Textos na Categoria 'Saúde'

Para Não Sentir Dor

laitman_293Pergunta: Há oito anos que sofro de uma doença rara. É importante para mim saber: é possível não sentir dor? Ela consome todos os meus pensamentos e sentimentos. Quando a dor vem, eu estou completamente envolvido por isso.

Resposta: Eu entendo. Claro que é possível superar a dor, mas apenas se você se permitir sentir uma sensação mais poderosa.

No momento em que a dor começa, se concentre internamente em um sentimento mais poderoso que seja capaz de suprimir a sensação de dor relativamente fraca, por mais poderosa que pareça; este é o problema.

Em princípio, isso pode ir a qualquer nível até o corpo entrar em choque, seja pela dor ou pelo esforço para se elevar acima dela. No entanto, o corpo ainda tem um limite para isso. Nós somos criados e funcionamos de tal forma que, normalmente, não podemos alcançar esse estado.

As pessoas se distraem da dor de várias maneiras: álcool, narcóticos leves, etc. Muitas vezes eu fiquei internado no hospital e passei horas me distraindo da dor ao encontrar programas interessantes na TV.

Isso também é chamado de “ascender acima da dor” (transcender a dor), e esses meios cotidianos podem ser aconselhados aos outros também. Não falarei de outros métodos, porque eles não seriam aceitáveis ​​para as pessoas que não estavam envolvidas com a Cabalá.

Pergunta: Como os Cabalistas lidam com a dor?

Resposta: O Cabalista pode controlar a dor, mas também apenas até certo ponto. De cima, você sempre é recompensado com tais estados para que comece a entender a insignificância do seu organismo e de si mesmo. Torna-se claro para você que você é limitado e existe sob o controle de seu desejo, o qual experimenta prazer ou dor.

Isso é dado a uma pessoa para que ela perceba o quão insignificante ela é e como deve se controlar para se elevar acima desses estados até o nível do Criador.

O Criador existe acima de sensações negativas e positivas no desejo porque não há desejo de receber Nele! Nele está o desejo de doar que não experimenta o tipo de dor que experimentamos. Ele só sente dor pela incapacidade de dar.

Pergunta: Que conselho pode ser dado a uma pessoa comum que sente dor no nível corpóreo?

Resposta: Afora uma medicação para o tratamento da dor, qualquer afeto, qualquer método de distração pode servir de anestésico.

Ele deve ser elevado em importância em relação à dor tanto quanto possível para não se mover para o estado de dor; o foco de sua atenção deve ser transferido para qualquer outro problema ou preocupação pessoal, para que esse canal de dor, que de alguma forma é desencadeado dentro de nós, não envolva tudo. Difunda a dor através de vários canais e faça uma tentativa de ir acima dela através de uma ação positiva.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 15/02/17

Ter Medo Do Medo

Laitman_002Nas Notícias (New York Times): “A mudança climática está essencialmente ligada ao Estado Islâmico como a ameaça de segurança mais temida em grande parte do mundo – exceto nos Estados Unidos, onde os ataques cibernéticos são considerados um perigo maior do que o aquecimento global, de acordo com um relatório do Pew Research Center divulgado na terça-feira.

“Os residentes de 13 países classificaram as mudanças climáticas como a maior ameaça à segurança nacional, enquanto em 17 países o Estado islâmico foi considerado um problema mais imediato.

“Nos Estados Unidos, no entanto, uma divisão partidária aberta empurrou as mudanças climáticas para a terceira ameaça percebida como mais severa, após o EI e a geurra cibernética. Apenas 56% dos americanos entrevistados identificaram o aquecimento global como a ameaça mais séria para o país, em comparação com 71% para a guerra cibernética e 74% para os ataques do Estado Islâmico”.

Pergunta: Quais são seus pensamentos, do que a pessoa mais tem medo?

Resposta: Uma pessoa tem mais medo do medo. Ela tem medo de que ser dominada pelo medo e quer muito evitar esse estado. E o resto não importa porque é relativo. É por isso que precisamos temer apenas a experiência do medo e não todas as coisas que estão por trás dele.

Pergunta: O que podemos fazer para não ter medo do medo?

Resposta: Nós precisamos nos elevar acima dele, ao nível onde existe confiança absoluta, liberdade, infinitude, eternidade, perfeição e amor. É a esse nível que precisamos nos elevar em vez de nos rebaixarmos para o poço sem fundo da nossa consciência ou pior ainda, nossa inconsciência, onde ratos, cobras, demônios e vermes, todas as coisas que nos devoram existem. Porque todos eles existem apenas na experiência do medo.

