Textos na Categoria 'Pensamentos no Twitter'

Meus Pensamentos No Twitter 20/09/18

Dr Michael Laitman TwitterCom suas ações, o homem registra-se no livro dos justos, no livro da vida espiritual, na doação e amor aos outros, ou no livro dos pecadores, na morte espiritual, desejando se preencher com as realizações terrenas.

Está escrito que o Criador perdoa apenas os pecados que as pessoas perdoaram, isto é, Ele preenche apenas nossas relações mútuas corrigidas. Até este ponto, Ele é revelado. Portanto, devemos apenas pedir para descobrir as forças do mal entre nós e sua correção – é assim que mereceremos o perdão.

O estado do Dia do Julgamento pode acontecer em qualquer dia, a qualquer momento. Em nosso mundo, tudo é determinado por um sistema morto, mas no sistema espiritual tudo depende do desenvolvimento individual. É possível que um esteja em um estado de julgamento e outro em um dia normal.

O desejo egoísta é revelado – a evolução avança, nós nos desenvolvemos de uma geração para a próxima e em nossas vidas. Por isso, sou obrigado a constantemente julgar a mim mesmo para corrigir “meus pecados” preparados pelo Criador, chances que perdi de unir todas as pessoas em um único sistema.

Se a política não fosse nutrida por conflitos, o ódio não inspiraria e consolidaria uma parte contra a outra: quando alguém ganha, outro perde.
Se fosse alimentado pela luta contra o nosso ego, a vida seria diferente – não haveria espaço para o terrorismo.

A mente serve ao ego-desejo, ajudando-o a obter prazer e a evitar coisas desagradáveis, como um animal.
Se a pessoa entende isso e deseja ganhar a razão do homem, Adão, semelhante ao Criador, então ela não age para preencher desejos, mas para se tornar semelhante à força superior.

Realizar o trabalho espiritual “de todo o coração” significa realizá-lo na unificação de todos os corações, em um único desejo do coração.

O profeta escreveu: “… e eles levantarão o povo de Israel sobre seus ombros e os elevarão a Jerusalém” – “Elevar” significa elevar ao grau do amor fraterno. Então o amor fraternal também se espalhará pelo mundo todo. E “o mundo todo se tornará bom e tranquilo”.

O bom estado futuro do mundo depende de influenciar Israel. Mas não quando as pessoas condenam e desejam aniquilá-lo.
Influenciar significa incitar a nação judaica a se unir através de uma boa atitude entre eles. Então a boa atitude se espalhará para o mundo inteiro.

Ultimamente o mundo deseja destruir os judeus cada vez mais frequentemente e, assim, livrar-se de todo o mal do mundo. Mas todo mal vem da unificação imprópria da nação judaica. A este respeito, ela pode mostrar um exemplo, como Abraão fez na antiga Babilônia.

Eu não estou em nenhuma parte do sistema. Eu estou sujo em meio à bilhões de pessoas, animais, plantas e matéria inanimada. Eu influencio todos, estou dentro de todos, sem exceção, e minhas ações os levam à união ou à fragmentação. Isso significa que estou registrado no Livro (alma).

O homem deve fazer com que todo o sistema da natureza se relacione de uma forma perfeita absoluta, de modo que todos nela se interconectem mutuamente e, através dessa conexão, recebam a boa força que preenche a todos. Essa força que conecta e preenche todos é nosso Criador.

Eu constantemente me identifico com o Criador, reunindo esses estados em uma única imagem. O tempo e as perturbações desaparecem, somente a força do Criador permanece.
Sou grato a Ele pelo meu mundo, uma vez que estas são todas as partes da minha alma que devo me conectar a Ele – uma fonte, uma causa.

Eu me esforço para entender como se tornar um embrião no Criador:

  1. Determinar que tudo vem Dele
    2. Entender que Ele faz tudo e como eu deveria responder
    3. Para ver a diferença entre o que eu queria que acontecesse e como ele fez isso
    4. Para tentar que meus pensamentos/desejos sejam como o Dele.

