Textos com a Tag 'Criador'

Um Instrumento Para A Revelação Do Criador

laitman_934Pergunta: Se eu tento ver o Criador por trás de tudo, isso significa que estou em contato com Ele e que sou influenciado pela força superior?

Resposta: Significa que você está se esforçando em direção ao Criador, mas não que você O sinta. Seus pontos de vista podem estar errados. A única maneira de ver o Criador é através de um determinado instrumento, que você deve montar junto com os amigos. É a dezena, dez pessoas com quem você se conecta como um todo em seus desejos, intenções e pensamentos, a fim de alcançar o Criador.

Ao mesmo tempo, todas as dez pessoas devem anular totalmente seu egoísmo para serem um todo. Então, você começará a sentir o Criador no ponto central dessa conexão. É como se você criasse uma lente que reúna todos os dez raios, os concentre em seu centro e, em seguida, veja o Criador através do foco coletivo que você criou, e de nenhuma outra maneira.

Portanto, se você quer orar ao Criador, deve fazer isso na dezena. Se você quer sentir o Criador, deve estar voltado a Ele e ansiar por Ele na dezena. Tudo está dentro e através da dezena. O Criador não sente nada menos que a dezena. Dez pessoas que estão conectadas entre si pelo anseio pelo Criador são um instrumento através do qual você pode começar a revelar o Criador.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 01/12/19

O Papel Espiritual Das Mulheres, Parte 7

laitman_621Que O Criador Decida Tudo

Pergunta: Como as dificuldades das mulheres terrenas afetam o desenvolvimento e a aquisição da propriedade espiritual de doação? Por exemplo, a incapacidade de começar uma família, se casar, ter filhos etc. de alguma forma interfere nisso ou ajuda?

Resposta: Se algumas condições a impedem de iniciar uma família, e você acha que isso a leva à Cabalá e não se envolve em criar filhos e servir uma família, é claro que isso acontecerá.

Acredito que, com relação a isso, não precisamos construir nenhum plano, porque não conhecemos os planos do Criador. Devemos apenas ir em frente.

Há uma oportunidade de se casar, seguir em frente e se casar. Há uma oportunidade de se envolver na Cabalá, faça-o. Quando você é casada e tem uma família, dedique-se à família. Se, além disso, houver a oportunidade de também ouvir lições, continue estudando.

Mas não é preciso decidir: “É isso aí, não vou me casar, só vou lidar com a Cabalá”. Você não pode fazer assim. Permanecendo em nosso mundo animal, devemos confiar no Criador. Que Ele decida o que devemos ser.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 08/03/20

O Trabalho Do Intermediário Do Criador

laitman_962.1Pergunta: O Criador responde apenas à oração pelos outros?

Resposta: Sim. Como regra geral, Ele não responde uma oração para si mesmo, pois é uma oração egoísta.

Pergunta: E o que falta aos outros? Pelo que devo orar?

Resposta: Por tudo o que eles carecem.

Pergunta: Se eles não têm dinheiro ou saúde, posso orar por isso?

Resposta: Peça pelos outros. Mas é ainda melhor pedir que o Criador seja revelado a eles; ao fazer isso, você lhe trará prazer. Você é apenas um elemento intermediário que não quer nada para si, mas apenas para ser um intermediário.

Pergunta: E o que há para mim?

Resposta: Você é o mensageiro do Criador neste mundo. Este é um título ruim?

Pergunta: Eu não sei. Eu preciso tentar O que vou tirar disso?

Resposta: Nada! Apenas problemas, dores de cabeça e mágoa. Mas a recompensa será que você é o mensageiro do Criador. Embora isso não signifique que Ele o trate melhor.

Seu trabalho visa à doação ao Criador e ao mundo, e você está no meio, não tem nada a ganhar com isso nem deseja. Você se alegra em ser Seu intermediário, enquanto Ele nada sabe sobre você. Seu prazer vem da doação ao mundo inteiro e você não deixa nada para si.

