Textos na Categoria 'Sociedade do Futuro'

O Homem Do Futuro

laitman_214Pergunta: Com que critérios a sociedade avaliará uma pessoa no futuro? De acordo com sua riqueza, sua aparência ou seu status?

Resposta: Eu não acho que as pessoas se relacionarão com a aparência física no futuro, nem mesmo os homens. Isso irá gradualmente desaparecer da nossa percepção e vai incluir apenas os atributos internos de uma pessoa e seu correto equilíbrio interno.

O comportamento e o caráter de uma pessoa serão o resultado do seu estado interno, não só porque ela vai começar a se relacionar com tudo corretamente, mas também irá aspirar a trazer o mundo inteiro à linha do meio.

Da Lição de Cabalá em Russo 03/07/16

Para onde O Programa de Desenvolvimento Nos Conduz? Parte 3

Pergunta: Como a conexão no círculo afetará os sentimentos das pessoas e lhes trará felicidade e satisfação?

Resposta: Na conexão entre si, as pessoas sentirão a vida em um nível superior, acima de todo este mundo, como está escrito: “Você verá seu mundo nesta vida”.

Enquanto vivemos no corpo físico, neste mundo, atingimos uma sensação de uma nova realidade e imediatamente começamos a sentir um novo nível, acima de nosso corpo, acima dele. Assim, transitamos das sensações deste mundo para a sensação do mundo superior.

Eventualmente nosso corpo cumpre o seu propósito e morre, como qualquer outro animal, todavia o ser humano dentro de nós já alcança a vida espiritual. Esse é o objetivo da sabedoria da Cabalá, onde uma pessoa não pode vir por si mesma. Precisamos obter este método do alto, a partir do próximo nível.

Pergunta: Se, eventualmente, é necessário chegar a uma vida espiritual, por que temos que caminhar por um longo processo de desenvolvimento neste mundo, em corpos físicos?

Resposta: Temos que atingir um nível espiritual por nós mesmos. Se tivéssemos de desenvolver em direção a ele, naturalmente, de forma intuitiva, como o vegetal, do inanimado, ou o animal, do vegetativo, teríamos permanecido dentro da natureza. O homem recebe uma possibilidade de ir contra a sua natureza e construir algo que a contradiz.

Toda a natureza é egoísta, onde cada um só existe por sua causa. Queremos revelar uma nova forma de existência, em oposição à nossa natureza anterior. Esta é a chamada espiritualidade e é a forma do homem “Adam”, como ele é semelhante a (Domé), a força superior da natureza, que é pura doação e amor.

Pergunta: Qual é a relação entre a realidade que sentimos agora o estado espiritual que deve vestir-nos? Será que continuaremos a viver uma vida normal neste mundo? [Leia mais →]

Nova Vida # 522 – De Uma Nova Sociedade Para Uma Nova Família

Nova Vida # 522 – De Uma Nova Sociedade Para Uma Nova Família
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Yael Leshed-Harel

Nas últimas décadas, nós já passamos por uma mudança dramática. Surtos, lutas e conflitos familiares tornaram-se comuns.

Resumo

A solução para os problemas na família será encontrada somente quando soubermos para onde a natureza está nos levando, o que é a lei da equivalência de forma, e equalizarmos nossa forma com Ele. Todos nós devemos nos tornar uma grande família. Quando nós construirmos uma nova sociedade, as famílias vão se dar bem, haverá amor, consideração e reciprocidade; tudo o que quisermos que esteja na família temos que criar na sociedade por nós mesmos.

Na sociedade que estamos construindo, cada pessoa vai começar o dia com 15 minutos vendo algo sobre relações interpessoais corrigidas. Depois disso, no trabalho, o dia começará com um workshop de conexão sobre as relações corretas entre as pessoas.

No final do dia, vamos passar para um workshop que vai nos preparar para voltar para casa e como agir com calma e se relacionar com os membros da família em casa. Processos sociais de educação em todo o país como estes nos trarão a sensação de uma vida maravilhosa; vamos estar nas nuvens. Isso vai curar nossas conexões com os membros da família e colegas de trabalho e também vai comprar segurança para nós.

