Banir O Plástico Nos Ajudará?

738Nas Notícias (Notícias do Parlamento Europeu): “O Parlamento aprovou uma nova lei que proíbe os artigos de plástico de uso único….

“Os Estados-membros terão que atingir uma meta de coleta de 90% para garrafas plásticas até 2029, e as garrafas plásticas terão que conter pelo menos 25% de conteúdo reciclado até 2025 e 30% até 2030.

“O acordo também fortalece a aplicação do princípio do poluidor-pagador … ao introduzir a responsabilidade estendida para os produtores. Este novo regime também se aplica às artes de pesca, para garantir que os fabricantes, e não os pescadores, suportem os custos de recolha das redes perdidas no mar. …

“De acordo com a Comissão Europeia, mais de 80% do lixo marinho é plástico. Os produtos abrangidos por esta nova lei constituem 70% de todos os itens de lixo marinho. Devido à sua lenta taxa de decomposição, o plástico acumula-se nos mares, oceanos e nas praias da UE e em todo o mundo. Resíduos de plástico são encontrados em espécies marinhas – como tartarugas marinhas, focas, baleias e pássaros, mas também em peixes e crustáceos e, portanto, na cadeia alimentar humana”.

Pergunta: Você acha que é possível parar este dano com tal proibição?

Resposta: Não sei, e o que o substituirá? Como podemos nos livrar de todos esses sacos plásticos, etc.?

Pergunta: Por que algo feito para ser tão conveniente quase sempre é prejudicial?

Resposta: Qualquer coisa que não venha da natureza em sua forma pura é sempre prejudicial.

Pergunta: Você está dizendo que todo progresso tecnológico é prejudicial?

Resposta: Claro! Ainda precisamos aprender e entender tudo isso.

Pergunta: Todo esse caminho de progresso tecnológico, revoluções técnicas e todos os prêmios Nobel recebidos por eles, isso prejudicou a humanidade?

Resposta: Tudo isso! Tudo é apenas para perceber o mal que há nela.

Até que uma pessoa entenda corretamente por que precisa de algo, não coloque nada em suas mãos! Nem uma coisa pequena, nem uma bomba atômica.

Nossa vida inteira é apenas para neutralizar todos os possíveis efeitos negativos desse progresso sobre nós. Estamos apenas empenhados em neutralizar suas consequências negativas.

Todo o nosso progresso é apenas para nos permitir agir egoisticamente como quisermos, agir egoisticamente e ao mesmo tempo sem sofrimento.

Pergunta: Quando este progresso tecnológico é útil e necessário?

Resposta: Apenas na medida em que nos ajuda a estar mais próximos uns dos outros.

Não temos ideia de para onde nosso egoísmo nos leva quando estamos engajados apenas nele. Tudo o que vem dele é, em última análise, prejudicial e, no final, terá de ser interrompido. Não sou a favor de desistir de tudo repentinamente. Estou falando sobre o curso geral da humanidade.

Não desista de nada. Trate apenas a natureza corretamente. Quando você puder agir de acordo com as leis de conexão, bondade, amor e assim por diante, faça isso. Todo o resto, deixe de lado. Você verá como tudo apresenta uma imagem diferente.

Eu defendo o progresso razoável, que consiste em combinar os princípios egoístas e altruístas da natureza e sua atuação conjunta. Tanto a linha esquerda quanto a direita são necessárias. Mas deve haver uma linha média que os impulsione.

Pergunta: Então, com base nisso, o processo resultante será correto? Precisamente dessa conexão?

Resposta: Sim. Mas em algum ponto do caminho, abandonamos essa atitude correta em relação à natureza e iniciamos um desenvolvimento unilateral: apenas por causa do egoísmo.

É por isso que arruinamos não apenas a ecologia, mas também os humanos.

De KabTV, “Notícias com o Dr. Michael Laitman”, 08/07/21

Comente