O Último Dia De Verão

243.07O último dia de verão chegou. Estamos entrando no período outono-inverno e, claro, a pandemia de coronavírus continuará. É bom que a cada dia percebamos cada vez mais claramente que o vírus não vai nos deixar tão rápido. A pandemia não traz apenas doenças, mas muda toda a nossa existência: trabalho, casa, nossa comunicação com o outro e a atitude de uma pessoa em relação à vida.

Nunca houve uma epidemia que tenha sido tão ampla, profunda e duradoura e que tenha causado tantas mudanças qualitativas em uma pessoa. A humanidade ainda tem dificuldade em compreender que mudanças são exigidas de nós, mas nos próximos dois ou três meses sentiremos que este golpe nos obriga a mudar, a mudar a nossa atitude perante a vida e a sociedade. O coronavírus muda as pessoas e será mais fácil para nós entender que tipo de pessoa devemos ser.

O outono começa e as pessoas voltam ao trabalho após as férias de verão, as crianças voltam à escola, os alunos às universidades. Tudo começa a voltar ao quadro normal, e aqui sentiremos o quanto somos incapazes de voltar a ele.

Não temos para onde voltar! Não poderemos mais oferecer suporte aos sistemas que tínhamos antes. Por enquanto, não temos um entendimento de como continuar o curso anterior. Qual deve ser a nossa atitude em relação ao trabalho, ao estudo, a tudo na vida nas novas condições que nos são reveladas como resultado da pandemia. Teremos que descobrir tudo de novo.

Sentiremos que queremos lutar cada vez menos contra esses fenômenos, mas precisamos entender sua essência interior e mudar de acordo.

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 31/08/20, “Trabalhar com Fé Acima da Razão”

Comente