Pergunta: Se nem o mundo nem o Criador sabem nada sobre isso, de onde vem a energia?

Resposta: Você pede energia a Ele para dar de todo o coração a ambos. Caso contrário, você não poderá fazer seu trabalho.

Pergunta: Segue-se que Ele sabe que eu sou um intermediário, pois Ele me dá a energia?

Resposta: Certamente, nada está escondido do Criador. Ele lhe dá energia sabendo que você é um intermediário. Mas você não sabe que Ele está levando você em consideração. Pelo contrário, todos os problemas do mundo são seus, como se você fosse culpado por tudo o que estava acontecendo ao seu redor, porque você não pediu a Ele para corrigir o mundo ou não fez o suficiente. Então você se considera culpado.

Pergunta: Então, se a pessoa sente que tem uma conexão especial com o Criador ou que o Criador tem um relacionamento especial com ela, não é assim?

Resposta: Essas são conexões especiais, relações especiais, quando você se sente culpado por tudo, se sente inútil e está convencido de que precisa servir a tudo e a todos. É assim que um Cabalista se sente.

Pergunta: Quem gostaria de se tornar um Cabalista se é assim que eles se sentem?

Resposta: A pessoa percebe que está no topo da escada da ascensão humana.

Pergunta: Você está dizendo que ela está experimentando esses dois estados simultaneamente. Por um lado, ela se sente inútil e, por outro, que está no topo de toda a humanidade devido ao fato de ser um mensageiro do Criador. E o Criador não sabe disso?

Resposta: O Criador não sabe nada sobre isso. A pessoa é um mensageiro em pequena medida, na medida em que pode canalizar a qualidade do Criador para toda a humanidade.

Mas a parte em que a humanidade ainda está sofrendo, ainda permanecendo em seu estado egoísta, ela sente a responsabilidade de disseminar o conhecimento das verdadeiras qualidades espirituais, embora elas sejam impossíveis de transmitir, mas de alguma maneira, em termos gerais.

Veja o que está escrito na Torá sobre Moisés, como ele sofreu por todos, que tipo de trabalho ele estava fazendo sem um minuto para descansar. Porque ele era um mensageiro do Criador. E ele morreu em um lugar sem nome no monte Nevo.

Comentário: Mas todos o respeitavam. Ele era o líder de toda a nação.

Resposta: A pergunta é que tipo de pessoas e o que significa ser o líder delas? Tudo tem que cair sob a égide da grandeza do Criador, sem outra recompensa.

Portanto, temos que pedir energia, força, para servir a humanidade e o Criador! É a mesma coisa. Essa mesma oração, vinda do coração, é aquela que o Criador responde.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 01/04/20

Através Da Equivalência De Propriedades

laitman_608.02Pergunta: O Criador ou a natureza, como a mesma coisa, constantemente nos influencia, principalmente através de problemas materiais. E se eu mesmo quiser me conectar com essa força, devo me tornar semelhante a ela de acordo com a lei da equivalência de propriedades?

Resposta: Naturalmente

Pergunta: Mas eu não consigo entender através desses problemas o que essa força quer de mim. Para isso, tenho que subir ao seu nível?

Resposta: É necessário superar esses problemas, até sua fonte.

Pergunta: Se eu me tornasse igual à propriedade do Criador em alguma porcentagem, a propriedade de doação, entenderei o projeto da natureza?

Resposta: Sim. Ao elevar-se acima dos seus desejos à fonte dos seus chamados problemas, você O compreende e começa a entender o significado de Suas ações.

Comentário: É interessante que, se falarmos da equivalência de propriedades no nível físico, partículas igualmente carregadas se repelem. Mas há outro exemplo: um receptor de rádio que capta ondas pela equivalência de propriedades. Acontece que quanto mais alto o nível da natureza, mais essa lei funciona como se fosse da maneira oposta. O Criador é a propriedade de doação, somos a propriedade de recepção. Acontece que eu posso me tornar como Ele somente através da transformação da intenção, enquanto a recepção em si permanece?

