Textos com a Tag 'judeus'

Pequeno Segredo Dos Judeus

65Pergunta: A descoberta do Livro do Zohar e o fato de estarmos estudando-o indicam que um novo ciclo de desenvolvimento começou na humanidade?

Resposta: De acordo com a Cabalá, desde o final do século XX a humanidade entrou em um período especial em que é obrigada a mudar o paradigma de desenvolvimento da recepção à doação. Devemos implementar plenamente o princípio de “amar o próximo como a si mesmo”.

No entanto, não temos força nem desejo para isso. Somos guiados apenas pela necessidade de evitar o sofrimento. Se, junto com isso, abrirmos O Livro do Zohar, uma pessoa será capaz de mudar tanto que enquanto estiver em nosso mundo ela se sentirá como se estivesse no paraíso.

Hoje, há muitos comentários e explicações sobre este livro disponíveis em todos os idiomas. Existem cerca de dois milhões de pessoas em todo o mundo que estão estudando dentro do sistema dos centros internacionais de educação KabU. Portanto, temos a experiência de explicar a todos a essência do Livro do Zohar.

No passado, nos foi prometido um futuro brilhante e realmente seremos capazes de implementá-lo porque existe uma força na natureza que pode nos mudar. Os comunistas não sabiam disso, mas os judeus tinham isso como seu pequeno segredo. Hoje eles contam a todos sobre isso.

Chegou o momento em que a humanidade deve perceber que deve mudar a si mesma, caso contrário não tem futuro. Portanto, o Livro do Zohar agora foi revelado e podemos usá-lo. Tenho certeza que todos nós seremos felizes.

De KabTV, “Close-Up, Gene do Altruísmo”, 19/09/10

Para Onde Estamos Indo?

400Pergunta: O comportamento dos judeus ao redor do mundo, e dos judeus americanos em particular, pode levar o mundo ao Holocausto?

Resposta: Depende apenas dos próprios judeus. Nosso mundo está organizado de tal maneira que os judeus existem nele por uma razão. Eles devem trazer para a humanidade o método de unificação primeiro entre os judeus e depois entre todos os outros povos ao seu redor. Sem qualquer diferença! Para que o mundo finalmente chegue a um estado absolutamente geral.

E se os judeus não se moverem para este estado, terríveis excessos mundiais começarão no nível da natureza e do clima, em todos os níveis, até que a natureza nos quebre. E a natureza é o Criador.

No entanto, ela nos fará entender que a aproximação entre as pessoas é o principal fator que nos permitirá encontrar a vida certa.

Pergunta: Acontece que nós, como o povo escolhido, irritamos levemente o Criador com nosso comportamento. Pelo que entendi somos eleitos ou isso também é um mito?

Resposta: Sim, somos eleitos. Mas fomos escolhidos para nos unir e mostrar ao mundo inteiro a possibilidade de nos unirmos. E se não fizermos isso, o mundo inteiro instintivamente se voltará contra nós. Esta é a razão do antissemitismo.

De KabTV, “Encontros com a Cabalá“, 05/01/22

O Que O Mundo Deve Exigir Dos Judeus

293Comentário: Na escola, quando estudávamos as cadeias alimentares, aprendemos que quando uma semente cai no solo, o solo sustenta a grama em crescimento, a lebre come a grama, o lobo come a lebre… Se não há grama, não há lebre, e assim por diante. Se todos os pardais fossem exterminados, as plantações seriam comidas por parasitas e milhões de pessoas morreriam de fome.

Hoje quase todo o sistema de correntes foi quebrado. Por exemplo, novos computadores são montados na China, mas os chips vêm de Taiwan e da Malásia, os monitores chegam da Coréia do Sul e algumas peças são originárias da Europa. Se você precisar de 20 peças, mas tiver apenas 19, não haverá nada.

Há um aviso de que 2022 será ainda pior. Eles claramente veem isso chegando, mas não podem fazer nada sobre isso. Eles sentem um início de algo! Alguns líderes agrícolas preveem que fecharão certos países e comerão apenas o que têm nacionalmente.

Minha Resposta: Não, isso não vai acontecer. Estamos tão profundamente interconectados uns com os outros por meio de fertilizantes, pesticidas, montagem e processamento de tudo. Isso não vai acontecer.

Acho que a maioria dos países do mundo, especialmente os desenvolvidos, serão incapazes de sobreviver por conta própria. Não existe um “ciclo fechado” hoje.

Pergunta: O que estamos enfrentando agora?

Resposta: Bem, estamos sendo forçados. Estou pronto para qualquer coisa, exceto compartilhar e cooperar. O pior é depender dos outros!