Quando nos voltamos ao Criador, falamos com um sistema e não com um indivíduo. Eu me torno o parceiro do Criador, percebendo que Ele fez tudo para que eu O compreendesse e operasse de acordo com o Seu plano. Se eu entender mal alguma coisa, deixe que Ele me corrija.

Se eu quero me unir ao Criador, anulando meu eu e usando tudo para me agarrar à força superior, eu me torno um embrião espiritual, Ubar. Então o tempo desaparece, não há vida e morte, há apenas o ponto da minha adesão com o superior que pertence à eternidade …

O lugar onde nós fazemos esforços no grupo para superar a repulsa mútua é onde a condição para a revelação da Luz aparece – a manifestação do Criador requer o acoplamento de duas forças opostas, + e -.
Sua polaridade e mutualidade criam a condição para a revelação do Criador.

A unidade de todos os desejos é a Shechina e seu preenchimento é o Criador.

Nossos esforços no caminho espiritual são semelhantes aos escritos. Para que a escrita seja boa, devemos escrever com boas ações – intenção “para o Criador”, para doação e amor aos outros, ajudando todas as pessoas – a alma inteira de Adão – a se aproximarem do Criador.

Não devemos nos preocupar com os pecados que ainda não foram revelados (pelo Criador), mas com o fato de que ainda não pedimos a correção deles!

A única maneira de corrigir os pecados é avançar e revelá-los na medida em que nos sentimos mal e pedir correção – é assim que corrigimos o passado, criado pelo Criador (Nada Além Dele).

Eu conecto as células do corpo da alma, Adam, até descobrir o fluxo da vida, o Criador, dentro delas.

Quando eu me movo – não externamente, com o corpo, mas internamente, com o desejo, em direção à conexão entre nós, eu crio a condição para revelar o Criador, eu me registro no Livro da Vida/correção da alma comum.

As condições para a união estão sempre mudando. Eu devo me ajustar constantemente a elas – é assim que cresço.

O ponto de adesão com o Criador é eterno. Eu me agarro a ele e, através dele, eu – o embrião – agarro-me ao Criador. Através dele recebo tudo pela minha vida espiritual. Sem este ponto eu não existo!

Essas condições/desejos são criaturas, e o Criador é o que está na conexão entre eles.

O principal é a conexão entre nós acima de todas as rejeições, pois tudo o mais depende do Criador. Nosso único trabalho são os esforços para nos conectarmos com a intenção de criar condições de equivalência à qualidade de doação, a revelação do Criador.

A unidade é um vaso espiritual. Nenhum de nós pode ser um vaso espiritual sozinho, já que ele é apenas um fragmento da quebra. O vaso espiritual/Kli é a conexão das pessoas acima da necessidade dessa conexão, o impulso de sentir o nascimento dos desejos e pensamentos compartilhados: o Criador.

Do Twitter, 20/09/18

Meus Pensamentos No Twitter 17/09/18

Dr Michael Laitman TwitterA correção começa organizando a Dezena e realizando as leis de HaVaYaH nela. Veja os artigos do Rabash sobre o grupo. O Criador traz cada pessoa cuja alma está madura para a correção a este estado.

No estado 1, é impossível alcançar a revelação de cada parte em suas qualidades individuais de toda a luz do infinito, já que não há inclusão integral dos desejos.
A criação deve revelar sua oposição ao Criador, o Estado 2, para obter equivalência com Ele, o Estado 3.

Estado 3: Como resultado, todas as partes se reconectam em 10 círculos, mas em total adesão/semelhança com o Criador. Todas as quebras, restrições e conexões são necessárias para revelar as qualidades individuais de cada parte de toda a luz do infinito, o Criador.

Estado 2: 10 Sefirot quebra e desejos são corrigidos: do leve ao pesado, em semelhança com o Criador
O sistema vai de integral para diferencial, onde o trabalho é consecutivo. Para cada parte de Malchut, o trabalho espiritual está se conectando com outras partes para revelar o Criador.

