A Canção da Ascensão

No Zohar, o capítulo “Shemot (Êxodo),” Item 333: Os ministros inferiores são chamados de “levitas”, porque eles acompanham e participam “lá de cima” como um [Livui significa acompanhamento], e porque aquele que escutar o canto se une e se sua alma adere ao superior, o Criador.

A música é a revelação da Luz de Hochma na Luz Hassadim, a maior revelação que existe. “A Música Das Músicas ” é o pico de adesão, ligação e união entre a criatura e o Criador. Salmos são as canções que o Rei Davi (Malchut) revelou na linha média, pois elas são as revelações da Luz de Hochma na Luz Hassadim.

Às vezes parece que o rei Davi chora; sem saber o que fazer, e se esconde dos inimigos , ainda na escuridão, ele revela Hassadim, a misericórdia do Criador. Assim, é uma canção.

Primeiro, precisamos revelar a linha certa, a fé ou Hassadim, enquanto suprimimos a linha da esquerda e agarramos a direita sozinhos. Quando se revela completamente Hassadim, nos elevaremos a Bina e veremos que podemos ficar na misericórdia de todos os desejos, em todo este nível (nos desejos de GE). Então começamos a trabalhar com os desejos de recepção (AHP) e despertamos a linha de esquerda. Em outras palavras, começamos a despertar as forças de Malchut e aceitamos a Luz de Hochma em receber esses desejos.

Ao elucidar os nossos desejos de recepção e os adjacentes à linha da direita, assim construímos a linha média. O Estado, quando a Luz de Hochma é revelada à Luz de Hassadim, quando a linha se conecta à esquerda na linha direita e dá lugar à linha média, ela é chamada de música. Isso é chamado de uma “cruzada”, uma vez que muda de estado para estado, como resultado dessas deslocalizações, promovendo assim o avanço de três linhas: Ibur, Yenika e Mochin. Primeiro, prepara os desejos, e então preenchê-os com a Luz.

Portanto, Salmos (as canções) do Rei David descrevem todos os diferentes estados durante a correção de Malchut nas três linhas. Elas contêm a Luz imensa que o Kli derrama, o que significa que a correção é tão alta que o kli torna-se completo, como a Luz.

Da 1a. parte da Lição Diária da Cabalá 21/04/10 O Zohar

Comente