Textos com a Tag 'Luz'

Como Verificar O Impacto Da Luz?

laitman_245.10Pergunta: Como uma pessoa pode verificar se atraiu a Luz ou não? Eu entendo que a Luz é como a radiação que não pode ser sentida, mas você pode sentir seus sintomas.

Resposta: Você deve sentir que quando você se aproxima do coração uns dos outros, surge um sentimento entre vocês que os elevam acima de seu egoísmo comum.

Ao mesmo tempo, pensamentos e outros vários distúrbios que o impedem aparecem imediatamente. No entanto, você deve entender que tudo isso age em paralelo. Um sobe enquanto o outro desce, e assim vocês dançam alternadamente como nas ondas, enquanto criam estas ondas: subindo, descendo, aproximando-se e distanciando-se.

Chegar mais perto um do outro é à sua custa, e o distanciamento é dado a você de propósito. É assim que você começa a gerar uma energia espiritual especial que gradualmente provoca os impulsos que levam à revelação do Criador.

Além disso, recomendo ler meus tweets no Twitter: antigos, novos – não importa quais. Eu coloquei certo sentimento em cada um deles. Ele deve “pegar você”, transformar algo dentro de você. Não ignore isso. O Twitter e as lições – especialmente aquelas que temos todos os dias pela manhã – são necessárias. Tente ficar conosco.

Da Lição de Cabalá em Russo 29/04/18

Sensibilidade À Luz

laitman_938.05Pergunta: O que é sensibilidade à Luz, do que ela depende e como pode ser desenvolvida?

Resposta: A sensibilidade à Luz depende de quanto uma pessoa pode suprimir sua antipatia pelos outros e se conectar com seus amigos coercitivamente, contra seu desejo. De acordo com esse esforço, ela começa a desenvolver sensibilidade à Luz.

Em geral, não queremos nos aproximar de nossos amigos. Mas, na medida em que cada um de nós ainda tenta fazer isso, desenvolvemos sensibilidade à Luz dentro de nós mesmos, sensibilidade à qualidade de doação, amor e conexão.

Da Lição de Cabalá em Russo, 03/06/18

Uma Sinfonia De Luz Bem Sintonizada

laitman_260A pessoa precisa de uma forte força da tela para receber a Luz de Hochma em prol da doação. Todo o trabalho do Partzufim espiritual na correção consiste em transformar o estado de Achor em Achor (costas com costas) em um estado de Panim ser Panim (face a face).

Não há nada mais oposto do que os princípios masculino e feminino. Quando os Partzufim Aba e Ima espirituais, o pai e mãe supremos, viram face a face, eles são os mais opostos um ao outro. Portanto, deve haver uma tremenda força de amor para que os princípios masculino e feminino se unam face a face e em bases iguais quando querem dar um ao outro e ao inferior.

Isso é impossível sem participação mútua e intenção comum. E tudo isso é feito para agradar o Criador. “Face a face” significa: segundo a boa vontade do superior e da boa vontade do inferior, à boa vontade do pai e da boa vontade da mãe que quer gerar um novo nível espiritual, ZON, para desfrutar este poder superior, o Criador.

Por sua natureza, eles são opostos: Aba deseja Hochma e Ima deseja Hassadim; o pai busca sabedoria e a mãe busca a graça. Mas se eles são capazes de se elevar acima de sua natureza, todos os três juntos: Aba, Ima e ZON se tornam semelhantes a Keter. Todas as nove Sefirot inferiores trabalham para se tornarem semelhantes às mais altas – Keter.1

Uma Sinfonia De Luz Bem Sintonizada

O mundo espiritual funciona como um organismo comum que sempre se esforça para fazer o máximo uso de si mesmo em prol da doação. Portanto, ele não percebe suas partes separadamente, mas apenas em termos iguais, como um. Esta é a Malchut do mundo de Ein Sof, que constantemente pensa em como se envolver para alcançar o máximo de doação.

Nos Partzufim superiores, existe uma tal polifonia de sons, como se fosse do Cravo Bem-Temperado de Bach. Dois fenômenos espirituais crescem e se desenvolvem paralelos um ao outro, como duas melodias, cada uma em sua direção e tonalidade, e no final, elas se fundem em uma harmonia infinita, uma sinfonia de Luz.2

Da 2ª parte da Lição Diária de Cabalá, 29/02/18, Talmud Eser Sefirot, vol. 2, Parte 7, “Histaklut Pnimit”, Item 9
1 minuto 36:10
2 minuto 39:49

Por Que Não Sentimos A Luz Superior?

laitman_275Pergunta: Se falamos da Luz, qual é o sofrimento que sinto?

Resposta: Depende do sofrimento: amor ou ódio.