Estado 1: 5 fases de expansão da luz direta são construídas pelo mundo do infinito, HaVaYaH, o 10. Tudo acontece apenas neste sistema. O Criador é a luz do infinito que preenche Malchut. HaVaYaH compreende 10 esferas, Sefirot. O programa da criação é tornar HaVaYaH igual ao Criador

O filme A Rede Social na Era do Terceiro Reich foi premiado com o prêmio COMMENDATION laurels no Festival de filmes independentes Focus International Film na América do Norte.
#prêmio2018 #festivalde cinema #Israel #Antissemitismo #judeu

Do Twitter, 17/09/18

Meus Pensamentos No Twitter 14/09/18

Dr Michael Laitman TwitterA perfeição, da menor para a maior, é avaliada pela maneira como todos os tipos de fenômenos negativos e positivos se unem como um todo.
Não há bom nem mau: há harmonia e perfeição.
#Sabedoria #citações #Cabala

Do Twitter, 14/09/18

Meus Pensamentos No Twitter 11/09/18

Dr Michael Laitman TwitterO Ano Novo e o Dia da Expiação (Yom Kippur) são feriados. Embora o homem seja julgado, pela grandeza do Criador a luz de Hochma é revelada.
Mas devemos preparar a luz de Hassadim, correção, doação.
Encher a luz de Hassadim pela luz de Hochma é a perfeição, um Bom Dia (Yom Tov)

Do Twitter, 11/09/18

Meus Pensamentos No Twitter 09/09/18

Dr Michael Laitman TwitterA pessoa não é julgada de cima no Ano Novo, mas julga a si mesma, como deve ser, e determina seu próprio futuro. E este Ano Novo é um novo rumo para ela!
Ela é seu próprio juiz, júri e carrasco!
Então, como está escrito, há julgamento abaixo e julgamento acima …

A oração deve estar no coração:
para o coração estar de acordo com a oração ao adquirir doação (fé) em vez da qualidade inerente de recepção (conhecimento).

A ocultação do Criador está em Seu poder sobre tudo o que acontece.

Pedidos para o Ano Novo: sentir a grandeza e a singularidade da força superior, o Criador, apesar de Sua ocultação. Sentir Sua importância e autoridade em tudo o que acontece. Até cada um dos “nossos” desejos e ações, de que modo eles são todos controlados pelo Criador.
#RoshHaShanah

Este é o significado das orações do Ano Novo. #RoshHashanah

O Ano Novo é a criação de Malchut, um novo desejo que compreende todas as almas, para que sejam preenchidas pelo Criador, sintam a Sua grandeza interior. Nós pedimos para sentir o Criador, o desejo de amar e doar, preencher todos e ser revelado em todos.

A pessoa deve, portanto, atingir a grandeza e a singularidade do Criador. Então o Criador irá preenche-la.

O homem é mantido por duas forças, recepção e doação. Mas a pessoa precisa decidir qual governará dentro dela. E não por uma recompensa neste mundo ou no próximo, mas porque o Criador é grande aos seus olhos.

A principal coisa ao longo da vida é adquirir fé permanente, ou seja, qualidade total de doação sobre o desejo natural de receber, o ego.
A partir deste desejo e pedido, um novo ano começa na vida da pessoa!
Vamos desejar isso um ao outro! #RoshHashanah

Esta decisão define o ano novo! #RoshHashanah

O pedido da pessoa determina o seu destino.
Embora todas as habilidades já estejam incluídas nela, a maneira como elas são usadas depende do caminho que a pessoa escolhe:
esforçar-se em adquirir este mundo (riquezas, poder, conhecimento)
ou ser semelhante ao Criador, a qualidade de amor e doação.

Mas a pessoa só pode sentir isso como pecado em contraste com a qualidade oposta, a de doação, a fé.
Então, vamos pedir a qualidade de doação!

#Elul é a hora de pedir perdão e libertação do pecado. O ego é a causa de todo pecado. Enquanto o ego não se foi da pessoa, todos os seus pensamentos e ações são para si mesma, um pecado.