A direção é: cada um deve ver como ele transcende seu egoísmo para uma vida mais elevada. De modo que cada um terá forças para se relacionar bem com a família em casa, é necessário apoio social. Esse estado futuro será chamado de outro mundo, um mundo corrigido onde a força de amor e doação irá prevalecer entre nós.

Sem um processo nacional de educação social, nenhuma família terá sucesso em se contentar apenas com o crescente egoísmo. O ego crescente fará com que cada membro da família se encerre em seu próprio canto, sem qualquer conexão com os outros. Vale a pena a realização de um workshop familiar: vamos falar sobre o que é uma boa família, o que nos permitirá fazer concessões, e assim por diante ….

Somente a educação do povo trará a educação da família. A direção é: todos nós somos amigos; todos somos uma família.

De KabTV “Nova Vida # 522 – Em Homenagem ao Dia da Família – De Uma Nova Sociedade Para Uma Nova Família”, 15/02/15

Por que A Culpa É Nossa?

Dr. Michael LaitmanPergunta: Não basta o mundo inteiro nos culpar, os israelenses, por tudo o que está acontecendo em Israel, e até mesmo a sabedoria da Cabalá dizer que os judeus são os culpados por tudo. Eu gostaria de entender do que exatamente nos culpam? Você diz que estamos divididos, mas eu estou familiarizado com muitas pessoas boas que são amigáveis ​​e se ajudam.

Resposta: Você está totalmente certo, do seu ponto de vista externo do mundo. Mas se formos mais fundo no sistema que conecta toda a humanidade e gerencia toda a natureza, ficará claro que os judeus são aquela parte através da qual a força geral da natureza influencia e age sobre tudo o resto. Portanto, se os judeus não se comportam corretamente, todo o resto sofre. Imagine-se uma nação pequena, um pequeno grupo, que não se une bem ou de forma correta entre si. Assim, todas as influências que passam por eles para a humanidade ocorrem de forma negativa e levam à separação, oposição e hostilidade mútua.

A sabedoria da Cabalá explica essas leis, abre os nossos olhos, e nos permite penetrar no sistema e ver a causa. Do ponto de vista da sua lógica comum, você está certo. Mas se olharmos mais internamente, encontramos justificativa para tudo que é dito nas fontes Cabalísticas.

Eu me identifico com isso como um cientista. Minha primeira profissão foi em biocibernética, a segundo foi em filosofia geral e na sabedoria da Cabalá. Além disso, eu tenho um doutorado em ontologia, a ciência da estrutura geral do universo. Quando você estudar todas estas ciências, começará a ver como tudo é organizado de tal forma que todo o poder de doação para o mundo inteiro se move através de um grupo chamado povo de Israel.

Este grupo determina tudo: tanto quanto ele estiver conectado, o mundo inteiro estará também conectado. Se os judeus estiverem divididos e até mesmo se odiarem, então o mundo inteiro também vai ser assim. O mundo acusa com justiça os judeus, porque eles sentem instintivamente que tudo depende de nós. O antissemitismo e a atitude negativa dos povos do mundo em relação a Israel indicam que eles se sentem dependentes do povo de Israel. Eu entendo que isso esteja insultando a você para ouvir que eles estão culpando você por tudo; eu também costumava pensar como você. Mas não sejamos míopes! O estudo da natureza nos obriga a concordar com tudo o que está escrito nas fontes Cabalísticas, a parte interna da Torá.

Pergunta: Você quer dizer que nós temos que começar a viver em comunas? Você está falando sobre uma unidade como essa?

Resposta: Não, nós não estamos falando sobre a criação de comunas. Nós só precisamos estudar a sabedoria da Cabalá e começar a olhar o mundo com olhos diferentes, ver o sistema interno que gerencia toda a humanidade. Então sua visão muda e você entende o quanto tudo depende de você.

