Criando Uma Imagem Integral Do Homem

Dr. Michael LaitmanPergunta: Como o ego que se revela entre os amigos no grupo integral difere do ego comum, animal?

Resposta: É o ego de um nível completamente diferente. Ele aparece na medida em que a pessoa almeja a integralidade (a integração), e surge apenas nessas pessoas. É como um novo corpo que você pretende criar agora. A propósito, você especificamente o cria e ninguém mais. Ao ligar pequenas células egoístas ao novo corpo, você começa a sentir como essas partes estão em oposição umas às outras, em conflito, em contradição, e isso é realmente assim em nosso corpo.

Se tomarmos um átomo, o positivo (próton) e o negativo (elétron) não são opostos entre si? No entanto, sem uma aliança entre eles, não haveria um componente a partir do qual todo o material seria criado. De dentro do conflito e da conexão de opostos, nós começamos a obter tudo.

Nós mesmos, através de nossos esforços e dos atributos positivos e negativos que aparecem em nós igualmente, criamos, formamos esta imagem, este sistema integral, que é chamado de “Adão” (homem/ser humano). Nós almejamos positivamente uma conexão entre nós e, em vez disso, recebemos uma influência negativa, de separação. E novamente com esta separação, nós ansiamos pela conexão no nível seguinte, e novamente nós nos repelimos com o novo ego. Assim, cada vez nós subimos para uma nova integração.

E quem é o homem aqui? “Adão” é o que conecta as duas forças opostas da natureza. Estas duas forças não são nossas. Nós as vemos de longe: agora eu odeio os outros, anseio amá-los, conectar-me a eles, e sou repelido por eles. Dentro de mim agem duas forças da natureza. Eu, pessoalmente, sou um elemento neutro, mas usando-as como duas rédeas ou duas forças opostas, positiva e negativa, eu construo um corpo humano espiritual. Este é o corpo que existe, como um dipolo, egoísmo e altruísmo, pelo qual eles se apoiam mutuamente.

De KabTV, “Um Mundo Integral”, 26/11/12

Comente