Textos na Categoria 'Fontes Cabalísticas'

A Sabedoria Do Rei Salomão: “Quem Consegue Suportar A Inveja?”

Laitman_154Provérbios, 27:4: “O rancor é cruel e a ira é destrutiva, mas quem consegue suportar a inveja?”

O rancor é um fenômeno natural, assim como a ira. Mas a inveja significa comparar a si mesmo com alguém ou alguém me comparando com outra pessoa. Isto é horrível! Em outras palavras, é a derrota mais profunda do egoísmo.

Quando alguém me diz que estou errado, eu estou errado em relação a algo abstrato.

No entanto, quando alguém me coloca ao lado de alguém e diz que não sou nada comparado a ele, então é isso. Se uma pessoa não pode evitá-lo, esquecê-lo, tirá-lo e assim por diante, só há uma coisa a fazer: lutar contra ele.

O indivíduo destrói quem disse isso ou destrói aquele com quem é comparado. É ainda melhor destruir os dois.

Pergunta: Este é o estado mais terrível. O que devemos fazer quando alguém tem esse sentimento?

Resposta: Não há nada que possamos fazer. É necessário aumentar o grau em que essas leis da natureza se originam. Lá, veremos a causa e a implementação correta.

Pergunta: Qual é a razão da inveja?

Resposta: É o meu egoísmo. Isto é, eu sou a vítima. Eu estava machucado, meu ego. E sem ele, não posso viver. Eu tenho que fazer algo aqui: ou me matar ou matá-lo – um ou outro. Não posso continuar vivendo assim.

Pergunta: Eu posso estar acima disso?

Resposta: Não. Bem, eu posso, mas isso requer uma educação especial, treinamento, ajuda psicológica e assim por diante. Caso contrário, se eu permanecer nisso, aguarde um assassinato.

Pergunta: Como os Cabalistas resolvem a questão da inveja?

Resposta: Os Cabalistas resolvem esse problema muito bem. Eles acreditam que é necessário revelar o pensamento do Criador: por que você recebeu tal sinal Dele e como deve se elevar acima de si mesmo através dele. Acontece que você agradecerá ao Criador por lhe dar sentimentos tão terríveis. De fato, eles estão lá apenas para elevar você.

Pergunta: Você acabou de dizer uma frase tão contraditória: “Os sinais são terríveis e sou grato por eles”. Sou grato pelos terríveis sinais?

Resposta: Claro. Afinal, eles me elevam. É por isso que se chama “acima da nossa natureza”. No entanto, precisamos passar por isso sob supervisão, no grupo e assim por diante.

Pergunta: Um Cabalista entende de onde isso vem e por quê? Então, tudo é adoçado?

Resposta: Sim. Eu recomendo que você encontre um professor que o ajude a superar todos os sentimentos negativos. É, de fato, possível.

De KabTV, “Notícias com Michael Laitman”, 05/12/19

A Sabedoria Do Rei Salomão: Ódio E Amor

laitman_608.01Provérbios 10:12: “O Ódio Suscita Brigas, Mas O Amor Cobre Todas As Transgressões”.

“O ódio suscita brigas” – essa parte parece clara para nós.

“O amor cobre todas as transgressões” – isso também é correto, porque não pode haver amor sem transgressão. É necessário revelar o mal para entender a necessidade do bem, revelar o ódio para entender a necessidade do amor.

Pergunta: Será que alguém simplesmente ama?

Resposta: Não. Isso só é possível para uma mãe em relação ao bebê. As pessoas que não têm razões animalescas para isso, como os animais, não podem ter inclinação para isso.

Pergunta: Isso significa que elas não podem amar?

Resposta: Amor é quando estou pronto para fazer tudo pelo outro. De mim para o outro.

Pergunta: É possível que eu esteja pronto para fazer tudo por uma pessoa?

Resposta: Não. Nossa natureza não é organizada dessa maneira. Nós não podemos fazer isso.

Pergunta: Somos pecadores por natureza?

Resposta: Não é chamado de “pecado”. É a nossa natureza; não é ruim nem boa.

Pergunta: De qualquer forma, é da nossa natureza tratar os outros como um estranho?

Resposta: “Bolívar não pode carregar o dobro”. É mostrado bem lá. Sinto muito, é claro, mas não vai funcionar. É você ou eu. Então, é claro, sou eu.

