Os EUA Não Vão Sobreviver Sem Vale Refeição

Dr. Michael LaitmanNas Notícias (do MoneyNews): “O número de americanos usando vale refeição subiu para um pico de todos os tempos no ano passado, segundo dados divulgados pelo Departamento de Agricultura”.

“Uma média de 46,6 milhões de pessoas receberam os benefícios cada mês no ano passado, com o número médio de famílias que os receberam totalizando 22,3 milhões. Em 2007, apenas 26,3 milhões de pessoas receberam vale refeição”.

“Entre os estados, o Texas liderou com uma média de 4,04 milhões de beneficiários do vale refeição por mês. A Califórnia ficou em segundo lugar com 3,96 milhões, e a Flórida foi o terceiro estado com 3,35 milhões”…

“No Weekly Republican Address Saturday, o senador Jeff Sessions, R-Ala., dilacerou  o Departamento de Agricultura no que ele chamou de seu programa agressivo para colocar mais pessoas no vale refeição, relata o Daily Caller”.

“Sessions expressou desdém pela reclamação do Departamento de Agricultura que ‘cada US$ 5 em novos benefícios [do vale refeição] geram quase o dobro desse montante na atividade econômica para a comunidade’”.

“Sessions ofereceu uma resposta a isso: ‘Não seria melhor ajudar mais americanos a encontrar empregos bem remunerados, para terem o orgulho e a autoestima que vem disso?’, perguntou ele. ‘Não é esta uma forma superior de compaixão que tem uma base moral mais sólida?’”.

“Mas o presidente Barack Obama não vai deixar isso acontecer, diz Sessions”.

“O governo dos EUA gastou um recorde de 80,4 bilhões dólar em vale refeição no ano fiscal de 2012 – até 2,700 bilhões de dólares desde o ano fiscal de 2011”.

“De acordo com a Declaração Mensal do Tesouro pelo Departamento do Tesouro dos EUA, o governo gastou 77,6 bilhões de dólares em vale refeição – formalmente conhecido como Programa de Assistência em Nutrição Suplementar (SNAP) – no ano fiscal de 2011”.

Meu Comentário: Nós estamos nos aproximando de um estado em que, devido ao grande número de desempregados, as pessoas vão entender que é necessário introduzir um programa geral de distribuição igualitária de bens e serviços essenciais para as pessoas. O termo “desempregado” irá desaparecer.

Comente