Do Programa da Rádio Israelense 103FM, 18/10/15

Da Crise Ao Nascimento

Dr. Michael LaitmanNas Notícias (To The Death Media): Está finalmente chegando a hora da verdade para os principais bancos centrais em todo o mundo, porque no dia 10 de outubro o grupo G30 de impressoras de dinheiro globais admitiu num relatório detalhado que as dezenas de trilhões de dólares, euros, ienes e outras moedas que eles têm infundido no sistema não têm feito absolutamente nada para as economias locais. Em vez disso, tem feito o que os economistas disseram que iria acontecer desde o início alternativa …

“Criar bolhas de ativos, dívidas impagáveis, e garantir que não haveria um crescimento sustentável. …

“Os bancos centrais nunca tiveram o objetivo principal de proteger uma economia, ou regular criteriosamente a oferta de dinheiro de uma nação. Em vez disso, seu propósito, voltando para suas criações ao longo dos últimos 400 anos, tem sido o de proteger os bancos privados e através da ferramenta de inflação, roubar a riqueza de um determinado país e, em seguida, passar para novos campos que estão intocados por seus instintos de gafanhotos. E com os EUA, Europa, Japão e outros estando no precipício da quase insolvência completa, os sociopatas dentro dos bancos centrais mundiais estão tentando seu melhor para desviar seus fracassos para outra pessoa, e agem como se os resultados que o mundo está enfrentando não fosse culpa deles “.

Meu Comentário: É maravilhoso descobrir que o mundo egoísta está em colapso e um mundo altruísta está nascendo. Ainda mais maravilhoso é a ajuda que está tornando o seu parto mais fácil através da unidade daqueles que querem nascer juntos dentro de um único corpo novo, desejo.

A Crise Mundial

 Dr. Michael LaitmanNas Notícias (radonezh.ru): “O mundo está numa situação difícil, os problemas estão em toda parte e a situação é cada vez mais grave. Quem está gerindo a Terra está fazendo truques astutos conosco para continuar a nos manter em cativeiro. É muito tarde para discutir o problema do desenvolvimento da estabilidade durante a realização de uma guerra. O mundo precisa de um novo consenso.

“Nós estamos vivendo num mundo frágil, que está se desenvolvendo rapidamente, com a estabilidade diminuindo, com isso tornando-se a nova norma de nossas vidas. A globalização parou de fornecer os seus dividendos. Os Estados Unidos estão se juntando com 40 nações e negociando um tratado de livre comércio transatlântico com a União Europeia. A Rússia está fazendo sua própria união com o leste europeu. A China também está interessada nela, e esses blocos vão competir. Não há nada de bom para o indivíduo. O mundo está à beira da destruição do paradigma econômico básico do desenvolvimento. Na história da Europa houve dois casos como esses nos últimos 2.000 anos. Estas são a destruição entre os séculos IX e XI, quando o modelo antigo econômico foi substituído por um modelo feudal, e entre os séculos XVI e XVII, quando o modelo feudal foi substituído pelo modelo capitalista. Hoje, o mecanismo de desenvolvimento capitalista está saindo. Mas, como acontece todas as vezes, isso vai continuar por alguns séculos e trazer graves desastres. O pico da crise será no meio de 2016, com a possibilidade do colapso do sistema financeiro”.

Meu Comentário: O colapso da sociedade existente, com todas as suas conexões e formas egoístas, deve acontecer, e quanto mais cedo isso acontecer, melhor será para todos nós. Porque, nesse caso, o colapso será mais suave. Os sistemas existentes são baseados na natureza egoísta da humanidade, e deve ser entendido que ela esteja completamente quebrada.

Nós mesmos devemos querer mudar nossa natureza, porque esse é precisamente o lugar de cada um contra todos, forçando todo mundo a construir a sua própria felicidade nas desgraças de outra pessoa, causando uma colisão entre nações e continentes inteiros. A sabedoria da Cabalá nos ensina como se mover para o novo mundo de forma rápida e alegre, para o bem de todos.

Uma Muralha

Dr. Michael LaitmanComentário: Eu não entendo o que posso fazer agora, pessoalmente, para parar o terrorismo.

Resposta: Nós precisamos vir e estudar. Não é possível explicar toda a sabedoria da Cabalá em poucas palavras. Mas a sabedoria da Cabalá fala apenas sobre a execução da lei geral e essencial da natureza chamada, “E amarás o teu amigo como a ti mesmo” (Levítico 19:18). Em outras palavras, ela explica que todas as partes da natureza estão conectadas entre si através de relações boas e finas que se complementam e que é especificamente o povo de Israel o responsável ​​por essa conexão.