Pergunta: E onde o “amor cobre todas as transgressões”? Como podemos então explicar isso? Que tipo de segredo existe aqui?

Resposta: Se tratarmos corretamente todos os pecados, ódio e tudo o mais que revelamos entre nós, atraímos a força da conexão até alcançarmos o amor que cobre nosso ódio. O ódio permanece dentro. E através dele, alcançamos o nível de amor.

Pergunta: Como atraímos isso? Começamos a odiar nosso ódio pelo outro?

Resposta: Sim. Mas isso vem de cima. Caso contrário, trata-se apenas de uma mãe com seus filhos. E também, até um certo limite. A natureza nos mostrou essas coisas. Durante a fome e assim por diante. Quando, de repente, o instinto materno desaparece.

Comentário: Isso é realmente terrível.

Minha Resposta: Isso não é terrível. É a natureza. Não há nada de terrível na natureza; é simplesmente o que é.

Pergunta: Nesta simples verdade, o rei Salomão diz que o homem odeia e todo o seu trabalho é invocar o amor para se elevar acima do ódio?

Resposta: Sim

De KabTV, “Notícias com Michael Laitman”, 05/12/19

A Sabedoria Do Rei Salomão: “Não Há Homem Justo Na Terra”

laitman_272Comentário: O rei Salomão inseriu tremenda sabedoria em suas palavras e, por trás de sua simplicidade externa, existe uma grande profundidade.

Eclesiastes, 7:20: Pois não há homem justo na terra que pratique o bem e não peque.

Minha Resposta: Eu diria de outra maneira: que não há pessoa justa na Terra que faça algo justo sem pecar antes. E cada vez que, na medida do seu pecado, ela pode agir em retidão. Um contra o outro.

Pergunta: O que você acha que é pecado?

Resposta: Pecado é qualquer condição em que eu possa prejudicar outras pessoas. Não precisa ser em ação; pode ser em intenção. Quando eu percebo isso, passo imediatamente para o próximo estado, onde me corrijo pela atitude correta e gentil com os outros, e isso completa minha correção.

Portanto, o fato é que você vê boas ações, mas talvez simplesmente não perceba que antes de uma pessoa fazer algo de bom, isso era mau, consciente e ruim, e houve a decisão de mudar para o bem e o estado de bem que você já vê.

Isto é, quatro etapas ocorrem do estado mau para o estado bom e, em seguida, são implementadas.

Pergunta: Então, antes que eu fizesse alguma ação, pequei antes?

Resposta: Se você fez uma boa ação, sim, você pecou antes. E se você não sente que pecou antes, sua ação não é boa.

É realmente o caso. Existem histórias e parábolas em que toda pessoa alegre e verdadeiramente sábia tem um oposto e um depressivo oposto por dentro.

Raikin [um comediante soviético] era esse personagem. Foi graças a esses estados que ele experimentou que quando ele sentiu estados completamente repulsivos em relação ao mundo por si mesmo e em relação a si mesmo a partir do mundo, ele subiu ao palco e pôde descrever o oposto. Caso contrário, ele não teria essas emoções, esse entendimento, como dizer, o contrário. É sempre assim.

De KabTV, “Notícias com Dr. Micahel Laitman”, 30/12/19

A Sabedoria Do Rei Salomão: A Esposa Sábia E A Esposa Tola

laitman_961.2Provérbios 14:1: Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos.

O desejo de um homem é chamado de esposa. Um desejo sábio é direcionado para a unidade. Portanto, a união com os outros cria uma combinação de forças que podem levar à revelação do Criador. Particularmente através da conexão das qualidades positivas e negativas.

Pergunta: E a esposa tola?

Resposta: Uma esposa tola não pode conectar nada. Ela não consegue entender como se unir acima de seu ódio, egoísmo e individualidade e, portanto, tudo é destruído.

Pergunta: A esposa tola é meu desejo para meu benefício próprio? Viver sozinho? Isso é tolice?

Resposta: Sim. Como vemos com a União Europeia, eles não tiveram tempo de se unir e já se separaram. A União Soviética entrou em colapso. Tudo desmorona rapidamente. Os Estados Unidos são os próximos da fila, seguidos da China.