E a experiência do medo só é desencadeada pelo desconhecido, que é intencionalmente trazido a você, para que você se eleve e revele o Criador. Porque quando o Criador é revelado, tudo de repente torna-se claro, simples e calmo.

Pergunta: Então, conclui-se que o Criador nos está empurrando intencionalmente para fora do medo?

Resposta: Naturalmente. Ele cria o mal, como está escrito na Torá. O Criador diz algo como: “E agora vou te dar mais disso e daquilo. Moisés, vá ao teu povo, eles receberam outra parte de Mim”. Cada vez, mais e mais.

Pergunta: Cada vez adicionando mais medo?

Resposta: Não apenas medo, mas todos os tipos de problemas para que as pessoas se elevem acima deles e, em parceria com o Criador, os transforme em uma força que os impulsiona.

Pergunta: Como podemos surgir dos medos pessoais, de tudo isso, como você diz, vermes, demônios e todas aquelas coisas que devoram uma pessoa?

Resposta: É para isso que existe a ciência da Cabalá. Nós nos elevamos gradualmente ao longo de todos os 125 níveis. O Criador constantemente estará despertando sentimentos negativos, e devemos nos elevar acima deles até Ele, nosso amado. Eu só preciso saber: tudo o que Ele desperta dentro de mim é experiente no meu egoísmo. E se eu me elevar acima do ego, lá vou descobrir o Seu amor e devoção. E com respeito ao meu egoísmo, eu vejo que o Criador tem a intenção de despertá-lo constantemente com o mal, o medo e assim por diante.

Pergunta: Em outras palavras, nós podemos dizer que Ele odeia meu egoísmo e exige que eu me eleve até Ele?

Resposta: Naturalmente.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 10/08/17

Nós Estamos Matando O Esperma

laitman_566.02Nas Notícias (BBC): “Pesquisadores que avaliam os resultados de quase 200 estudos dizem que as contagens de esperma entre homens da América do Norte, Europa, Austrália e Nova Zelândia parecem ter diminuído para metade em menos de 40 anos. …

“O Dr. Levine, um epidemiologista, disse à BBC que, se a tendência continuar, os seres humanos se extinguirão. …

“‘Se não mudarmos as formas em que vivemos, o meio ambiente e os produtos químicos a que estamos expostos, eu me preocupo seriamente com o que acontecerá no futuro’, afirmou.

“No final, podemos ter um problema, e com a reprodução em geral pode ser a extinção da espécie humana”.

Resposta: No século XVIII, havia cerca de um bilhão de pessoas em toda a Terra. Dois séculos se passaram e nos tornamos 8 bilhões. Para quê? Em vez de 8 bilhões, podemos nos tornar um bilhão de novo ou menos.

Pergunta: Você acredita que é assim que a natureza regula o número de pessoas?

Resposta: Tudo depende apenas de nós, do nosso estado. Nós é que estamos nos matando e, é claro, matando a vida, matando o esperma.

Comentário: Eles dizem que a razão para isso são os produtos químicos e fertilizantes que usamos, obesidade, tabagismo …

Resposta: Não, esses já são os resultados. Tudo acontece como resultado de nossa própria matança. É como se não quiséssemos viver, não quiséssemos existir; nós concordamos com a força negativa em nós, com nossa natureza negativa, e permitimos que ela nos leve à extinção.

Pergunta: De repente, pode haver uma mudança?

Resposta: Não, “de repente” não pode acontecer. Isso só pode acontecer se reconhecermos a nossa natureza má e percebermos onde podemos encontrar a força positiva para corrigi-la.

Pergunta: Você acredita que tudo o que acontece, incluindo o declínio no número de espermatozoides, está acontecendo por um objetivo?

Resposta: É só para nos levar ao reconhecimento da nossa natureza má, ao nosso egoísmo e a nos obrigar a atrair a força positiva da natureza, que existe e nos espera para usá-la.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 27/07/17

Sexo, Amor, Tubos De Ensaio E Natureza

laitman_546.03Nas Notícias (Quartz): “Não demora muito para que ideias aparentemente bizarras se tornem normalizadas. Hoje, a afirmação do professor da Universidade de Stanford, Hank Greely, de que os americanos vão parar de fazer sexo para procriar soa absurdo. Mas em um par de décadas, ele prevê, que será a realidade aceita.

“Greely, diretor do Centro de Direito e Biociências da Universidade de Direito de Stanford, acredita que estamos a 20 ou 30 anos de distância de um tempo em que a maioria da procriação dos americanos começará na seleção de uma série de embriões criados com o DNA dos pais em laboratório. Isso já acontece em uma base limitada para a prevenção de doenças e, ocasionalmente, seleção de sexo, mas ele argumenta que isso vai se tornar muito mais barato e amplamente disponível graças à tecnologia de células-tronco que permitirá que casais possam gerar ovos e esperma a partir de células-tronco de sua pele”.