Comentário: Entendi. Nosso intelecto é egoísta. Mas mesmo uma mente egoísta busca segurança. Ainda assim, sentimos a necessidade de comunicação e cooperação. Sabemos que o mundo está interconectado. Acho que todo mundo entende isso hoje. Todo o mundo!

Minha Resposta: Quem estará cooperando? Quem ouve quem? Reunir Chefes de Estado? Ninguém será capaz de concordar com ninguém em nada!

Pergunta: Então, faça um desenho do mundo futuro para nós, por favor. Quando chegaremos lá?

Resposta: Em algum momento chegaremos ao ponto em que as pessoas perceberão que os judeus são culpados por tudo. Isso é realmente assim. Não levamos o mundo à compreensão do mal e sua correção.

Não posso ficar calado, pois este é o problema mais doloroso e urgente. Você não pode substituí-lo por nada.

Pergunta: O que nós, os judeus, devemos fazer pelo mundo?

Resposta: Elevem-se acima de si mesmos e mostrem ao mundo um exemplo de unidade. “Acima de si mesmos” significa acima do nosso egoísmo que é maior que o de qualquer outra pessoa.

Veja como tratamos uns aos outros! É tão difícil estarmos juntos mesmo quando enfrentamos grande medo e pressão externa. Não podemos nos elevar porque a pressão externa, o ódio externo, nos pressiona.

Nós não ficamos juntos. Você não vê o que está acontecendo aqui em Israel? Nada pode nos ajudar. Não posso culpar o governo ou a educação local por isso.

Comentário: Em geral, você pode culpar o Criador por isso.

Minha Resposta: O Criador faz o trabalho Dele. Quanto a nós, devemos agir contra Ele.

Comentário: Em outras palavras, o Criador nos coloca uns contra os outros, cultiva cada vez mais nosso egoísmo, mas temos que agir contra Ele.

Minha Resposta: Isso mesmo! Mas não podemos.

Comentário: Mais cedo ou mais tarde, como você diz, a responsabilidade do nosso povo é mostrar ao mundo um exemplo de unidade.

Minha Resposta: Se não percebermos isso, não haverá “mais cedo ou mais tarde”. Vai continuar e continuar. Não há data definida. Isso não vai acontecer. Isso só ocorrerá quando os judeus realizarem sua missão.

Pergunta: O que os fará perceber isso?

Resposta: Não sei. Não consigo imaginar tal estado! Mas simplesmente não pode ser de outra forma!

O sofrimento está em constante crescimento. Talvez a realização de algumas coisas, mas ainda não por mais que escrevamos, por mais que falemos sobre isso.

Pergunta: Então, de uma forma ou de outra, isso também virá de cima, mas ninguém sabe quando?

Resposta: Não de cima. Tudo, certamente, vem de cima, mas nossa reação tem que vir de baixo. Nossa resposta normal ainda está faltando.

Comentário: Então, sua fórmula é simples: “Os judeus têm que dar um exemplo de unidade” e o mundo estará no caminho certo. Os Cabalistas sabiam disso, você percebe, mas apenas algumas pessoas no mundo entendem isso.

Minha Resposta: Sim.

Pergunta: Então, como você quer ser ouvido? Diga-me por favor como?! Como?

Resposta: Temos que começar a gritar para o Criador! Chorando ao Criador que as pessoas não nos ouvem. E Ele nos ajudará, quando tivermos um desejo realmente sério.

Mesmo na Alemanha, há 80 anos, eles ficaram até o último momento e não sentiram nenhum perigo. Nem sentem isso agora ou percebem que tantas coisas dependem disso.

Acho que chegará a um ponto em que o mundo começará a exigir. Temos que disseminar cada vez mais o conhecimento da Cabalá, a sabedoria da correção do mundo, para que as nações do mundo exijam dos judeus e os judeus se dirigirão ao Criador para o bem de toda a humanidade.

De KabTV, “Notícias com o Dr. Michael Laitman”, 18/11/21

Por Que A Demarcação Dos Judeus Está Ocorrendo?

559Pergunta: Jerusalém sempre foi considerada o coração de Israel e de todo o mundo em geral. Como aconteceu que Jerusalém hoje se tornou o centro do ódio entre o povo israelense? Os eventos mais negativos explodem ali: ódio entre religiosos e seculares, ódio aos movimentos religiosos entre si. Qual é a razão?

Resposta: Como os judeus são o grupo de pessoas que deixaram a antiga Babilônia com Abraão, que preferiam o desenvolvimento espiritual ao desenvolvimento material, ao longo de centenas de anos eles se desenvolveram espiritualmente, alcançaram a unidade com o Criador e estavam no nível do Templo. É quando uma pessoa se torna una com o Criador em seu coração e começa a sentir que existe eternamente.