Pergunta: Você chama isso de uma esposa tola?

Resposta: Este é o egoísmo que somos incapazes de direcionar adequadamente à vida, ao renascimento e à prosperidade. Ele apenas destrói. Os Estados Unidos serão desmantelados em seus estados. A China será dividida em províncias. Tudo vai acontecer muito distintamente.

No final, se o mundo não trabalhar em sua unidade, começará a cair em assentamentos menores, como no passado. Ficaremos novamente com aldeias, províncias e principados.

Comentário: Mas era assim no passado.

Minha Resposta: Não importa. Nós tentamos nos unir através do nosso egoísmo e só agora começamos a perceber que o egoísmo não pode nos unir. Podemos ver isso muito claramente na Europa.

No final, o que tem que ser feito? Se usarmos o egoísmo corretamente, seremos capazes de unir o mundo inteiro. Caso contrário, criaremos apenas uma maior distância entre nós, como em Sodoma e Gomorra, ou seja, não nos ajudarmos: “O que é meu é meu”.

Pergunta: Então, a esposa sábia é a que trabalha corretamente com o egoísmo? Ao se elevar sobre ele, anulando a si mesma? Enquanto uma esposa tola pega tudo para si?

Resposta: Sim. A próxima geração terá ainda mais mulheres no controle em todo o mundo, porque as mulheres se preocupam mais com a reciprocidade, várias interconexões. Mas isso não vai durar muito tempo. Em breve, o lado feio disso será revelado.

Pergunta: Então, as mulheres estarão no controle da próxima geração?

Resposta: As mulheres estarão mais no controle do mundo do que os homens, e isso parecerá benéfico para o mundo.

Os homens estão em declínio. Eles estão prontos para passar tudo a uma mulher e tratá-la como uma mãe. Só depois perceberemos que é muito pior que o governo dos homens.

Estou lhe dizendo o que vai acontecer. Porque uma mulher lutará por sua morada, pelo que é dela. E, nesse sentido, as mulheres serão muito mais cruéis que os homens. Quando uma mulher luta por seu território, ela não leva nada em consideração. É a coisa mais importante para ela.

Não é o caso de um homem. Ele está contente em ir a um bar ou fazer outra coisa.

Comentário: … Assistir esportes.

Minha Resposta: Sim, mas não para uma mulher.

Então, enquanto elas estão trabalhando para isso – parece ser bom para nós. Mas logo chegará o ponto da virada, como geralmente acontece com o nosso egoísmo, quando ele começa a trabalhar contra si mesmo. Então as mulheres começarão a se destruir. Isto é, elas usarão qualquer coisa à sua disposição para destruir a competição de uma maneira muito civilizada, primitiva e pessoal.

Pergunta: Você está se referindo ao nosso mundo corporal?

Resposta: Sim, nosso mundo material. Isto é o que ainda está por vir.

Pergunta: Tem alguma raiz espiritual superior?

Resposta: Certamente. Uma esposa tola se vê como mestre de tudo. Ela está pronta para entrar em guerra com quem se levantar contra ela. Isto é, ela pode ser uma grande força destrutiva.

Uma esposa sábia, por outro lado, entende que tudo precisa ser resolvido em conjunto. Portanto, em vez de uma única casa, deveríamos construir uma comunidade para todos.

De KabTV, “Notícias com Dr. Michael Laitman”, 05/12/19

Sabedoria Do Rei Salomão: “O Que Guarda A Sua Boca”

laitman_962.3Provérbios 13:3: O que guarda a sua boca conserva a sua alma, mas o que abre muito os seus lábios se destrói. (Rei Salomão)

Pergunta: O que é isso?

Resposta: É sobre o que você precisa entender, com quem está lidando e agindo apenas na medida em que possa influenciar o mundo de uma maneira boa e gentil. Conduza-o com sua moral, suas influências para as ações corretas.

Cuide do que você dá ao mundo para que fique claro para todos e para que eles possam usá-lo em seu próprio benefício.

Pergunta: O que é benéfico para o mundo?

Resposta: A única coisa benéfica para o mundo é a conexão.

Pergunta: Isto é, tudo o que você pode fazer e o que pode dizer deve ser apenas na direção da conexão. É chamado “o que guarda sua boca”?