Meu Comentário: Devemos saudar esta opção se uma pessoa sofre de uma doença incurável, de modo a não a passar para sua prole. Além disso, a condição do pai ou da mãe pode ser testada e as mudanças necessárias podem ser feitas. Podemos fazer isso. Já temos tais “coletas” que nos permitem criar uma geração boa e saudável. A humanidade sempre aspirava a isso.

Basicamente, se cada pessoa tivesse permissão para ter filhos saudáveis, belos, fortes e bem-sucedidos, desejaria isso. Portanto, é bem possível que estejamos avançando para isso.

Pergunta: Então, qual é o significado de conceber com amor?

Resposta: O que o amor tem a ver com isso?! Quando se trata de conceber, somos como animais; só confundimos as duas coisas! Existe amor entre os animais? Eles cheiram uns aos outros e só o cheiro é suficiente para dizer-lhes se podem reproduzir. Não é sexo, mas a cultura. Para os gatos, por exemplo, é na primavera, e durante o resto do ano eles simplesmente descansam tranquilamente no sol. É assim com os animais.

E nós confundimos prazer com reprodução. O sexo é um prazer, como uma boa comida. Por que ele deveria estar ligado a ter filhos? Hoje vemos o quanto um não tem nada a ver com o outro. Dificilmente queremos conceber uma criança! Por que deveríamos fazer sexo por 50 anos?

Comentário: A humanidade vê as coisas de uma maneira totalmente diferente…

Resposta: Não, ela não vê as coisas de forma diferente. A humanidade simplesmente não entende onde já se encontra. O amor não vai junto com o sexo, e a reprodução não tem nada a ver com amor ou mesmo com sexo.

Pergunta: O que é uma família corrigida em sua opinião?

Resposta: É muito difícil para mim descrever uma família corrigida, uma vez que em tal família há, em primeiro lugar, boas relações entre seus membros acima de todos os problemas.

Nós temos que mudar nossa atitude para com as pessoas e isso vai mudar toda a nossa vida. Então vamos ver como manter uma boa vida familiar. Mas sem mudar a nossa atitude, claro, certamente será horrível.

Pergunta: Com tais relacionamentos gentis e ideais na família corrigida, qual será a atitude de ter filhos? Digamos que somos um casal que vive pela regra do amor ao próximo…

Resposta: Eu acho que se realmente nos relacionarmos com o outro dessa forma, a própria natureza vai começar a regular a humanidade e as nossas relações mútuas. Nós não vamos conectar bestialidade com ser humano, e vamos ver a vida de uma maneira totalmente diferente.

Não podemos entender isso hoje. Hoje estamos travados na vida bestial e na família bestial, na necessidade de estar juntos para existir, sobreviver, criar filhos. Na família corrigida, por outro lado, haverá uma atmosfera totalmente diferente.

Por isso, é difícil para mim dizer, mas haverá relações completamente diferentes entre sexo, família, amor e reprodução de acordo com a lei da natureza. De acordo com a regra do “Ama teu amigo como a ti mesmo”, veremos exatamente o que é melhor para nós.

Pergunta: Haverá a necessidade de pílulas ou quaisquer outros contraceptivos?

Resposta: Não. Tudo será regulado apenas pela natureza. Só temos que regular as boas relações entre nós.

De Kab TV “Notícias com Michael Laitman” 06/07/17

É Impossível Sobreviver Sozinho

laitman_543_01Nas Notícias (MedPulse): “Uma pessoa, pela própria evolução, não está programada para sobreviver sozinha. Por isso, tendemos mais a imitar, e nossa saúde e bem-estar são diretamente afetados pela presença ou ausência de laços sociais. …

“Funcionários da Universidade do Texas descobriram que pessoas doentes que têm o apoio de amigos ou parentes se recuperam mais rapidamente e gastam menos tempo no hospital após a internação.

“Os especialistas estudaram dados de mais de 119 mil pacientes que estavam em reabilitação após lesão, acidente vascular cerebral e várias operações.

“Verificou-se que aqueles pacientes que eram cercados pela atenção de familiares e amigos precisavam de menos tempo para se recuperar. Aparentemente, a emoção positiva da comunicação tem efeitos benéficos sobre a saúde.

“A tolerância à dor está associada ao número de amigos.