Do Twitter, 09/09/18

Meus Pensamentos No Twitter 08/09/18

Dr Michael Laitman TwitterPor que eu sou punido por pensamentos e ações se eles não são meus?
Não há punição ou recompensa no mundo, há aprendizado.
A pessoa aprende a revelar a singularidade do Criador.
Esse é o objetivo do nosso desenvolvimento.
A decisão certa é: revelar que o Criador faz tudo

Se eu puder me conectar aos outros para satisfazê-los, encontrarei contato com o superior, como se uma válvula se abrisse e minha alma se enchesse ao ponto de transmitir a luz superior aos outros. Quando eu transmito tudo isso, uma iluminação, ou Hassadim, permanece em minha alma.

Do Twitter, 08/09/18

Meus Pensamentos No Twitter 07/09/18

Dr Michael Laitman TwitterPara revelar harmonia, unidade e perfeição, o Criador criou um sistema oposto a Ele. É assim que você pode investigá-Lo. Através do sistema negativo, você revelará o Criador como o único e perfeito. Precisamente em virtude do egoísmo, que Ele criou em oposição a Si.

Para Rosh Hashaná, eu gostaria de desejar a todos o que mais falta – conexão, proximidade entre nós, amor!
Isso sempre salvou nossa nação, está no código e nos cromossomos de nossa nação.
“Ama teu próximo como a ti mesmo” – é isso que devemos implementar entre nós e no mundo.

Do Twitter, 07/09/18

Meus Pensamentos No Twitter 05/09/18

Dr Michael Laitman TwitterNós sentimos o nosso mundo dentro do nosso egoísmo como obscuro e estreito.
Mas dentro de nós temos um embrião do mundo superior, o ponto de Bina, o Criador.
Se o aumentarmos, ele se expandirá até o tamanho de Keter, 620 vezes.
Nós acabamos sendo iguais ao Criador em Seu mundo.

O amor ao próximo é expresso pela unidade, a fim de sentir, compreender e preencher os desejos dele. Se a unidade estiver correta, todas as partes funcionam como um todo. O amor é a aspiração de satisfazer os desejos dos outros e de viver pelo bem deles. É assim que um sistema perfeito é criado.

Não é Nasrallah quem está em um bunker, mas nós, tentando nos esconder de nossa própria história e missão. Agora temos que perceber nosso verdadeiro potencial – em unidade. É aí que nossas infinitas possibilidades vão se concretizar.
#Israelense #Israel

The greatest difficulty is rising to the 1st spiritual degree since man must change his nature from “receiving-ego-reason” to the spiritual one “bestowal-faith.” On the following degrees he only adds the force of bestowal-faith, raising it above reception-reason.

Estamos construindo uma nova sociedade, um lugar único do tipo que o mundo nunca viu. Nosso grupo trabalha para revelar e implementar o método da Cabalá, esforçando-se para realizar uma correção tal, que seremos o centro espiritual do mundo, um exemplo para o seu desenvolvimento espiritual.

A maior dificuldade é elevar-se ao primeiro nível espiritual, já que o homem deve mudar sua natureza de “ego-razão-receptora” para espiritual-fé-auto-outorgante. Nos graus seguintes ele apenas acrescenta a força da fé-doação, elevando-a acima da razão de recepção.

Nós esculpimos o sistema ADAM e ele ganha vida. Assim, da matéria inanimada é criado um homem corrigido, em quem o Criador sopra luz, espírito de vida. Esta maravilhosa oportunidade que temos é o que celebramos no Ano Novo, #RoshHashana – o dia da criação do homem (nascimento)!

Todo o nosso foco e esforços visam criar condições nas quais o Criador possa ser revelado. Devemos montar o sistema fragmentado de ADAM , combinando suas qualidades de doação, garantia mútua e inclusão de tal maneira que o espírito/Luz apareça dentro desta matéria.

O Ano Novo – #RoshHashana, é o primeiro contato com a força superior, a primeira realização do Rei do mundo, quando o homem revela que o Criador governa tudo. Nossa única oportunidade é concordar com o plano Dele. Todas as mudanças e revelações acontecem apenas dentro do homem.

A força superior sempre governa tudo. Tudo o que precisamos é nos sentirmos sob sua influência, obter a força de doação acima da recepção (ego) e começar a corrigir nossos desejos. O trabalho começa com o feriado de Ano Novo (#RoshHaShana), a primeira correção do estado da criação.