Resposta: Sim.

Pergunta: O que significa “o que abre muito os seus lábios”?

Resposta: É quando você não controla suas influências no mundo e pode causar muitos danos ao mundo por isso.

Pergunta: Uma pessoa não pode incendiar o mundo?

Resposta: Não. Nossa natureza é tal que, inadvertidamente, agimos supostamente em benefício de nós mesmos e, portanto, em detrimento do mundo.

Comentário: Mas você está se contradizendo. Uma pessoa não pode evitar incendiar o mundo com cada palavra.

Minha Resposta: Não, estamos falando de uma pessoa comum, não de um Cabalista. O Cabalista controla claramente e sente quais influências dá ao mundo, qual é sua mensagem e como o mundo a perceberá. Mesmo que o próprio Cabalista não esteja muito feliz com isso, no final, ele ensinará o mundo. Se não hoje, amanhã, o mundo entenderá que deve seguir um caminho diferente.

Pergunta: Um Cabalista pode dar apenas boas informações ao mundo?

Resposta: Um Cabalista pode dar ao mundo apenas boas informações porque sente a força interior da natureza e a partir daí desenha o método de sua entrada no mundo, isto é, de se dirigir ao mundo.

Ele não pode fazer mal. O mundo pode não entender isso, mas não pode haver dano de um Cabalista. Embora geralmente sua saída para o mundo pareça muito desagradável, abrupta e prematura.

Pergunta: Isso impede um Cabalista?

Resposta: Não, porque ele vê que benefício pode trazer ao mundo, quanto pode levar o mundo adiante na direção certa; portanto, ele não pensa muito em si mesmo. Embora mais tarde ele sofra.

De KabTV, “Notícias com Dr. Michael Laitman”, 23/12/19

A Sabedoria Do Rei Salomão: “Dois São Melhores Que Um”

Laitman_198Comentário: O sinônimo de homem sábio é, como se costuma dizer, o rei Salomão.

Foi a melhor época no Estado judeu. Em seu tempo, o Templo foi construído. Ele escreveu ótimos livros. Ele estava envolvido na educação e, em geral, havia uma influência em todos os assuntos.

Há citações que lhe são atribuídas. Elas são muito profundas e ao mesmo tempo muito simples. Por favor, comente sobre elas.

“Dois são melhores que um, pois têm uma boa recompensa por seu trabalho. Porque se um cair, o outro levanta o seu companheiro; mas ai do que estiver só; pois, caindo, não haverá outro que o levante. E se dois dormirem juntos, vão manter-se aquecidos. Como, porém, manter-se aquecido sozinho?”.

Tudo é tão simples.

Resposta: Não, não é simples. São fatos grandes e aparentemente simples, mas inatingíveis para a pessoa comum simplesmente aceitar e implementar.

Isso se refere à unidade interna das pessoas, acima do ódio, quando cada uma delas é uma entidade separada. Além disso, este é um trabalho enorme de uma pessoa, de acordo com uma técnica séria.

Pergunta: Você acha que não é apenas dito: é bom estar juntos e não sozinho?

Resposta: Não, este é o rei Salomão. Ele diria apenas isso?

Pergunta: Você quer dizer que ele entende claramente que as pessoas não podem estar juntas?

Resposta: Claro. É a revelação do ódio interno que é necessário para descobrir até que ponto devemos chegar para nos tornar tão próximos um do outro, aquecer um ao outro. Esse não é o aquecimento corporal, é quando você trabalha em minha alma e eu trabalho em sua alma.

De KabTV, “Notícias com Michael Laitman”, 05/12/19

O Significado Dos Livros Cabalísticos, Parte 1

laitman_531.01As Muitas Faces da Torá

Pergunta: Quando abrimos a Torá, encontramos uma coleção de contos históricos com muitos personagens. Como devemos nos relacionar corretamente com eles?

Resposta: Se a Torá não veio de uma fonte especial, mas foi um livro comum escrito, digamos por uma pessoa na Idade Média, então seria apenas um romance histórico interessante.

A Torá em si é apresentada em uma linguagem muito interessante e, quando você começa a lê-la, não consegue parar, porque ela cativa você. Há algo nela que faz você nunca se cansar de ler.