O sofrimento é a ausência do desejado. Se desejo dar a alguém, agradar, e não posso, este é um tipo de sofrimento. Se, pelo contrário, quero receber e não recebo, este é outro tipo de sofrimento.

Pergunta: Dizem que se a Luz da vida não está vestida na Luz da misericórdia, é como uma faca afiada. O que isto significa?

Resposta: Qualquer Luz que venha a nós deve ser revestida na qualidade de doação, para transferi-la aos outros e, então, será para o nosso benefício. Devemos nos preparar para isso, caso contrário, a Luz não virá.

Não sentimos a Luz superior porque não temos o desejo de transmiti-la aos outros. Assim que me transformo em condutor de Luz, a Luz superior imediatamente se abre em mim, na medida em que estou aberto aos outros.

Pergunta: Podemos então dizer que quando sinto dor e sofrimento, significa que a Luz da vida (Chochma) não está vestida na Luz da misericórdia (Hassadim), na minha autodoação?

Resposta: Sim, eu a fecho dentro de mim e ela me pressiona, desejando entrar.

Da Lição de Cabalá em Russo 15/04/18

O Caminho Para A Luz Passa Entre Os Estreitos

laitman_209A diferença entre o dia mais triste e amargo e o dia mais doce e alegre é, em essência, determinada por nossa relação com as condições apresentadas a nós. Nós podemos olhar nessas condições e percebê-las através do nosso egoísmo, através da inclinação ao mal, ou podemos percebê-las através da qualidade de doação, através do bem; em outras palavras, podemos perceber através da separação ou da unidade. A mesma Luz, que deveria ter sido revelada dentro da unidade, revela-se dentro da quebra e resulta em efeitos trágicos.

Não podemos culpar a força superior por nosso sofrimento porque tudo depende apenas dos vasos em que recebemos. O que desce até nós do alto é sempre o mesmo: a Luz superior, bondade e misericórdia, mas o resultado é sempre determinado simplesmente pelo quanto estamos em equivalência de forma com essa Luz superior.

Durante este tempo em particular, a mesma Luz brilha como aquela que causou a destruição. No entanto, ela foi feita para causar correção se o pecado do bezerro de ouro e a quebra das tábuas não tivessem ocorrido. É assim que devemos sempre nos relacionar com o que está ocorrendo: com o entendimento de que tudo depende da nossa unidade. Em nossa unidade, podemos receber a influência de cima em sua forma correta, no Kli correto.

Se não estamos preparados para isso, então aquela grande Luz, que deveria ter preenchido o Kli correto e nos trazido alegria, progresso e realização, nos traz destruição e sofrimento. Tudo depende de nós.1

O muro não nos protege da infiltração do mal de fora porque a Luz do Criador é a única coisa que está sendo revelada fora. O muro nos protege de nós mesmos, de nossos desejos egoístas. Um desejo pode ser a favor ou contra a unidade; isso é considerado interno e externo na sabedoria da Cabalá. Nesta Luz, devemos ver todos os conceitos como a “cidade”, o “muro” e os “inimigos” que nos atacam.2

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá, 01/07/18, Lição sobre o Tópico: “O Período de ‘Entre os Estreitos’”
1 minuto 16:27
2 minuto 54:07

Tudo É Corrigido Pela Luz Superior

laitman_239Pergunta: É possível sentir a Luz superior de tal forma que vou começar a ser curado neste mundo?

Resposta: É possível, mas ninguém pode prometer. Não é fácil.

A Luz superior corrige absolutamente tudo em todos os níveis: físico, moral, psicológico, etc. Mas ainda não podemos influenciá-la propositalmente. Chegará a hora em que você ganhará um pouco de experiência e verá que a Cabalá realmente pode fazer tudo.

Pergunta: Por outro lado, você afirma que a pessoa não pode pedir para si mesma. Ou há casos em que você pode pedir para si mesmo?

Resposta: Se uma pessoa é incapaz de se envolver no trabalho espiritual mais elevado porque algo a impede, ela pode pedir para se elevar acima desses distúrbios.

Da Lição de Cabalá em Russo 18/02/18

Tudo É Formado Pela Luz

laitman_243.05Pergunta: O que é mais importante: a Luz do prazer ou do desejo? A Luz forma o desejo ou é possível reverter o processo onde o desejo determina a qualidade e a quantidade da Luz?

Resposta: Tudo é formado apenas pela Luz: ela é a primeira e é a última. E nós temos que incitá-la.

Se fazemos isso corretamente, a Luz desce sobre nós e realiza sua função, e se a fazemos incorretamente, somos influenciados pelas forças da natureza que agem sobre nós, que ainda nos corrigem sob a influência da Luz, mas de uma forma desagradável.

A Luz é o desejo do Criador. A Luz Circundante está ao nosso redor e gradualmente nos prepara para a sua recepção.

