Um Avanço Para A Dimensão Integral

Dr. Michael LaitmanPergunta: Como nos incluímos nos desejos dos outros? Como eu poderia saber o que os outros querem?

Resposta: Não importa. Você não deve se preocupar com o que a outra pessoa quer. Devemos apenas “fingir” que queremos tratá-las desta forma.

As pessoas não precisam nos contar seus desejos e pensamentos secretos. Devemos tentar conectar apenas com os desejos e pensamentos que se destinam a criar uma comunidade que seja mais avançada do que a nossa, apesar de ser o mesmo para todos nós. Não devemos nos interessar em sua personalidade, suas relações familiares, nem em nada do que diz respeito à sua vida material. Devemos nos concentrar na aspiração da pessoa para o alto, para o próximo nível. É por isso que não devemos entrar em sua psicologia “animal” e interrogá-la: “O que você está pensando? Diga-me mais sobre si mesmo, para que eu possa me comunicar melhor com você”. Por quê? Você não deveria fazer isso.

É melhor falar sobre o próximo nível e se comunicar nesse grau; vamos jogar “como se” já estivéssemos lá. Vamos imaginar que tipo de sociedade será essa, qual será a nossa atitude para com a família, as crianças e sua educação nesse momento. Isto não significa que estamos simplesmente sentados contemplando como seria bom estar lá, mas sim  que deliberamos sobre como criar toda a sociedade integral.

Na verdade, estamos jogando um jogo muito sério! O “nível falante” em nós está sendo criado exclusivamente por nós, não pela natureza. A natureza só nos estimula a agir; nós somos os que se supõe atingirão este nível. Vamos subir até ele por nós mesmos, antes que a natureza comece a nos forçar. Vamos voluntariamente nascer no próximo nível; caso contrário, vamos chegar lá de qualquer maneira, mas por enorme aflição. Não importa o que, a natureza vai nos fazer realizar isso.

Ao contrário de todos os níveis anteriores, devemos estar cientes e reconhecer a nossa subida. As pessoas devem se sintonizar a tal método jogando este jogo e sendo treinadas em vários grupos de voluntários que estão se dirigindo a um avanço. Com isso, vamos ampliar a metodologia integral, adicionar mais maneiras de participar do processo, e aumentar o número de jogos.

Contudo, os jogos não devam ser muito extensos, já que não ponderamos a psicologia animal, mas sim jogamos “como se” já estivéssemos no nível seguinte: “O que isto lhe parece? Como podemos construir as nossas relações sociais e familiares, e nossa economia? Como exatamente sentimos a unidade? O quê são a natureza integral e a humanidade integral? O quê são intelecto integral e sentimentos?

Vamos penetrar nessas coisas e ver que muitas novas camadas que parecem totalmente amorfas e sem vida hoje serão reveladas a nós; temos que fazer um grande avanço e penetrar nelas aplicando esforços sérios. Quando superarmos a barreira psicológica e nascermos numa nova dimensão, pelo menos um pouco, vamos ver um enorme mundo de novas sensações e conhecimentos que estão além de nossa matéria. Em nosso mundo existem apenas três tipos de matéria: inanimada, vegetal e animal. Quanto à “matéria humana”, trata-se da energia que é “privada” da substância material deste reino. Vamos ver uma camada totalmente diferente do mundo, uma nova dimensão.

Da “Conversa Sobre Educação  Integral” 29/02/12

Comente