Eu falo disso como um leitor comum que nada tem a ver com a origem deste livro, religião, história, geografia ou qualquer outra coisa. É apenas escrita em um estilo interessante.

Alguns percebem a Torá como um documento histórico, outros como ficção, ou, talvez, como uma coleção de instruções ou documentos legais. Ele contém muitas informações sobre a interação de pessoas e nações nos tempos antigos, sobre sua visão do mundo.

Em geral, a Torá é um livro muito interessante. Vemos algo semelhante em Flávio Josefo ​​se é possível comparar a Torá e suas obras. Até certo ponto, ele reconta a Torá e a descreve como historiador.

Josefo é um historiador verdadeiramente impressionante, com uma visão ampla e um profundo conhecimento de fatos históricos. Ele escreveu suas obras enquanto estava no exílio em Roma, onde um enorme instituto foi criado especialmente para ele, onde centenas de pessoas trabalhavam para ele.

Mas, mesmo assim, o que ele escreveu não pode ser comparado com a própria Torá.

De KabTV “Fundamentos de Cabalá” 18/12/18

O Estado Do Mundo Depende De Israel

Zohar La’am, Va Yechi, Não Recorde Nossos Primeiros Pecados, 412-413: Se Israel realizasse boas ações diante do Senhor, as nações do mundo e os idólatras não se levantariam contra eles. Mas Israel está fazendo com que as outras nações levantem suas cabeças no mundo, porque se Israel não tivesse pecado diante do Senhor, as outras nações e os idólatras teriam se rendido a eles.

Se Israel não tivesse continuado suas ações más até o outro lado da Terra de Israel, as outras nações do mundo e os idólatras não controlariam a Terra de Israel e eles não teriam sido exilados de sua terra. É dito: “Nós ficamos muito pobres já que não temos boas ações, como deveríamos ter”.

O Futuro Da Educação

Dr. Michael LaitmanPergunta: Eu sou estudante de educação. Você diz que a educação é a única forma de corrigir a situação atual, mas a educação é um longo processo que leva anos. Além disso, eu estou tentando fazer algo no meu ambiente local e vejo que não só isso não melhora a situação, mas, na verdade, piora as coisas. O que você recomendaria agora à luz do que está acontecendo ultimamente em Israel?

Resposta: O nosso problema é que nos desenvolvemos de uma forma que parece que somos o cavalo correndo atrás da carroça. Nós avançamos por impulsos que a natureza evoca dentro de nós. Nós mudamos e, em seguida, vemos quão mal nos tornamos em nosso novo estado e o que podemos fazer para nos tornar um pouco melhor.

Assim, nós sempre tentamos melhorar o estado de ontem, nunca o estado de hoje, e certamente não o de amanhã. Esta é a razão do nosso sistema de ensino ser ineficaz, e como você diz, “a educação é um processo longo”. Se nós criarmos nossos filhos de forma incorreta agora, só veremos que estávamos errados em 20 a 30 anos. Você está certo, este é um problema!

Portanto, mesmo os grandes especialistas na área da educação não podem fornecer o sistema educacional correto para a geração que está crescendo hoje e que será governando o mundo em 30 anos para que eles tenham este método e sejam capazes de usá-lo corretamente.

Não podemos chegar a tal método usando nossas próprias mentes! Afinal, não nos desenvolvemos ao estado em que podemos desenvolver o sistema de ensino nem ensinamos a todos para que possamos ser devidamente instruídos no futuro também. Nós não sabemos para onde a natureza nos levará em 30 anos, mas o sistema educacional deve ser corrigido agora, a fim de preencher, corrigir e complementar todas as diferenças e contradições entre nós, bem como todos os estados que serão revelados no futuro. Não podemos sequer imaginar como uma pessoa, um cidadão israelense, será em outros 30 anos.

É assim que eu entendi sua pergunta. Você está certo que a abordagem educacional atual não tem êxito e não pode ter. Apenas uma pessoa do futuro pode nos fornecer o método certo, o que significa alguém que sabe o estado em que devemos nos desenvolver. Portanto, essa pessoa já precede seu tempo e nos fornece um sistema educacional de modo que estaremos prontos para o futuro, embora ainda não tenhamos alcançado esse objetivo e não nos desenvolvemos internamente para ele.