Hoje é o primeiro dia do ano letivo!
Que a escola se transforme em um lugar onde uma pessoa pequena é formada em um Ser Humano, onde aprende como estar adequadamente conectada aos outros em um único sistema, semelhante à natureza. Isso garantirá um bom futuro para ela.
#Crianças

O Criador criou apenas o desejo de receber. Nele eu sinto esse mundo. Elevar-se acima deste mundo significa elevar-se acima do desejo de receber, sentir o Criador/mundo superior no desejo de doar.
Em seguida, administrando atos acima da vontade de receber, nos tornamos como o Criador, a vontade de doar.

O trabalho espiritual começa com a restrição do desejo. Eu me elevo acima do desejo de usá-lo de bom grado. O Criador dá a força da fé acima da razão e o desejo deixa de ser meu chefe. Pelo contrário, eu o controlo e me torno semelhante ao Criador.
A Cabalá começa precisamente com essa ação.

Um grau atingido não desaparece, mas gera um desejo de desfrutar ainda maior, tornando o trabalho ainda mais difícil. A realização de ontem se torna o obstáculo de hoje. Esta é a “ajuda a partir do oposto”, permitindo-nos subir mais alto pela fé acima da razão.

#RoshHashana é a revelação da perfeição e poder do Criador, Seu governo total: eu sou o primeiro e sou o último, e estou em tudo. É assim que o homem imagina o Rei do mundo e é o começo de seu caminho espiritual.

Embrião. A ação correta não é considerar sensações no desejo egoísta, mas aspirar à adesão com o Criador acima dele. Nessa adesão, não há “área”, mas apenas um ponto, já que “área” tem as direções direita-esquerda – meus cálculos.

Um embrião espiritual é a aspiração de permanecer em adesão com o Criador, em um único ponto de unidade, em qualquer situação e sob quaisquer condições. A altura do grau espiritual é determinada pelas condições/tamanho do egoísmo acima do qual estamos prontos para nos anularmos!

Do Twitter, 05/09/18

Meus Pensamentos No Twitter 01/09/18

Dr Michael Laitman TwitterMude da autoproteção para a austeridade para consigo mesmo.
E gentileza para com o amigo …
Relaxe, esteja mais perto do seu amigo com o seu coração.
Deixe de lado a resistência.
Liberte-se, como um pássaro fora de uma gaiola.
#Sabedoria #citações #Motivação #sucesso

Diferença da Cabalá em relação a outros ensinamentos: eles usam elementos da Cabalá para descrever ações em nosso mundo. Não há nada espiritual em nosso corpo/ações! A Cabalá não diz uma palavra sobre o nosso mundo. Somente recebendo Ohr Makif, atingiremos a qualidade de doação/o mundo superior.

O presente do Criador é quando você sente o desejo de doar-Lhe.
Isso é chamado de luz da fé. Ela carrega a qualidade de doação.
Ela produz o desejo de pensar no Criador, agradá-Lo.
Isso se torna importante como uma mãe cuida de seu bebê.
Nós alcançamos nosso trabalho mútuo.

A grandeza do Criador é a sensação de que Ele governa todos os meus estados e não há outro além Dele. Não há outra força. Ele incorpora todas as decisões, pensamentos e forças. Se a pessoa sente isso, significa que alcança a grandeza do Criador e não há nada acima/além disso

Em hebraico, o ano novo é a Cabeça do ano: pedimos para ser a cabeça, não a cauda. Queremos nos elevar acima dos desejos egoístas, doar e não receber, de modo que a intenção de doar – isto é, equivalência ao Criador, determinará todas as nossas ações. E da mesma forma o ano todo.

Do Twitter, 01/09/18

Meus Pensamentos No Twitter 30/08/18

Dr Michael Laitman TwitterAno novo = renascimento. Embora eu vivesse colecionando conhecimento e mandamentos da Torá, como todos, agora percebi que o que importa é a aspiração de obter equivalência com o Criador através do amor ao próximo e revelá-Lo na qualidade da fé acima da razão (doação acima da recepção).

Do Twitter, 30/08/18