Minha Resposta: Você pode ser o oposto do Criador: Ele é o doador, você é o receptor. Mas se suas intenções coincidem, vocês estão juntos, embora sejam opostos nas ações.

Pergunta: Eu permaneço sempre oposto a Ele? Se Ele é positivo, eu sou negativo, também não me tornei positivo?

Resposta: Não. Você simplesmente executa a ação a pedido do Criador e, assim, torna-se igual a Ele, embora sua ação seja o oposto. Mas você faz isso porque deseja coincidir com Ele. A ação não é importante, o importante é o motivo, o que chamamos de intenção.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 10/06/20

Atingir O Criador Mais Rapidamente

laitman_628.2Pergunta: Se uma pessoa sabe que tudo vem do Criador e sente esse efeito como mau, como ela pode equilibrar esses estados?

Resposta: Isso está correto. É muito bom quando uma pessoa se sente mal em sua vida e, ao mesmo tempo, pode dizer que “Não há outro além Dele”, o que significa que ela provém do Criador. O que ela deveria fazer? Ela precisa mudar a si mesma para começar a se sentir bem em vez de mal, e isso é possível.

O Criador não se esconde dele. Ele não brinca com uma pessoa, mas é apenas bom para ela. De fato, Ele organiza estados diferentes para uma pessoa que possibilitam sentir o Criador em estados bons e ruins.

É possível alcançar a revelação Dele muito mais rapidamente a partir dos estados maus do que dos bons. Nosso egoísmo nos empurra para a frente.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 01/12/19

Dois Tipos De Atitudes Em Relação Ao Criador

Laitman_177.13Existem leis absolutas para alcançar o Criador e elas nunca mudam de uma pessoa para outra. Qualquer pessoa que queira alcançar o Criador a partir de nosso estado terreno, precisa executar ações precisas e construir certos atributos internos, e assim começará a revelar o Criador através dos 125 níveis de realização dos mundos.

Ninguém neste mundo é capaz de mudar esse quadro, essa sequência, as condições ou essas regras que existem ao longo da história. Eles sempre serão os mesmos para todos. Nossos sentimentos são subjetivos, mas a obtenção de sentimentos é absolutamente a mesma e objetiva e decorre da resistência geral entre a luz e o vaso (desejo).

A criação é chamada de desejo e o desejo é novo a cada vez e muda sob nossa influência e a influência do Criador de cima. Aqui precisamos distinguir entre dois tipos de atitudes em relação ao Criador. Por um lado, é uma atitude em relação ao próprio Criador e, por outro, é uma atitude em relação ao que deriva Dele. Não podemos dizer nada sobre a atitude em relação ao Criador, exceto pelo fato de que Ele é a fonte e nada mais do que isso.

A fonte do que? Dos bons ou dos maus?
Eu não sei.
Mas você se sente bem agora?
Sim, me sinto bem.
E você pode se sentir mal?
Sim eu posso.
Então, isso significa que a fonte muda?

Os Cabalistas nos dizem que a fonte não muda. A doação absoluta desce dela constantemente, que é o que chamamos de luz superior. Mas você está em suas qualidades em um certo estado em relação a essa influência da doação do Criador, e assim cada vez você sente os impactos Dele de maneira diferente.

Em princípio, falamos sobre nossos estados e não sobre o estado do Criador. Portanto, uma pessoa precisa entender que, quando diz que o Criador é bom ou mau e que Ele me afeta de uma maneira ou de outra, não é que o Criador mude, mas que a própria pessoa muda, mas parece-nos que é o Criador que muda.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 08/12/19

Em Um Desejo Com O Criador

laitman_939.02Observação: Um dos princípios Cabalísticos do trabalho em grupo é exaltar a meta. Nosso objetivo é chegar ao Criador; o Criador é a propriedade de doação e começamos a brincar com essa propriedade. Surge o problema: “Por que devo brincar com tudo isso? Quero sentimentos reais, não simulados”.