“No jornal Scientific Reports, os resultados de estudos científicos foram publicados [mostrando] que pessoas com muitos laços sociais parecem tolerar a dor, mais do que os indivíduos menos ‘socializados’”.

Meu Comentário: A ciência da Cabalá fala há muitos anos sobre a influência do ambiente, da conexão mútua e da unidade como base da natureza. Agora no século XXI os cientistas estão finalmente chegando a isso. É difícil para os cientistas sentirem a Cabalá como uma ciência. Só uma pessoa com um “ponto no coração” é capaz disso, alguém com um desejo especial, que depende da estrutura de sua alma.

Eu me lembro de dar uma palestra na Universidade de Miami para 2.000 estudantes, depois da qual falei com 70 ou 80 professores. Eu expliquei as principais leis da Cabalá para eles. Eles concordaram com a cabeça e disseram: “Sim, isso é muito interessante, é o que acontece aqui com a gente também”, e nos separamos como amigos.

Eu não os culpo de forma alguma, porque uma pessoa recebe um anseio por algo, como um anseio por música. Ela tem esse desejo ou não.

Por exemplo, eu tenho um ouvido absoluto, mas nunca tive o desejo de estudar música seriamente dez horas por dia. Assim, o fato de eu ter ouvido absoluto não significa nada.

Assim é na Cabalá. Se as pessoas tiverem um ponto no coração, virão estudar porque sentem que há algo interessante aqui. Depois disso, muitas delas veem o abismo do trabalho que devem fazer em si mesmas, e vão embora.

Pergunta: O que isso significa? Afinal, elas têm um ponto no coração.

Resposta: Há uma Reshimo de Hitlabshut (informação sobre a Luz) e uma Reshimo de Aviut (informação sobre o desejo). A Reshimo (reminiscência), que brilha para uma pessoa, puxa-a para a frente, e o que ela precisa sacrificar por essa necessidade não está mais nela.

Por isso, estamos esperando por pessoas que são oprimidas pela falta de sentido da vida. Eu estou esperando por uma pessoa assim.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 10/10/16

Descriminalização Da Maconha

laitman_566_02Nas Notícias (Reuters): “No domingo o governo israelense votou a favor de descriminalizar o uso da maconha recreativa, juntando-se a alguns estados norte-americanos e a países europeus que adotaram uma abordagem similar.

“‘Por um lado estamos nos abrindo para o futuro. Por outro lado, entendemos os perigos e vamos tentar equilibrar os dois’, disse o Primeiro-Ministro Benjamin Netanyahu a seu gabinete em declarações transmitidas.

“De acordo com a nova política, que ainda deve ser ratificada pelo Parlamento, as pessoas pegas fumando maconha seriam multadas em vez de presas e processadas. Processos penais só seriam abertos contra aquelas que fossem pegas repetidamente com a droga.

Pergunta: Será que as pessoas vão gradualmente parar de fumar e abandonar esse hábito como resultado.

Resposta: Eu não vejo isso. Isso só é possível se elas receberem tal satisfação interna de que não precisarão dessas coisas.

Pergunta: O que você acha que leva uma pessoa a fumar mais? É a dor que ela sente por que tudo ao seu redor a está pressionando ou porque ela quer receber prazer?

Resposta: Muitos fatores estão envolvidos aqui. Uma pessoa é pressionada por prazer e falta de prazer. Além disso, o fruto proibido é muito mais doce. Se não é mais proibido, podemos fazer algo sobre isso. O que vamos fazer sobre o ato de fumar? Uma campanha séria generalizada em todo o mundo trouxe o declínio no número de fumantes de cigarro.

No passado, era comum se fumar nas ruas, e hoje dificilmente você pode ver alguém fazendo isso.

Pergunta: Será que isso significa que você acha que pode lidar com o fumo da maconha?

Resposta: Tudo vai voltar gradualmente ao que era antes. Nós só temos que fazer isso corretamente.

De KabTV “Notícias com Michael Laitman” 08/03/17

Nova Vida # 79 – Câncer

Nova Vida # 79 – Câncer

Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Nitzah Mazoz

Resumo

Câncer desenvolvido em paralelo com o desenvolvimento da humanidade.​ O câncer é  uma cópia das relações entre as pessoas e reflete a humanidade imperfeita espiritualmente.  A essência da doença é a hostilidade das células em direção ao ​corpo​. A educação​ para o bom relacionamento entre nós cura a raiz.

[95774]
De KabTV “Nova Vida # 79 – Câncer”, 9/10/12

OBS: Multimídia em idioma inglês

icon for podpress Video: Reproduzir Agora | Download icon for podpress Audio: Reproduzir Agora | Download

Medicina Holística

Dr. Michael LaitmanTorá, Deuteronômio, 21:20-21: E dirão aos anciãos da cidade: Este nosso filho é rebelde e contumaz, não dá ouvidos à nossa voz; é um glutão e um bêbado.

