Atenção Primária

Pergunta: Quão próxima deve ser a ligação entre o professor e os participantes que estão a receber a educação integral?

Resposta: Os alunos que participam não podem avançar sem um guia. O guia precisa de se impor ao aluno, pois caso contrário a pessoa irá flutuar em torno dele, ele estará completamente ” disperso” em todos os tipos de implementações que não lhe irão trazer um resultado normal. Isso irá tornar-se numa forma de sofrimento. As pessoas estarão a fazer alguma coisa só de modo aparente, mas nada virá dessas ações.

O principal é que iremos ensiná-los no final de cada workshop a sentir o seu resultado, que é a conexão, a partir da qual todos nós juntos obtemos energia, estimulação e calor. Após o workshop tenho outro ponto de vista do mundo e por alguns dias, e até semanas, eu posso sentir-me como uma pessoa completamente diferente. Eu relaciono-me de forma diferente com as crianças, com a família e com a sociedade, com mais paciência, com mais amizade. Eu começo a sentir que estou a encontrar a harmonia não só com a sociedade humana, com os vizinhos, e assim por diante, mas também com a natureza, e eu quero que todos sintam isto.

Isto deve elevar-me e depende da frequência dos workshops. È absolutamente possível que para iniciantes precisemos de organizar workshops duas vezes por semana ou possivelmente também todos os dias. Parece que é necessário fazê-lo através da Internet. Após um único workshop presencial, realizar três ou quatro workshops virtuais até ao próximo encontro físico.

Cada pessoa precisa de atenção primária como esta.

Do programa da Kab TV “Através do Tempo” 15/09/13

Comente