Meu Comentário: Faça isso! Por favor, tudo é possível! Mas vocês não estão em um verdadeiro estado de doação entre si.

Você nem pode imaginar o que significa quando todos os pensamentos e desejos egoístas se dissolvem completamente. Tudo está exposto e apenas nossa parte interior permanece. Isto é, todos os nossos desejos, com a ajuda da luz, são combinados em um único desejo com o Criador.

Ainda não amadurecemos, ainda temos que fazer algum tipo de movimento, chamado de jogo. Cada pessoa deve agir mecânica ou artificialmente, para explicar a si e a seus amigos como devemos estar conectados para que o Criador apareça entre nós.

Se jogarmos corretamente, descobriremos a presença do Criador entre nós, pois esse é o jogo. Além disso, a presença do Criador será cada vez mais óbvia e começaremos a entender como devemos jogar. Ele vai nos liderar.

Ele estará se escondendo e se revelando. Começaremos a trabalhar juntos com Ele em nossa conexão mais próxima e eficaz, para que Ele se manifeste claramente entre nós.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 25/03/19

O Que Podemos Dar Ao Criador?

laitman_938.01Pergunta: O que um homem pode dar ao Criador por meio de seus amigos?

Resposta: Primeiro, todos os amigos devem concordar com ele nessa ação de se render ao Criador.

Isso consiste no fato de que eles se conectam e se transformam em um vaso onde sentem o Criador, onde Ele pode ser vestido.

Nós nos transformamos em Nukva, a propriedade feminina, em relação ao Criador, que é a propriedade masculina, e queremos que o Criador se vista em nós, nos preencha e nos domine. Estamos prontos para nos render ao poder da doação.

Da 1a parte da Lição Diária de Cabalá 18/05/20, Escritos do Rabash, “A Agenda da Assembléia – 2”

Vírus Em Vez Do Criador

laitman_961.2O mundo está gradualmente assumindo uma nova forma. O coronavírus que se espalha pelo mundo é o resultado de não acompanharmos os tempos. Estamos na última geração, ou seja, a primeira geração, que deve sofrer uma correção e aumentar o grau de doação.

O grau de doação é chamado de fé acima da razão, isto é, a doação está acima da recepção. Portanto, precisamos ver até que ponto atendemos a esse requisito.

A natureza requer maior unidade e conexão entre nós, maior proximidade, entendimento e sensação de toda a realidade como um sistema integral, onde os níveis inanimado, vegetativo e animado da natureza e das pessoas existem em uma única harmonia.

Mas não nos preocupamos com o que acontecerá com o mundo inanimado, vegetal e animal e com o ambiente em que vivemos. Isso significa que não estamos nos tornando semelhantes à forma integral em que todas as quatro formas da natureza existem em uma única simbiose.

O mecanismo interno da realidade continua a funcionar e gradualmente nos move em direção à conexão suprema entre si. Mas não estamos nos movendo nessa velocidade e, portanto, repetidamente sentimos a reação negativa da natureza em todas as formas. Podem ser vírus, isto é, uma reação no nível animado ou uma reação nos níveis vegetativo e inanimado.

É uma pena que a humanidade ainda não entenda como avançar em direção a uma forma integral, onde todas as partes da natureza estão conectadas e todos os quatro níveis se juntam gradualmente como um sistema único no qual o Criador pode ser revelado como a força comum de correção agindo em nós.

Devemos fornecer a Ele um lugar para ser revelado. Quanto mais nos unirmos, mais cedo veremos que, como resultado da rede de conexões que construímos, o Criador vem e Se revela.

Enquanto o Criador está oculto, pedimos que Ele una todas as partes da natureza – inanimada, vegetativa, animada e humana – na forma correta e integral. Mesmo realizando parcialmente essa unificação, já sentimos como o Criador se revela dentro dessa natureza. Afinal, o Criador é o poder da unidade e do amor, e quanto mais nos movemos em direção à unidade, mais podemos revelar o Criador.

