Encontre Seu Lugar No Sistema Da Natureza

Laitman_632.3Baal HaSulam, “A Paz”: Assim, eu evidentemente provei, da perspectiva da razão empírica – como resultado da história prática que se desenrola diante de nossos olhos – que não há outra cura para a humanidade senão a aceitação do mandamento da Providência: doação aos outros, a fim de trazer satisfação ao Criador na medida dos dois versículos.

O primeiro é “ame o seu amigo como a si mesmo”, que é o atributo do próprio trabalho. Isso significa que a medida do trabalho de doar aos outros pela felicidade da sociedade não deve ser menor do que a medida impressa no homem para cuidar de suas próprias necessidades. Além disso, ele deve colocar as necessidades do próximo diante das suas, conforme está escrito no artigo “Matan Torá” (Item 4).

Pergunta: Como podemos passar de alguns cálculos pragmáticos que agora em tempos de crise ninguém pode reunir, para entender a conexão e o nível superior que devemos assumir, o que envolve o cumprimento das leis da governança superior, a inclusão nelas e ajudar todos a sentir algum tipo de apoio?

Resposta: Subir para o próximo nível de percepção da realidade se resume ao fato de entrarmos na sensação de eternidade, perfeição, infinito e, o mais importante, em uma única realidade comum, perfeita e integrada.

Se começarmos a sentir a natureza como um sistema totalmente integral, também conheceremos nosso lugar nela, onde minha célula está localizada nela. Dessa maneira, entenderei o significado da minha existência em relação à grande união dos indivíduos, e tudo ficará claro para mim.

O principal é separar-se do seu individualismo, seu egoísmo e olhar a natureza de um aspecto integral, para que você veja a imagem inteira como um todo unificado. Essa é uma percepção completamente diferente da realidade, onde não sinto objetos e fenômenos separados, mas vejo a imagem inteira.

Então eu posso me entender de uma maneira completamente diferente: onde estou nessa imagem? E eu não estou nela. Eu me sinto separado de tudo. Então, estou experimentando incorretamente. Isso significa que estou em um tipo de estado inconsciente, separado da vida verdadeira, de toda a vasta imagem da natureza. Como posso percebê-la corretamente? É isso que eu quero.

E se eu começar a percebê-la corretamente, verei meu lugar nela e descobrirei o que me falta para me conectar integralmente a todos. Ficará claro para mim qual é o meu trabalho, qual é o meu dever, qual é a minha conexão com os outros e como os outros estão conectados comigo. Vou chegar ao nível dessa natureza eterna, perfeita, integral, unificada e entender o significado dela e da minha existência.

Agora, eu não entendo em absoluto para que serve tudo isso. Eu olho para tudo: isso existe, gira e eu estou com eles. Mas porque eu não sei.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 17/05/20

Comente