Pessoal De Serviço

Dr. Michael LaitmanQuando eles estabeleceram a União Europeia (UE), os representantes dos países europeus assinaram acordos intermináveis. Os preparativos para a união duraram muitos anos. Então, o que eles podem fazer agora, quando o sonho europeu está destruído?

Eles precisam levar em conta que existem novos problemas hoje em dia, e que todos devem concordar em corrigi-los. Os eventos atuais exigem correções e atualizações. As medidas anteriores que foram tomadas não são suficientes. O mundo está se desenvolvendo e grandes mudanças ocorrem e são refletidas nos países e nas economias.

A crise que vemos em toda parte é refletida em todos. Eles querem acreditar que podem “dispersar” e aliviar a situação, mas não é assim. Eles devem ansiar pela conexão e aumentá-la.

No final, os europeus vão entender isso, mesmo que doa.

De forma prática, eles devem anular todas as fronteiras em todos os aspectos. A Europa deve se tornar um único Estado, onde vários povos vivem juntos. Eles devem “cobrir” todas as diferenças e se tornar um só povo.

A Natureza nos obriga a fazer isso. Na nossa atual fase de desenvolvimento, nós nos tornamos mutuamente conectados e não há para onde fugir. Não é algo que alguém inventou, ou alguma boa idéia, mas uma ordem da natureza e do tempo.

Os europeus vão chegar a isso, mas nós, que temos o método da correção, não participamos o suficiente deste processo. Nós temos que levar nossas idéias às pessoas, distribuir materiais e construir sites na Internet que forneçam nossos materiais e explicações. Haverá levantes em todo o continente. Portanto, nós vamos esperar até que tudo seja destruído? Agora é a hora de acordar e agir.

Mesmo a convenção Arava destina-se, no final, a influenciar o mundo. Nós somos apenas o elo, o pessoal de serviço; nós servimos o mundo e o Criador.

Portanto, não temos queixas. O Criador colocou os Europeus no estado em que estão. Ele está fazendo seu trabalho, mas nós também temos que fazer o nosso. Esta é a única maneira da mudança desejada chegar. Mas se falharmos, vão nos acusar de todos os seus problemas e eles vão estar certos, porque não estamos dando-lhes o método de correção. Mesmo que eles não entendem isso, eles acham que nós podemos salvá-los.

Portanto, antes de tudo, trata-se da nossa inação. Você pode odiar o fascismo crescente tanto quanto quiser, mas o equilíbrio de poderes depende de nós. Trata-se também dos nossos vizinhos mais próximos, que não têm livre-arbítrio. Ahmadinejad e o movimento Hamas também são ajudantes. É hora de ver as coisas de forma realista. Nós não devemos desistir.

Em nosso mundo e em todos os mundos, o Criador deu a parte Divina do Alto só para Israel. Portanto, nós podemos mudar a situação e cumprir a correção. Obviamente, é a Luz que executa a ação, mas Israel a evoca e abre o caminho para ela.

Da 4ª parte da Lição Diária de Cabalá 16/02/12, O Estudo das Dez Sefirot

Comente