Um Guia Prático Para O Método Integral

Dr. Michael LaitmanPergunta: Pode haver certa ênfase em qualquer livro, tal como uma ênfase em antropologia ou desenvolvimento, ou em certos aspectos psicológicos ou profissionais. Considerando que o material deve ser preciso e relevante, qual é a melhor maneira de preparar o livro sobre o método integral?

Resposta: Em minha opinião, este livro deve estar antecipando o próximo livro ou mesmo uma série de livros que vai se tornar um guia prático para a criação de segmentos de uma comunidade integral. Mais tarde, esses segmentos se unirão em um único conjunto integral. Eis porque precisamos enfatizar o aspecto prático, a forma como os vários grupos da população em diferentes situações que observamos nas cidades com uma só indústria, escolas e unidades familiares, todos eles resolvem seus problemas do seu próprio jeito, subindo para um todo integral.

Agora mesmo, vivemos em uma sociedade separada, uma família ou uma sala de aula, em uma cidade ou em parte dela, em uma empresa e assim por diante. Há tensão entre as pessoas que inclui certos fatores externos e internos. Precisamos mostrar como nós podemos levá-las à união interna, à percepção do poder comum, do pensamento comum, à percepção de uma comunidade, que surge entre eles.

Afinal, uma família não é apenas um marido e uma esposa, filhos e avós. Uma família é algo que os conecta e é a reunião de todos os atributos e conexões que os une, tudo o que eles desejam elevar e preservar.

Como é que vamos resolver todos os nossos problemas e responder todas as nossas perguntas com base nesta união, nesta aliança, preservando, desenvolvendo e atuando em seu nome? Em primeiro lugar, nos subimos ao nível da criação de uma comunidade única e com base nisso podemos começar a responder a estas perguntas, apenas para que essas respostas fortaleçam nossa comunidade, a aliança e a união. Então, vamos subir cada vez mais alto em nossa união ao resolver estes problemas.

Nós vamos ver uma tendência muito interessante. Aparentemente, esses problemas aparecem apenas para que possamos nos conectar mais fortemente. Esta é a razão principal para eles, e não porque eu sou eu e você é você.

Na realidade, as coisas são completamente diferentes. Elas vêm da demanda da nossa natureza interna e externa, cujas forças nos elevam acima de nós mesmos, nos une e assim cria algo conhecido como uma única pessoa, um todo único.

Este método de solução deve ser explicitado, mostrado e descrito. Eu acho que, agora, este é o primeiro e mais necessário movimento em direção a uma comunidade integral, incluindo a educação e formação integral. O trabalho que preparamos precisará ser enviado para muitos especialistas que já estão falando sobre ele e assumem que este é o próximo passo do desenvolvimento humano no que diz respeito à solução de todos os nossos problemas, especialmente a crise financeira e econômica, desemprego e assim por diante.

Obviamente, nós precisamos ao mesmo tempo mostrar a próxima etapa: tornando-nos uma comunidade integral que vai resolver todos os problemas globais. Em outras palavras, a reconstrução de todo o nosso sistema social de civilização, onde o comércio, ciência, cultura, finanças, economia, família, educação de crianças e adultos, todas estas coisas, se reúnem, e nada pode ser decidido sem a comunidade pela qual estamos nos esforçando e a qual nós podemos usar para resolver qualquer coisa.

Se formos capazes de mostrar tudo isso de uma forma geral, e depois adquirir respostas dos políticos e cientistas sociais, psicólogos, físicos, biólogos, ecologistas e outros especialistas, então, além deste trabalho, também seremos capazes de publicar o material que recebermos deles, com seu apoio e trabalhando através de seus comentários. Uma vez que nos unamos com os cientistas, vamos criar uma comunidade na Internet em torno deste livro, um fórum, onde poderemos trocar opiniões e resolver vários problemas.

Hoje, eles já estão se tornando muito dinâmicos. Eles literalmente fluem de um para o outro e incluem todos os segmentos da sociedade e seus problemas, e desta forma seremos capazes de passar para a próxima etapa do nosso trabalho onde já veremos de forma mais prática como podemos aplicar essa ideia na solução dos problemas atuais e futuros. Esta é a maneira que eu vejo tudo isso.

Nós estamos diante de duas etapas. O primeiro passo é reunir e preparar todos os materiais, incluindo nossas conversas. Depois, adquirir muitos comentários, talvez co-escrevendo determinados artigos, comentários e assim por diante, e juntando tudo isso de modo a nos unir.

Da “Discussão sobre Formação Integral” 31/05/12

Comente