A Alegria Da Libertação

Dr. Michael LaitmanNós recebemos a força de doação de Cima sem saber o que ela é, uma vez que pertence à existência em outra dimensão. Pelas subidas e descidas chegamos a um estado em que começamos a compreender que devemos pedir para existir em outra força, na força de doação. Eu não quero depender do meu humor, se sinto que algo é agradável ou não, mas quero estar acima de tudo isso.

Primeiro o desejo egoísta me motiva, mas, gradualmente, pela Luz que Reforma, como resultado de uma influência cada vez maior da força superior que me transforma, eu começo a querer subir por causa do que sinto. Cada vez que eu sinto a doçura da minha aproximação com o Criador, como resultado do meu trabalho para doar, da conexão, em todas as manifestações dos estados espirituais, eu me “pego” e peço para ter a permissão de estar neste estado não porque ele é doce, agradável e confortável, ou me aquece com a grandeza do Criador, a importância do objetivo, a importância da minha única missão superior.

Eu prefiro sentir a minha humildade, embora o sentimento de humildade também possa ser sentido de diferentes maneiras e, por vezes, resulta de grande orgulho. Mas eu sinto a humildade de tal forma que não me permito ser subornado pelo prazer, pela satisfação na mente e no coração; eu preferiria ser conduzido por outra força que não entendo, e só sei que é a força da fé. Ela me permite ser independente da minha própria razão, que é chamada estar acima da razão.

Se eu realmente exijo estar acima da satisfação do meu coração e mente, o resultado é algo que transcende os limites deste mundo, algum espaço vazio. Então eu oro e peço pela fé, ou seja, a força de doação que a Luz deve me trazer para me libertar da conexão de mim mesmo, da dependência de qualquer gosto mais fascinante, de tudo de Malchut de Ein Sof (Infinito) que está cheia de prazeres.

Eu quero estar acima de tudo isso, na força de doação, a fim de não ver e nem pedir para ver a grandeza do Criador, a fim de não ser dependente de quaisquer prazeres, satisfações, e conhecimentos. Eu estou acima disso e não dependo de nada. E o sinal para este estado é a alegria.

Da Preparação para a Lição Diária de Cabalá 04/02/13

Comente