Esta é a razão de precisarmos da sabedoria da Cabalá que nos ensina sobre nós e explica todo o processo de nossa evolução, que estado nós alcançamos em determinado momento de nossa história, e como devemos nos unir para que possamos estar prontos, não apenas hoje ou amanhã, mas também para o dia depois de amanhã e sempre. É porque este método é eterno e pronto para qualquer um. Portanto, o sistema educacional tem as suas raízes nas verdadeiras fontes da sabedoria da Cabalá. Isso não significa que nós realmente precisamos estudar esta sabedoria, mas este sistema deriva dela, da compreensão profunda da natureza do homem e do seu ambiente.

Do Programa da Rádio Israelense 103FM, 02/08/15

O Espírito Da Judiaria Russa

Dr. Michael LaitmanPergunta: Por algum tempo, grandes Cabalistas viveram em cidades russas: Baal Shem Tov, Rabi Nachman de Breslov e outros. Isso influencia o espírito da Judiaria Russa?

Resposta: Sem dúvida, os estudantes do Baal Shem Tov viveram em cada cidade. O Baal Shem Tov primeiro começou a aplicar a sabedoria da Cabalá que o ARI revelou no século XVI. Ele ensinou isso a vários de seus estudantes Cabalistas, que atingiram o mais alto nível no sistema. Seu papel foi despertar a inspiração no povo, para corretamente elevar, estabilizar e levá-los para a frente. Essa foi a ideia de restaurar o espírito do povo, que já havia sido perdido no momento da destruição do Beit HaMikdash (Templo), quando eles caíram do nível do amor mútuo para o ódio mútuo. Portanto, a necessidade amadureceu para elevar o povo do nível da rejeição egoísta para o nível altruísta de amor mútuo.

O Baal Shem Tov estabeleceu o que foi chamado de Hassidismo, um trabalho Cabalístico prático. Mas é preciso dizer que o Hassidismo de hoje é muito diferente. O Baal Shem Tov mudou o estudo do ARI para aproximá-lo do povo e mostrar-lhe a correção interna. Dessa forma, ele implementou a regra geral da Torá, “ama o teu próximo como a ti mesmo”. O povo então foi capaz de deixar o exílio espiritual e físico, porque um está conectado ao outro. Mas se a pessoa não estivesse pronta para a redenção espiritual, ela também não alcançaria a liberdade física.

Portanto, por duas gerações até o século XVIII, a atual Cabalá, que se chamava Hassidismo, prosperou. Em cada aldeia e assentamento havia pessoas envolvidas em alcançar o Criador com base na conexão correta entre elas, que é o que requer a Torá. Dessa forma, o Judaísmo se tornou espiritual, e apareceram muitas pessoas que se tornaram professores. Ao mesmo tempo, os adversários do Hassidismo apareceram, mas aconteça o que acontecer, ambos os grupos começaram a se elevar espiritualmente e isso desempenhou um papel enorme na influência do ambiente.

Ao mesmo tempo, pessoas oportunistas começaram a aparecer, o que mudou tudo e substituiu a corrente popular, de modo que elas já não estavam mais envolvidas com a realização da Torá. Em vez disso, elas simplesmente realizavam Mitzvot (mandamentos) físicas com algum tipo de aspiração interna ligeiramente maior, mas não mais do que isso. Isso significa que o Hassidismo caiu para um nível inferior. Mas, até o final do século XIX e apesar de tudo isto, ainda havia uma multidão de Cabalistas que sentia o mundo superior, o sistema de gerenciamento. A partir disso, eles ensinaram os outros. Isso influenciou muito fortemente o espírito da Judiaria Russa e foi enraizado neles para sempre. Portanto, a descoberta contínua do mundo espiritual, a descoberta da alma, o sentimento do mundo superior e todo o sistema de descoberta do Criador como a força superior de supervisão, os empurrou e hoje ainda empurra uma grande parte dos Judeus da Rússia para a verdadeira realização espiritual.

Entre meus alunos hoje, é possível encontrar muitos da antiga União Soviética e Russos ainda vivendo na Rússia. Até hoje, o potencial espiritual que lhes foi inserido pelos seguidores do Baal Shem Tov ainda vive dentro deles.

De Kab TV “Sobre a Nossa Vida” 07/05/15