar todo o universo espiritual. Portanto, 98% do cérebro é o nosso potencial para o futuro.

[206990]

Da Lição de Cabalá em russo 15/1/17

Material relacionado:

Consciência: Além Do Tempo E Espaço
O Cérebro Como Coordenador Supremo
Eu Posso Usar 100% Do Meu Cérebro?

O Pensamento É Tangível?

laitman_284_02Pergunta: O pensamento é tangível?

Resposta: Um pensamento não é material, não existe em uma pessoa, nem o desejo dela. Nós somos uma espécie de modem, uma espécie de órgão de sensação de pensamentos e desejos – mente e coração – que existem fora de nós dentro do sistema que nos rodeia.

E nós só deixamos certa microdose da mente comum e do coração (desejo) passar por nós até certo ponto. Isso é o que se chama nosso pensamento e nossos desejos.

Não há nada de próprio dentro de uma pessoa. Tudo isso passa por nós, e nosso cérebro reage de forma semelhante ao nosso coração que reage com mudanças de pressão sanguínea e outras coisas, então nos parece que isso aparece dentro de nós.

Pergunta: Isso significa que a informação é poder? Que quando passa por nossos desejos e pelo cérebro, vemos parte disso na forma do mundo material?

Resposta: Quando isso passa por mim, através da minha mente e do coração, desenho uma imagem de mim mesmo e do mundo circundante. E a Cabalá me permite ver informações puras.

Da Lição de Cabalá em Russo 15/01/17

Como É Que Uma Vida Real Começa?

Pergunta:​ ​Nós vemos o mundo como se estivesse dentro de nós mesmos e tentamos satisfazer os nossos desejos, mas fora de nós não vemos nada, porque parece-nos que estes são os desejos de outras pessoas. A Cabalafar-nos-á sentirmos o mundo inteiro como nossos próprios desejos?

Resposta:​ ​Sim, fará. Além disso, os desejos que vêm até nós como se de fora serão mais significativos para nós do que aqueles que nós sentimos por dentro.

Você começará a sentir os desejos de outras pessoas mais do que o seu próprio. E você sentir-se-á apenas na medida em que é necessário. Você estará em alta, não sentir-se-á sozinho. E quando você pensa: “O que posso dar-lhes?” – então você voltará para si mesmo e começará a procurar internamente o que você pode fazer por eles.

Pergunta:​ Há bilhões de pessoas em torno de um cabalista. Será que ele só pensa: “O que eu posso doar”?

Resposta:​ ​Mas na medida que ele sente como a ​Luz,​ o ​Criador,​ flui através dele. Ele é o condutor que liga o Criador a cada um dos seres humanos. Eles não sentem isso, mas ele faz.

Pergunta:​ Como você pode sentir os outros como seus próprios desejos e ainda mais?

Resposta:​ Você deve perguntar por isto. Este é o começo de uma vida real.  Você aprecia o fato de que você transfere a idéia do Criador a todos; você é Seu condutor. Portanto, você adere a Ele, tornando-se um instrumento em Suas mãos. O Criador está inclusive em Si mesmo. Mas, graças a você, Ele pode chegar a toda  a criatura. Adesão com o Criador é todo o ganho, a recompensa, o tributo.

[206564]

Da Lição de Cabalá em russo 17/3/17

Material relacionado:

Qualquer Um Pode Receber. E Doar?
A Escolha É Sua