Textos com a Tag 'Luz'

Os Blocos De Construção De Luz E Escuridão

Laitman_032.02É uma arte ser capaz de lidar com a revelação da escuridão à medida que ela fica cada vez mais forte. Por experiência, a pessoa entende que a escuridão vem apenas para apontá-la na direção correta.

Ela ama a escuridão, aprecia e tenta experimentá-la perfeitamente. A escuridão só é sentida em seu egoísmo, enquanto a pessoa está acima dela e pode construir a força da doação acima da escuridão, revelando a Luz nela.

É um estado de várias camadas, como um sanduíche. A escuridão é revelada no fundo. Então vem a atitude correta para com a escuridão – entendendo que ela está aqui para ajudá-lo, que é a revelação de um novo grau – e então você tem que se elevar acima dela.

Primeiro, eu fico com medo (“Você escondeu o Seu rosto e eu fiquei assustado”) e tento fugir do perigo e do mal que se revela na escuridão. Mas depois eu me detenho, percebendo que a escuridão está aqui para me ajudar e que eu não deveria curá-la. Apenas o contrário, isso me aproxima do Criador, como uma criança assustada que se apega a sua mãe com mais força. O mesmo é verdade para mim! Portanto, eu vejo que a escuridão é uma ajuda de cima.

Eu amo essa escuridão e até quero intensificá-la, aproximá-la. Eu começo a trabalhar com ela intencionalmente, ativamente, com plena compreensão. Minha vida torna-se construtiva: a luz e a escuridão tornam-se as duas forças, as duas linhas, que me deixam progredir. É assim que transformo a escuridão em ajuda. Eu espero a escuridão, procurando por mais forma de me apegar ao Criador.

Primeiro, eu ainda tenho medo da escuridão porque ela traz sentimentos desagradáveis com ela: medos, distúrbios, incerteza. Mas, gradualmente, eu começo a entender o quão útil é a escuridão porque a vantagem da Luz é conhecida apenas pela escuridão. Então, a Luz e a escuridão se tornam meus blocos de construção.

A escuridão torna-se ainda mais importante do que a Luz, porque especificamente fora da escuridão, posso revelar o quanto quero dar prazer ao Criador. Meu desejo de prazer não é inspirado pela escuridão, enquanto o desejo de doar é muito inspirado por ela. Portanto, o Adão (humano) dentro de mim se alegra com a escuridão e a transforma em Luz.

A Luz não vem até a pessoa. A pessoa muda internamente e, portanto, transforma sua opinião no que a Luz e a escuridão são. É assim que ela revela gradualmente que a criação sempre existiu em um estado perfeito e que ela é aquela que sempre está mudando, compreendendo cada vez mais que não há maldade no palácio do rei e nenhuma escuridão.

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 18/01/18, Lição sobre o Tópico: “Das Obstruções às Subidas”

Como Identificar A Luz Superior

laitman_239Pergunta: Que tipo de evidência indicaria que a luz que vejo é a Luz superior?

Resposta: A Luz superior é a qualidade de amor e doação que preenche nosso mundo e todo o espaço n-dimensional.

Esta é a Luz que devemos aspirar e atrair para nós. Com sua ajuda, devemos corrigir a nós mesmos – mudar-nos, invertendo-nos de receptores em doadores.

Da Lição de Cabalá em Russo 03/09/17

Desejos E Luz

laitman_567.04Pergunta: Nós dizemos que a Luz, caindo em nossos desejos, retrata uma imagem desse mundo para nós em nossos desejos egoístas. Se eu atravessar o Machsom – a barreira psicológica entre o nosso mundo e o mundo espiritual – eu sentirei essa Luz não perturbada pelo egoísmo?

Resposta: Você não sente a Luz, mas o desejo de doar que essa Luz descreve para você. No entanto, não nas qualidades egoístas, mas nas altruístas.

Nós não alcançamos a Luz. Nós apenas alcançamos desejos que são seus derivados.

Da Lição de Cabalá em Russo 03/09/17

De Que É Feita A Luz Superior?

laitman_562.01Pergunta: De que material é feita a Luz superior?

Resposta: Não há nenhum material na Luz Superior. Nós percebemos a Luz apenas como a origem do prazer que nos preenche, e a definimos a partir do sentimento criado em nós. É como, por exemplo, a eletricidade que percebemos como resultado de sua manifestação nos materiais.

Da Lição de Cabalá em Russo 19/03/17

O Criador E A Criatura: Luz E Desejo

laitman_617No mundo espiritual, não há tempo, espaço ou movimento. Definições e estados característicos do nosso mundo são irrelevantes.

O mundo espiritual consiste apenas em dois componentes: Luz e matéria (desejo). Não podemos dizer nada sobre a Luz; ela está em um estado de repouso absoluto porque não muda e não tem nenhum desejo, exceto preencher a criatura, que recebe tanto quanto necessário. Portanto, não temos nada a dizer sobre a Luz; ela está pronta para qualquer coisa, aberta à criação.

Não há nada na Luz, exceto o desejo de doar permanentemente à criatura.

A Luz está pronta para isso e a criatura deve alcançar uma equivalência de forma com a Luz para se aproximar e recebê-la. A criatura passa por diferentes estados porque grandes mudanças ocorrem no desejo e nas intenções, que são sua essência.

No primeiro estado, a criatura quer receber tudo da Luz. Então ela descobre que não pode continuar assim e decide doar à Luz porque se sente distante e oposta a ela quando só recebe, o que a faz sentir vergonha.

