Sob O Governo Do Faraó

168Rabash, Artigo 923, “E Ele Disse: ‘Quando Você Libertar as Mulheres Hebraicas’”: “Faraó ordenou a todo o seu povo, dizendo: ‘Todo menino que nascer, lance-o no Nilo, e toda menina, mantenha-a viva’”.

Um filho (Bem, em hebraico) significa aquele que aspira ao Criador. Um homem (Gever, em hebraico) vem da palavra “Mitgaber (superar) e significa aquele que resiste ao egoísmo e quer se elevar acima dele.

Essas pessoas que, independentemente dos atributos de seu gênero, desejam se elevar à qualidade do Criador, doação e amor, são chamadas de homens porque superam seu egoísmo, trabalham nele e tentam alcançar o próximo nível altruísta. Nosso egoísmo, chamado Faraó, ordena que afoguem essas pessoas, destruindo-as dentro de nós.

Pergunta: Isso significa que existe uma força dentro de nós que tenta destruir com antecedência essas aspirações de sair do egoísmo?

Resposta: Claro. O egoísmo que nos controla é nossa força principal.

Comentário: Mas a força do egoísmo está sob o controle de uma força ainda maior, o Criador.

Minha Resposta: Correto. No entanto, em geral, o Faraó tem a oportunidade de governar sobre uma pessoa.

Pergunta: Então, sob a autoridade de quem está o homem: o Criador ou o Faraó?

Resposta: Estamos sob a autoridade do Criador que fez isso, de modo que estamos sob a autoridade do Faraó.

De KabTV, “Estados Espirituais”, 26/03/21

Comente