Portanto, ao deixar o Egito (egoísmo), eles perceberam o chamado “para se tornar um homem com um coração”, ou seja, unir-se de forma a superar completamente todos os tipos de diferenças egoístas e repulsas mútuas.

Então eles alcançaram não apenas reaproximação mútua, mas também amor mútuo. Portanto, o Rabi Akiva, embora não tenha nascido judeu, foi o maior sábio na época da destruição do Segundo Templo, e exortou: “Não se esqueça de que amar o próximo como a si mesmo é nosso mandamento mais importante”.

No entanto, um ódio infundado irrompeu entre seus vinte e quatro mil discípulos. Eles caíram do nível espiritual e deixaram de sentir sua comunidade. E o mundo espiritual, o Criador, é sentido apenas em comunidade, em um único desejo integral. Portanto, depois de cair em um nível fragmentado egoísta, eles perderam o sentimento do Criador, o sentimento do mundo superior.

Desde então, o ódio mútuo, a repulsa mútua entre os judeus é muito maior do que entre o resto das nações do mundo. No entanto, do lado de fora, é percebido como assistência mútua dos judeus uns aos outros, mas apenas porque há um ódio mútuo de todas as nações em relação aos judeus, que os mantém juntos.

A ajuda mútua entre judeus se manifesta quando há um problema externo comum. Mas assim que desaparece, imediatamente há ódio mútuo e rejeição mútua. Isso é o que vemos em todos os lugares, e especialmente aqui em Israel.

Isso não é particularmente sentido no exterior porque não há nada para os judeus compartilharem; não há o bolo do estado, não há grandes pontos de contato uns com os outros. Os judeus vivem entre outras nações e, portanto, tudo se dilui. Eles precisam sentir que há alguém que possa ajudá-los, simpatizar, que espera por você e você conta com ele. Funciona lá.

Em Israel, onde não há tal motivo, surge um ódio terrível e mútuo, especialmente na parte religiosa, tanto que leva a manifestações muito desagradáveis.

A este respeito, uma pessoa religiosa hoje não difere de uma pessoa secular porque não persegue o objetivo de melhorar a si mesma. Uma pessoa não é criada sabendo que tem que amar outro indivíduo, ajudá-lo, cuidar dele, fundir-se com os outros em um todo e fundir-se com o mundo inteiro.

Religião não é Cabalá, não é correção humana. As pessoas construíram sua vida normal a partir disso. Ela as ensina o cumprimento mecânico dos mandamentos pelos quais supostamente receberão uma recompensa no próximo mundo. Ou seja, dirige-se puramente ao egoísmo humano.

Os crentes continuarão a se demonstrar como todos os outros, eles apenas o têm em uma sociedade fechada, velada. Portanto, quando de repente algo acontece, aparecem casos especiais que não podem ser escondidos. De fato, existem absolutamente os mesmos vícios que existem na parte não religiosa da sociedade.

Espero que tudo isso nos leve a lembrar do nosso principal mandamento “amar o próximo como a si mesmo”, que devemos ser uma luz para todas as nações do mundo.

Fomos favorecidos por Deus para dar o exemplo de união uns com os outros, como no Monte Sinai, e atrair o mundo inteiro para isso. Nesse caso, nos tornaremos verdadeiramente o elemento do mundo que devemos ser.

De KabTV, “Close-Up. Retorno”, 19/02/10

Genética E Predisposição Espiritual

560Pergunta:  Os judeus genéticos têm uma predisposição espiritual?

Resposta: Não, é apenas um grupo biológico de pessoas que existiu por muito tempo, criou famílias e se reproduziu. Portanto, existem alguns processos biológicos naturais nele.

Seus vários cruzamentos internos são de interesse para biólogos e geneticistas. Minha filha, doutora em biologia, está pesquisando esses processos. Esta é uma informação interessante que ajuda os cientistas a aprender mais sobre o desenvolvimento animal de nossos organismos e nada mais.

Não tem nada a ver com a alma, uma vez que não podemos investigar a alma por nenhum meio ou aparelho biológico.

De KabTV, “Close-Up — Returno”, 19/02/10

O Que Há De Especial Nos Judeus?

629.1Pergunta: Um indivíduo nascido em nosso mundo como judeu é especial?

Resposta: Sim, porque inicialmente ele tem uma conexão especial com sua alma. No estado animado (físico), ele está mais perto de sua alma do que alguém que não nasceu judeu.