Então todos os homens da sua cidade o apedrejarão, até que morra; e tirarás o mal do meio de ti, e todo o Israel ouvirá e temerá.

“Um glutão e um bêbado” é um desejo que, como uma célula cancerígena, absorve em si a Luz de Hochma e a Luz de Hassadim respectivamente. Naturalmente, esse tipo de desejo precisa ser morto.

Pergunta: O que se quer dizer com “e todo o Israel ouvirá e temerá”?

Resposta: A correção espiritual deve ser realizada em um ambiente geral e ter um impacto sobre toda a nação, sobre todas as almas. Ela deve ser realizada de tal maneira que finalmente corrija todo o sistema de conexão entre as pessoas ou entre as almas.

Uma pessoa traz para o sistema todo esse estresse sob o qual impulsivamente entra em um modo diferente. Dessa forma, uma parte cancerígena se livra de sua intenção estúpida e mais uma vez começa o crescimento. Naturalmente, nada é perdido da alma coletiva.

Pergunta: Seria interessante ver o que aconteceria se os médicos que estão tentando descobrir os mistérios do câncer se tornassem Cabalistas?

Resposta: Eles ainda seriam incapazes de fazer qualquer coisa. Claro, eles descobririam que essa doença está relacionada com a violação do programa interno de uma célula pela qual ela começa a devorar a si mesma ou as células circundantes e por isso perde sua capacidade de existir. Porque, em última instância, ela começa a se dividir de forma independente, sem levar em conta o espaço circundante, e morre juntamente com todo o organismo.

Em princípio, é claro que esse é um mecanismo egoísta que atravessa todos os limites. Ela não tem autocontrole, o que se refere ao fato de que ela se destrói.

Por exemplo, vivendo em uma aldeia, eu não consigo queimar todos os campos ao meu redor. O que vou fazer depois? O que vou comer? Mas é exatamente assim que uma célula cancerígena irracional se comporta porque o egoísmo se torna seu mestre. Dessa forma, ela destrói tudo ao seu redor e morre. O princípio de uma célula cancerígena é: você morre hoje, e eu amanhã.

A questão é que todo o sistema deve ser tratado em conjunto, como um todo. É por isso que em todos os séculos, este tipo de medicina entra na moda novamente. Mas eu não vejo que finalmente vencerei porque um método holístico de tratamento médico entrará no objetivo final apenas em conjunto com a Cabalá. Por enquanto, permanecemos dentro da estrutura da medicina comum.

De KabTV “Segredos do Livro Eterno”, 26/09/16

Alma E Saúde Física

Dr. Michael LaitmanPergunta: O recebimento da alma espiritual pode refletir no corpo físico, como por exemplo, curá-lo?

Resposta: Quase nunca. A pessoa se torna inspirada, capacitada e energizada, tem grande energia criativa, unidade e aspirações. Mas isso não se aplica ao corpo, em particular, à sua saúde.

Pergunta: Como a revelação e a realização da alma me ajudam neste mundo, por exemplo, nos negócios, na vida familiar, etc.?

Resposta: Só na medida em que a pessoa começa a entender o propósito de sua existência e, portanto, não se distrai mais por tolices, mas sim mantém suas convicções. Somente nesse caso, estudar a sabedoria da Cabalá estabiliza sua vida neste mundo.

No entanto, a revelação da alma não ajuda de modo algum a pessoa a ter sucesso no mundo corporal: ganhar mais dinheiro, tornar-se mais saudável e feliz.

O estudo da sabedoria da Cabalá direciona a vida de uma pessoa para a realização do propósito superior da existência, e, portanto, o componente material não lhe diz muito respeito. Ela deve prover a si e a sua família, mas não mais do que isso. E ela dedica todas as suas outras forças apenas à revelação e formação da alma.

Da Lição em Russo, 11/06/17

Nova Vida # 80 – A Saúde Do Coração

Nova Vida # 80 – A Saúde Do Coração
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Nitza Mazoz

Resumo

Como o amor e a percepção espiritual se relacionam com a saúde do coração?

O coração simboliza a vontade e o desejo de um indivíduo. A doença cardíaca é um reflexo de nossos relacionamentos. O coração é uma bomba que apresenta um equilíbrio entre dar e receber. O coração em si não precisa de nada, exceto um pouco de energia para operar.

De KabTV “Nova Vida – A Saúde Do Coração”, 10/10/12