Feriados Espirituais, Parte 1

laitman_744Feriados São Estados Recorrentes

Pergunta: As datas especiais que os Cabalistas celebram podem ser chamadas de “feriados” ou “tradições”, mas todas trazem informações espirituais especiais. Algumas existem como eventos históricos, outras são simplesmente descritas nas fontes Cabalísticas.

A palavra “feriado” em si é “Chag” em hebraico. O que isso significa?

Resposta:Chag” é da palavra “Mehuga” (seta de retorno). Ou seja, são eventos recorrentes que representam estados espirituais de qualquer pessoa que queira avançar na espiritualidade.

O espaço espiritual está acima do nosso mundo e existe por si só. Essas pessoas que atingem qualidades e forças espirituais são incluídas neste espaço e se sentem em certos estados espirituais.

Esses estados são chamados de Chag, Mehuga, que são recorrentes e retornam. Eles inicialmente provêm da estrutura do sistema do mundo superior e, à medida que ela desce, se manifestam em nosso mundo.

O primeiro estado é Rosh Hashaná (Ano Novo). Esta data representa a criação de uma pessoa e, portanto, nós a celebramos. O mundo foi criado cinco dias antes disso, mas não comemoramos isso. Estamos interessados ​​no Ano Novo, quando o sistema de Adão foi criado.

Esta não é uma pessoa em nosso mundo, mas um sistema espiritual que nos controla. Antes dele, foi formado o sistema que controla a natureza inanimada, vegetativa e animada. No sexto dia da criação, ou seja, no sexto grau, o sistema chamado Adam apareceu.

Pergunta: Isso significa que Adam é um programa que controla toda a nossa realidade?

Resposta: Existe um programa que nos controla e, dentro dele, existem subprogramas. Um deles, o mais central, é chamado Adam (humano).

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 29/01/19

Comente