Vivemos em nossos corpos e sentimos este mundo, mas nossas almas existem no mundo superior. Esses indivíduos que são chamadas de judeus estão muito mais próximos de suas almas, praticamente, na união de seus níveis animal e espiritual.

Portanto, eles estão mais predispostos a buscas espirituais, descobertas e desenvolvimento, a algo que está no auge das capacidades humanas e acima, mas apenas porque estão mais próximos de sua alma. Se a humanidade começar a se envolver no desenvolvimento da alma, todo o resto das pessoas subirá ao mesmo nível. Não há dúvidas sobre isso.

Pergunta: Esta é uma certa predisposição?

Resposta: O fato é que este grupo de pessoas esteve engajado no desenvolvimento da alma e espiritualidade por muitos milênios. Somente nos últimos dois mil anos houve uma lacuna profunda entre seu desenvolvimento espiritual e físico.

De KabTV, “Close-Up — Returno”, 19/02/10

A Predisposição Espiritual Dos Judeus

559Pergunta: Como podemos explicar o padrão de que, através dos tempos, foram os judeus que fizeram descobertas na ciência?

Resposta: Essa é uma consequência do fato de que os judeus têm uma predisposição espiritual para corrigir o mundo. Naturalmente, eles moveram todo o resto para a frente.

Ao realizar certas ações espirituais, eles se esforçaram para alcançar a equivalência com o Criador, para se elevar ao nível da força superior global em suas qualidades, para se corrigir e para conduzir toda a humanidade a isso.

Os judeus são um grupo que está fadado a fazer uma revolução espiritual muito séria. Em nossa época, isso está realmente começando a ser percebido. Quer queiramos ou não, deve acontecer, porque é inerente à matéria da natureza.

De KabTV, “Close-Up. Exílio”

Aqueles Que Nos Perturbaram Irão Nos Ajudar

294.2Se os judeus começarem a se unir, as nações do mundo o aceitarão com alegria, porque verão que, por meio dessa unificação, podem se aproximar da essência da criação. Com esse mesmo ponto, com aquele desejo do qual o antissemitismo agora está crescendo, eles sentirão que o movimento certo começou, porque começarão a receber uma iluminação sobre este Reshimo.

O antissemitismo é a deficiência nas nações do mundo, a necessidade de receber a luz por meio da unificação dos judeus. São os maiores antissemitas os primeiros a se juntar aos judeus. E já vimos essas mudanças dramáticas na história.

Extraído da Lição Diária de Cabalá 03/01/20, “A Escolha Judaica: Unidade ou Antissemitismo”, Capítulo 1

Aqueles Judeus De Novo

292Comentário: Dirigindo-se aos nossos telespectadores, e há dois milhões deles no Facebook, você disse que considera a humanidade como um todo e não a divide em nações de acordo com a cor da pele, e assim por diante.

Natalia escreve: “Lembro-me que em outro vídeo você cobriu os eventos que aconteceram em Israel, enquanto tentava explicar para nós, os ouvintes, quem é o povo de Israel, ou seja, o povo judeu. Também me lembro que você tentou nos explicar para que essas pessoas foram criadas. Deixe-me fazer uma pergunta: você mesmo não divide a humanidade em nações? Na minha opinião, você se contradiz. Talvez tenhamos entendido mal alguma coisa”.

Minha resposta: Sim, talvez você tenha entendido mal, talvez eu não tenha falado o suficiente.

Eu vou te contar. Toda a humanidade está dividida em 70 assim chamadas nações do mundo. Essas são 70 raízes espirituais que se refletem nas características e propriedades das pessoas. Há também um grupo que se separou na antiga Babilônia de todas essas 70 pequenas nações do mundo, algumas pessoas de cada nação, e eles se tornaram um grupo reunido entre si.

Abraão chamou de “Israel”. “Isra” é direto e “El” é o Criador. Significa “dirigido diretamente ao Criador”. Essas são as pessoas que vieram de todas as 70 nações do mundo que viviam na Babilônia naquela época, e se reuniram sob a liderança de Abraão porque ele os ensinou como revelar, como alcançar o Criador.

Desde então, tudo está dividido assim. É por isso que o mundo inteiro sente sua dependência deste grupo, que deve fazer contato entre as nações do mundo e o Criador, mas ainda não realizou isso. Quando eles alcançarem isso, essa implementação forçará todas as nações do mundo e o povo de Israel a se unirem, e em contato com o Criador, eles encontrarão seu estado perfeito eterno, o que é chamado de correção final. Isso é tudo.

Pergunta: Você está dizendo que há um grupo que deve ser o primeiro a realizar essa correção, unir-se uns aos outros e ao Criador, trazer esta mensagem ao mundo e conduzir o mundo a isso?

