Quem Pode Se Envolver No Trabalho Espiritual?

Laitman_032.02Baal HaSulam, A Última Geração: Nem todos devem se aprofundar na espiritualidade, mas apenas alguns escolhidos de acordo com as necessidades de mudança. Haverá um Supremo Tribunal e todos os que desejam participar da vida espiritual, devem primeiro ser autorizados a fazer isso por este tribunal.

A permissão para se envolver no trabalho espiritual deve ser emitida por um tribunal composto por pessoas que veem que a pessoa é digna disso. Por exemplo, hoje, as portas de nossa organização estão abertas para todos que desejam vir. Mas, no futuro, isso deve ser mais limitado.

É impossível chamar todas as pessoas para se envolverem no desenvolvimento espiritual porque isso não está de acordo com o quadro do desenvolvimento da sociedade. A sabedoria da Cabalá explica que existem pessoas que não são adequadas para isso. Elas têm uma alma subdesenvolvida ou, mais precisamente, têm diferentes tipos de alma. Elas não precisam da Cabalá. Nós vemos isso hoje: apenas alguns milhares de pessoas de sete bilhões são atraídos a isso.

É assim que deve ser. Portanto, é necessário limitar estritamente a recepção de pessoas que estão tentando se envolver nessa sabedoria. Embora não haja restrições em princípio, entre elas, há aquelas que simplesmente não precisam disso. Elas apenas estão se enganando.

Além disso, não só os alunos, mas também os professores – todos até a última instância mais elevada – precisarão receber permissão para estar no seu papel espiritual.

Pergunta: Se eu, como residente da última geração, tenho algumas ideias sobre como elevar a sociedade a um nível superior, eu preciso recorrer ao Supremo Tribunal para que ele considere minha proposta?

Resposta: Obviamente, sim. No entanto, em princípio, você não precisa de um tribunal superior para isso. Afinal, você existe em uma determinada estrutura; você estuda em algum lugar. Entre em contato com pessoas nesse local. Você não precisa ir imediatamente ao Supremo Tribunal. O tribunal local será suficiente, como nos dias de hoje.

No entanto, uma pessoa deve percorrer o corpo de inspeção, porque o tribunal a dirige, a apoia, a obriga e fornece uma base para quem quer progredir espiritualmente envolvendo-se na sabedoria da Cabalá. Caso contrário, não há outra maneira de alcançar a revelação do Criador. O objetivo da vida espiritual é a realização do Criador por uma pessoa neste mundo.

De KabTV “A Última Geração” 12/06/17

Comente