Da Lição de Cabalá em Russo 03/12/17

“Luz” E “Escuridão” Do Ponto De Vista Cabalístico

Dr. Michael LaitmanPergunta: O que os Cabalistas querem dizer com luz e escuridão?

Resposta: Luz é a qualidade de doação e amor. Escuridão é a qualidade de recepção, até o ódio.

Em nosso mundo, não entendemos nenhuma delas porque não temos a verdadeira qualidade de doação e amor, e agimos apenas por egoísmo. No entanto, é impossível entender um sem o outro.

Não temos absolutamente nenhum contato com o mundo superior, nada além de uma centelha espiritual. Portanto, tudo depende da nossa contribuição para o desenvolvimento de relações integrais no grupo. Através de tais relações, podemos atrair a Luz superior, e ela criará o sistema de interrelações em nós, onde existiremos em estados bons (luz) e ruins (escuridão).

Pergunta: Quando vamos começar a entender o que é a luz?

Resposta: Quando começarmos a perceber que estamos na escuridão.

Pergunta: Está escrito que o Criador nos criou como opostos a ele. Não é assim?

Resposta: É sobre o egoísmo real que ainda precisamos alcançar. Nós, no entanto, estamos nos níveis inanimado, vegetativo e animado. Agora, devemos nos elevar ao quarto nível, o humano. É este nível que é oposto ao Criador. Ainda precisamos chegar a esse nível. Nós alcançamos isto no mundo espiritual como a linha esquerda.

Da Lição de Cabalá em Russo 12/10/17

Os Blocos De Construção De Luz E Escuridão

Laitman_032.02É uma arte ser capaz de lidar com a revelação da escuridão à medida que ela fica cada vez mais forte. Por experiência, a pessoa entende que a escuridão vem apenas para apontá-la na direção correta.

Ela ama a escuridão, aprecia e tenta experimentá-la perfeitamente. A escuridão só é sentida em seu egoísmo, enquanto a pessoa está acima dela e pode construir a força da doação acima da escuridão, revelando a Luz nela.

É um estado de várias camadas, como um sanduíche. A escuridão é revelada no fundo. Então vem a atitude correta para com a escuridão – entendendo que ela está aqui para ajudá-lo, que é a revelação de um novo grau – e então você tem que se elevar acima dela.

Primeiro, eu fico com medo (“Você escondeu o Seu rosto e eu fiquei assustado”) e tento fugir do perigo e do mal que se revela na escuridão. Mas depois eu me detenho, percebendo que a escuridão está aqui para me ajudar e que eu não deveria curá-la. Apenas o contrário, isso me aproxima do Criador, como uma criança assustada que se apega a sua mãe com mais força. O mesmo é verdade para mim! Portanto, eu vejo que a escuridão é uma ajuda de cima.

Eu amo essa escuridão e até quero intensificá-la, aproximá-la. Eu começo a trabalhar com ela intencionalmente, ativamente, com plena compreensão. Minha vida torna-se construtiva: a luz e a escuridão tornam-se as duas forças, as duas linhas, que me deixam progredir. É assim que transformo a escuridão em ajuda. Eu espero a escuridão, procurando por mais forma de me apegar ao Criador.

Primeiro, eu ainda tenho medo da escuridão porque ela traz sentimentos desagradáveis com ela: medos, distúrbios, incerteza. Mas, gradualmente, eu começo a entender o quão útil é a escuridão porque a vantagem da Luz é conhecida apenas pela escuridão. Então, a Luz e a escuridão se tornam meus blocos de construção.

A escuridão torna-se ainda mais importante do que a Luz, porque especificamente fora da escuridão, posso revelar o quanto quero dar prazer ao Criador. Meu desejo de prazer não é inspirado pela escuridão, enquanto o desejo de doar é muito inspirado por ela. Portanto, o Adão (humano) dentro de mim se alegra com a escuridão e a transforma em Luz.

A Luz não vem até a pessoa. A pessoa muda internamente e, portanto, transforma sua opinião no que a Luz e a escuridão são. É assim que ela revela gradualmente que a criação sempre existiu em um estado perfeito e que ela é aquela que sempre está mudando, compreendendo cada vez mais que não há maldade no palácio do rei e nenhuma escuridão.

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 18/01/18, Lição sobre o Tópico: “Das Obstruções às Subidas”

Como Identificar A Luz Superior

laitman_239Pergunta: Que tipo de evidência indicaria que a luz que vejo é a Luz superior?

Resposta: A Luz superior é a qualidade de amor e doação que preenche nosso mundo e todo o espaço n-dimensional.

Esta é a Luz que devemos aspirar e atrair para nós. Com sua ajuda, devemos corrigir a nós mesmos – mudar-nos, invertendo-nos de receptores em doadores.

Da Lição de Cabalá em Russo 03/09/17