Mas o que ela pode doar para se assemelhar à Luz? Nada. Portanto, ela se restringe, o que é chamado de primeira restrição.

Agora, a criatura pode usar o fato de que a Luz quer preenchê-la na medida em que consegue pensar em sua doação à Luz. Na medida em que a criatura doa à Luz (P1), a Luz a preenche e, embora a Luz seja a primeira, torna-se dependente da criatura (P2).

No estado P1, a intenção da criatura é que realmente determina tudo.

Na medida em que a criatura consegue se assemelhar à Luz com a intenção de doar à Luz, a Luz pode preenchê-la e uma forma especial de proximidade chamada adesão é construída entre elas.

Este é o estado que deve ser alcançado. É tudo. A criatura deve se transformar totalmente na intenção de que o Criador a preencherá com Luz apenas para lhe proporcionar prazer. Ela olha para o Criador e se entrega a Ele com lealdade: Ele quer me preencher e eu quero ser preenchido por Ele, e só considero o que traz prazer ao Criador – que Ele me preenche.

Da Lição de Cabalá em Russo 19/03/17

Como Funciona A Luz Superior?

laitman_231.04Pergunta: Que sensações são desencadeadas em nós pela influência da Luz superior?

Resposta: A influência da Luz superior eleva em nós a importância da qualidade de doação, da conexão com os outros e com o Criador (que, em princípio, é a mesma coisa). Isto é, nós trocamos nossa natureza pela natureza superior construída sobre o princípio “fora de mim”, para que eu pare de me isolar internamente e saia de mim mesmo.

Da Lição de Cabalá em Russo, 02/02/2017

A Luz Existe?

laitman_276.01Pergunta: Eu não entendo: a Luz é um desejo ou uma intenção? O meu desejo de doar é uma realização e Luz para aquele que eu dou?

Resposta: A Luz é o que percebemos. Não podemos dizer nada de algo que está além de nós. Isso significa que não podemos falar do Criador antes que Ele esteja vestido em nós. O que existe e não está vestido em nós é chamado de Atzmuto (Sua Essência), e não lhe damos nenhum nome particular.

Existe Luz fora de nós? Não sei. Eu posso dizer que ela existe apenas quando existe dentro de mim.

Nós falamos apenas do que alcançamos porque a Cabalá é uma ciência. O que nós alcançamos em nosso “software” interno é o que realmente existe.

Da Lição de Cabalá em Russo 19/03/17

Respostas Às Suas Perguntas, Parte 176

laitman_564Pergunta: Até que ponto a Luz no mundo de Adam Kadmon é mais forte do que a Luz no mundo de Atzilut? E qual é a relação do poder da Luz em nosso mundo em comparação com o mundo da Assia?

Resposta: Não há como comparar a intensidade das Luzes, exceto imaginá-las em relação ao desenvolvimento de uma pessoa e um animal.

Pergunta: No vídeo “As Verdadeiras Razões para os Medos das Pessoas” (em inglês), você fala sobre a iluminação de Malchut, e isso é sentido como medo e como algo terrível. É possível dizer que Malchut ilumina de baixo para cima, o que significa que ilumina, mas sem a participação de Keter?

Resposta: É muito mais terrível!

Nada Existiria Sem A Luz

laitman_275Comentário: De acordo com as leis da física, existem partículas ativas de luz, os fótons, que transmitem efeitos eletromagnéticos e ligam os átomos e moléculas que compõem o homem. Na verdade, a luz (fótons) nos faz plenos. Se não fosse pela luz, nossos corpos se desintegrariam em átomos.

De acordo com a sabedoria da Cabalá, a Luz também sustenta todo o sistema.

Minha Resposta: Nada existiria sem a Luz. A Luz geral é o Criador.

É o mesmo na física. Se a Luz inicial não tivesse aparecido, todo o resto não poderia ter se desenvolvido: ondas, matéria, etc.

Da perspectiva Cabalística, os laços de Luz conectam nossos desejos. A Luz desaparece gradualmente e parece se dissipar na medida em que nossos desejos começam a se retirar gradualmente, e então tudo começa a desmoronar.

Essa é a razão de vermos que tudo é dividido em diferentes partes no nosso mundo, apesar de que tudo é um todo comum.

Da Lição de Cabalá em Russo 25/12/16

Tornando-Se Um

Unity, The Way To A Good FuturePergunta: Qual é o estado em que as pessoas sentem que são um todo?

Resposta: É um sentimento que não pode ser comparado a qualquer outra coisa. Não há tais sentimentos em nosso mundo. Ao me arrancar do meu egoísmo e colar a parte altruísta que nasce em mim aos outros amigos que também inseriram sua parte altruísta no sistema geral, nós criamos uma coleção de tais partículas.

Suponha que eu insira a Luz no sistema geral e, junto comigo, cada um dos amigos foca seu pedaço de Luz. No final, nós conectamos nossos desejos de subir acima de nós mesmos e nos fundimos em forças altruístas. Essa fusão mútua de forças altruístas é chamada de “alma”.

WhyDoWeNotStudyTheWisdomOfKabbalahAlonePic3A alma é uma para todos, e cada um que se une ao centro da dezena começa a sentir o sistema geral chamado de alma através dele.

Pergunta: A energia, a força que conecta as pessoas é fixa?

Resposta: O sistema em si é fixo, mas nossa atitude em relação a ele não é, porque estamos em movimento perpétuo em nossa tentativa de alcançá-lo. Em outras palavras, o sistema é fixo, mas estamos em constante movimento em relação a ele, a fim de alcançá-lo cada vez mais.

Da Lição de Cabalá em Russo 30/10/16