“Talvez O Tempo Só Exista Na Sua Cabeça. E Todos Os Outros”

laitman_928Nas Notícias (Wired): “PASSADO. PRESENTE. FUTURO. Na física, eles são todos a mesma coisa. Mas, para você, eu e todos os outros, o tempo se move em uma direção: a partir da expectativa, através da experiência, e na memória. Essa linearidade é chamada de flecha do tempo, e alguns físicos acreditam que ela só progride dessa maneira porque os seres humanos e outros seres com fiação neurológica semelhante, existem para observar a sua passagem.

“A questão da seta do tempo é antiga. E para ficar claro, a questão não é se existe tempo, mas em que direção ele se move. Muitos físicos acreditam que ele emerge quando um número suficiente de partículas minúsculas – individualmente governadas pelas estranhas regras da mecânica quântica – interagem, e iniciam um comportamento que indica que possa ser explicado usando-se a física clássica. Mas dois cientistas argumentam, em um artigo publicado hoje no Annalen der Physik – o mesmo jornal que publicou artigos principais de Einstein sobre Relatividade Especial e Geral – que a gravidade não é forte o suficiente para forçar todos os objetos no universo a seguir a mesma direção passado»presente »futuro. Em vez disso, a flecha do tempo emerge de observadores. …

“O tempo se move dessa forma porque os seres humanos são biologicamente, neurologicamente, filosoficamente, programados para experimentá-lo dessa forma. É como a versão em uma escala macro do gato de Schrödinger. Um canto distante do universo pode estar se movendo do futuro para o passado. Mas quando os seres humanos apontam um telescópio nessa direção, o tempo está de acordo com o fluxo passado-futuro. ‘Em seus trabalhos sobre a relatividade, Einstein mostrou que o tempo era relativo ao observador’, diz Lanza. ‘Nosso trabalho dá um passo adiante, argumentando que o observador na verdade o cria'”.

Meu Comentário: O tempo não existe, assim como o espaço e o movimento não existem. Todos eles só aparecem em nossas mentes. Então, como é possível determinar o que está fora da nossa consciência? Nós devemos superar nossa consciência com a ajuda da influência da Ohr Makif (Luz Circundante – a Luz que brilha fora de nós, contanto que não estejamos em um estado corrigido).

Comente