Enquanto isso, ao invés do Criador, encontramos o vírus. Este é um sinal de que a humanidade está se desenvolvendo incorretamente. O Criador desperta o desejo de conhecê-Lo, entender e revelá-Lo em nós. Mas revelar o Criador como o poder da unidade e doação só é possível na medida em que conectamos todas as partes quebradas em um sistema, a fim de descobrir nossa conexão mútua e ver o poder da devoção e do amor entre nós.

Não há saída: precisamos levar o mundo inteiro a uma forma unificada e compreender o princípio do “ame ao próximo como a si mesmo” – a lei principal de todo o universo, ligada por todas as suas partículas. Como resultado dessa unidade, revelaremos o poder do amor e da conexão, isto é, o Criador. Se não promulgamos isso na velocidade certa, por causa de nossa preguiça e atraso, abrimos entre nós um coronavírus, em vez de amor.

O vírus nos afasta um do outro, mostrando nossa deficiência e falta de vontade de nos aproximar. Com esse golpe, ele nos cura e nos diz o que fazer. O vírus nos custa muito dinheiro e sofrimento e até às vezes mata, mas ainda nos leva à correção. Vamos esperar que não apenas soframos com o vírus, mas que compreendamos como ele nos ajuda, mostrando-nos onde investir nossas forças, como obter conexão e como juntar a unidade interna e a externa para trazê-las ao equilíbrio.

O coronavírus diz: “Vocês não podem se conectar e se aproximar fisicamente se não houver uma conexão interna entre vocês”. Em breve iremos entender, descobrir e sentir isso. Não pode haver diferença entre o mundo material e o espiritual – tudo isso é um sistema integral. Não há diferença entre este mundo e o mundo futuro. Portanto, em todas as relações entre nós, devemos discernir o mesmo grau de distância que o coronavírus exige de nós e, portanto, responder corrigindo nossas relações. Se nos aproximarmos internamente, poderemos nos aproximar da mesma extensão externamente.

O coronavírus cura e explica onde está a nossa ruptura e que precisamos ser amigáveis ​​e internamente fechados. Então o mundo exterior também será corrigido e se tornará bom. O vírus exige que subamos acima da força de recepção, o egoísmo, para a força de doação, o que significa elevar-nos à fé acima da razão, para que o poder de doação se torne mais alto que o poder de recepção. Assim, adquirimos a natureza do Criador e nos fundimos com Ele. No final da correção, tudo se elevará à fé acima da razão, à doação mútua e será unido em um sistema.

Não haverá exceção, nem uma única pessoa deixará de sentir qual é a natureza do Criador, a natureza de doação e fé.

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 29/04/20, “Sobre Acima da Razão”

Centelhas De Aspiração Ao Criador

laitman_942Pergunta: Você diz que existe um ódio natural dos povos do mundo pelos judeus, os portadores do método de unificação.

Agora, se qualquer pessoa das nações do mundo se juntar a esse grupo de pessoas, ela automaticamente começará a ser odiada também?

Resposta: Não. Hoje, tudo é tão diluído que ninguém percebe, vê ou sabe.

Este é um estado completamente novo que estamos apenas introduzindo no mundo. Mas gradualmente, as pessoas começarão a sentir que algo está errado com essas pessoas. Americanos, britânicos, europeus, russos, não importa quem, olharão para essa pessoa e dirão: “Algo está errado com você”. Eles verão nela uma centelha de algo judeu.

Pergunta: Você quer dizer que isso se manifestará nas pessoas das dez tribos perdidas?

Resposta: Não necessariamente. Em qualquer pessoa dos povos do mundo, um ponto no coração, que está em todos, pode aparecer. Um ponto no coração é uma aspiração pela unidade do mundo, por sua força única, isto é, pelo Criador. Despertando, ele começa a incomodar a pessoa. Ela quer entender como o mundo existe, onde está essa unidade, etc. É essa centelha que faz dela um judeu.

De KabTV, “Análise Sistemática do Desenvolvimento do Povo de Israel”, 22/07/19