Resposta: Sim, é isso que quero dizer. Devemos apontar para isso. Espero que façamos isso.

Comentário: Quando ocorre a divisão em nações?

Minha Resposta: Isso tudo é apenas por causa do egoísmo, que aparece se não quisermos nos conectar uns com os outros. Em geral, como escreve o Baal HaSulam, a humanidade não tem divisões em preto, branco, amarelo ou vermelho, em raças e em nações. Ou seja, existe, mas essa não é uma divisão espiritual, são divisões egoístas.

Pergunta: O estado espiritual é um único todo, uma família? O povo de Israel deve ser o primeiro a levar a humanidade a isso?

Resposta: Sim. Eles são o coletivo de todas as nações do mundo. Eles se uniram naquela época, foi na antiga Babilônia 3.500 anos atrás. Essa ideia de unir e alcançar o Criador vem daí.

Pergunta: Essas pessoas naquela época foram atrás da ideia? Elas têm que implementá-la?

Resposta: Sim. É muito simples de implementar. É muito simples entender essa ideia. Elas devem se elevar acima de seu egoísmo, que divide a todos, e se unir acima de seu egoísmo na qualidade de “ame seu próximo como a si mesmo”. Nela você encontrará o Criador, porque o Criador é precisamente o centro do amor.

Pergunta: Isso significa que essa divisão entre o povo de Israel e as nações do mundo ainda existe para você?

Resposta: Com certeza! Você não vê até hoje o que está acontecendo no mundo?! Essa é uma divisão incrível que existe a todo momento, entre qualquer pessoa. Não há pessoa no mundo que não sinta isso.

Pergunta: Que existem nações no mundo e o povo de Israel?

Resposta: Sim, que existe algum grupo no mundo que é absolutamente estranho a esse mundo!

As nações do mundo não têm ideia do que fazer com esse grupo! Elas acreditam que isso os prejudica em tudo! O próprio povo de Israel não sabe o que fazer com isso. É assim que existem. O Criador não permite que elas tomem a última decisão final como Hitler queria. Ninguém será capaz de fazer isso.

Pergunta: Ou seja, essas pessoas não podem ser destruídas de forma alguma, elas devem cumprir sua missão. As nações do mundo e o povo de Israel devem entender isso?

Resposta: Sim.

Comentário: A pergunta começou com o fato de você ter dito que não há divisão para você.

Minha Resposta: No final, não há divisão para mim porque estou olhando mais longe, já estou olhando para a correção. Quando estou olhando para a correção, não há mais nenhuma nação do mundo ou Israel, todos já estão se conectando lá:Todos Me conhecerão, do menor ao maior” (Jeremias 31:33), e “Minha casa será chamada casa de oração para todos os povos” (Isaías 56: 7).

Pergunta: Isso significa que você está olhando para o estado final?

Resposta: Sim, ele deve se manifestar muito em breve.

Pergunta: É a maneira correta de ver imediatamente o estado final, o estado final no início da ação?

Resposta: Sim, na natureza tudo se destina não da maneira que temos, do início ao fim consecutivamente, precisamente da maneira que o fim da ação determina o início e todo o processo.

De KabTV, “Notícias com o Dr. Michael Laitman” 24/06/21

Por Que Os Judeus Adotaram A Cultura Grega?

284Pergunta: Como os judeus poderiam ter adotado a cultura grega primitiva?

Resposta: O fato é que os judeus voluntariamente adotaram os costumes de outros povos porque esses costumes eram claros para eles. Havia imagens em vez de algumas forças, leis e sinais invisíveis. Não havia proibições especiais: retrate qualquer coisa, comemore quando e com quem quer que seja, embriague-se, cometa adultério e nada lhe acontecerá por isso.

Os povos do mundo não tinham o que a Cabalá explica como inconsistência com as leis do Criador. Portanto, eles tomaram a aparência externa desse ensino dos judeus e fizeram suas religiões a partir dele.

Pergunta: Por que foi adotado pela elite e não pelas pessoas comuns?

Resposta: Quando os povos do mundo que estavam em contato com os judeus, adotaram e alteraram suas leis, isso foi inicialmente adequado para as elites, uma vez que não as restringia em quaisquer ações.

Elas podiam aproveitar a vida com segurança, enriquecer, beber, cometer adultério, em geral, fazer o que quisessem e, ao mesmo tempo, não assumir nenhuma restrição séria. Portanto, 2.000 anos atrás, todas essas distorções da Cabalá se espalharam quase que instantaneamente na forma de novas religiões modernas naquela época.

De KabTV, “Conversa sobre os Gregos”, 05/05/21