Revivendo A Rotina De Trabalho

A fim de atingir uma meta, precisamos da meios e nosso meio é o nosso esforço. Quanto mais nos esforçarmos,  mais focados, clarificados, e orientada ao objetivo nosso esforço é, mais intensamente atraimos a Luz que reforma que nos avança.

Portanto, cada momento na vida é dado a nós, a fim de pesquisar e esclarecer o que é a coisa mais eficaz que eu devo fazer para isso me ajudar a atrair a Luz que Reforma, como se diz: “Eu criei a má inclinação, eu criei a Torá como tempero para isso, uma vez que a Luz nela reforma “, o que significa que você corríge a inclinação para o mal e a transforma em uma boa inclinação. Nesta boa inclinação, como em um vaso bom, você recebe a sensação da vida espiritual.

Esta é a fórmula da correção. Assim, nosso esforço é tentar descobrir o meio mais eficaz a qualquer momento.

Uma pessoa normalmente flutua ao longo da corrente da vida pensando que ela avança dessa maneira. Mas a flutuação passiva lhe permite avançar no nível “inanimado”. Suponha que ela está em um grupo, estudando e participando de diferentes eventos e tudo isso se torna uma rotina para ela. Ela está nele sob a influência do campo da força geral que avança em uma corrente geral todos aqueles que querem alcançar a meta, mas isso é chamado de “Sagrado inanimado”, e ainda não há promoção pessoal aqui.

O progresso pessoal depende do esforço diário de uma pessoa, a fim de estimular a si mesma e adicionar sabor e causticidade para este prato por si mesma: Sal e pimenta e outras especiarias.

Ela deve entender que não tem escolha, e só é possível de ser estimulada por essas situações agudas em que ela é jogado sem piedade, por que está sendo mostrado como que ela é oposta e distante da espiritualidade.

Se ela não tem medo de construir um apetite por essas especiarias não tão agradáveis, ela é estimulado e já pode executar algumas ações independentes e não apenas flutuar na corrente geral de sua sociedade. Então, temos constantemente que nos esforçar, como se diz: “Você trabalhou e encontrou – acredite”, o que significa que, em seguida, acontece, e o Criador é revelado a uma pessoa. Mas isso é somente se a pessoa se esforça acima da rotina diária. Este é um problema para nós, pois é muito difícil largar um vício.

Estamos acostumados a nossa programação diária, as mesmas horas e ao mesmo preenchimento que recebemos de acordo com um calendário regular, para a mesma quantidade de esforço, “um hábito se torna uma segunda natureza”.

Eu tenho me esforçado há muitos anos e parece que estou constantemente na pista. Então eu me sinto menos satisfeito e começo a reclamar: “O que está acontecendo comigo, por que não há resultado?” Eu não percebo que tenho flutuado com a corrente geral. Quanto ao nível espiritual, é um corpo inanimado, um cadáver que não se move. Isso é porque eu não tenho me esforçado. Espiritualidade é revelada para uma pessoa de acordo com seu esforço pessoal, para a preparação do seu próprio vaso, o seu desejo.

Claro, que ainda estou movendo e avançando um pouco, já que eu sou parte de algumas atividades, mas o importante é que, acima da rotina diária e corrente geral, deve haver meu esclarecimento particular, no qual  uma pessoa constantemente e internamente evoca o seu apetite por especiarias quentes e perguntas desagradáveis”.

​Ela deve verificar constantemente e pressionar a si mesma, tentando apressar o tempo, e ela deve realmente se esforçar para cumprir o ditado:  Você trabalhou e você encontrou, acredite!”

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá, de 15/6/12, Shamati # 117

Material Relacionado:
A Medida Do Meu Esforço
A Correção Nunca É Individual

Comente