Pergunta: Suponha que eu comece a estudar hoje, será que os ataques em Israel continuarão e as pessoas continuarão a ser mortas?

Resposta: Nós não temos outros meios para parar os ataques senão aprender a amar os outros. Nada mais vai nos ajudar e a situação só vai ficar mais grave. Eles não vão sequer nos deixar se opor ao terrorismo, uma vez que o mundo inteiro vai estar contra nós.

Da próxima vez, essa onda de terrorismo vai ser muito pior. Eu não quero assustá-lo, mas você precisa entender que a situação não vai mudar para melhor. Não há razão para esperar que os líderes de várias nações mudem e que a nossa situação melhore. Isso não vai ajudar, porque tudo depende apenas de nós, como está escrito: “Os corações dos príncipes e reis estão nas mãos do Criador” (Provérbios 21:1). Assim, devemos examinar como nós, ou seja, você e eu, podemos gerir o mundo.

Comentário: É interessante que, ano após ano, surjam novos políticos prometendo resolver esse problema através de métodos diferentes. Mas, no final, na melhor das circunstâncias, tudo permanece como era, e na maioria das vezes, só fica pior. Mas você está dizendo que só estudando a sabedoria da Cabalá, ou seja, o método de conexão e unidade, pode ajudar.

Resposta: É assim que obrigamos todo o resto dos povos do mundo a se relacionar bem com o povo de Israel. Isso vai influenciar os nossos vizinhos, sem explicações e negociações, e isso vai apaziguar o clima em cada aldeia árabe ou em Afula, Nazaré, Jaffa e Jerusalém.

Se quisermos que eles se acalmem e ainda mais do que isso, tornem-se nossos ajudantes e amigos, nós podemos fazê-lo: nós só precisamos começar a estudar a sabedoria da Cabalá.

No livro, Shem MiShmuel, do Rabino Shmuel Bornstein de Sochatchov, está escrito que “se Israel retornar à unidade, as forças hostis não terão como prejudicá-los, pois quando eles se tornam um povo com um coração, são como uma muralha diante de todas as forças do mal”.

E isso não é apenas a força da unidade egoísta, que vemos nesse mundo, como na máfia. Essa unidade nos torna como a força superior da natureza, e assim ganhamos a capacidade de influenciar o mundo inteiro.

Assim, nós podemos garantir que todos se unam e conectem. Ao atingir a unidade entre todos os judeus, sem quaisquer palavras, entramos na ordem natural que também obriga todos a se unir.

Baal HaSulam escreve que o povo de Israel foi criado como um elo, e na medida em que se corrige, transfere seu poder a todos os outros povos do mundo, sem uma palavra. É o suficiente para nós nos unirmos, a fim de influenciar o mundo inteiro de uma boa forma. E nós recebemos uma resposta negativa do mundo quando o nosso povo permanece separado e não se une.

Do Programa da Rádio Israelense 103FM, 11/10/15

Como Podemos Mudar A Situação Em Israel: Guerra de Guerrilha

Comentário: Ao longo da história do povo judeu, tem havido contínuas guerras, ataques terroristas, etc.. Esses eventos não se complementam e acumulam, mas estão constantemente em movimento em diferentes direções. A operação Margem de Proteção não terminou há muito tempo e, de repente, somos confrontados com ataques terroristas individuais, o que é um problema muito mais grave. Você não sabe para onde correr, porque eles vêm inesperadamente.

Resposta: Estamos enfrentando o que é muitas vezes chamado a guerra de guerrilha, que é muito pior do que a guerra normal, porque você é mais fraco contra ela. Você não pode lutar contra ela com um exército regular e os policiais também são impotentes. Embora eles tentem estar em toda parte, é impossível prever onde um indivíduo terrorista vai aparecer com uma faca, um martelo, um machado, ou pedras no bolso.

O principal objetivo dos terroristas é espalhar o medo e, portanto, afirmar o poder sobre nós. Esta é uma ideologia claramente verificada que inclui uma preparação cuidadosa de jovens, que podem ser facilmente atraídos para uma armadilha ideológica e rapidamente enviados para realizar a sua missão. Ainda mais, estes não são indivíduos anarquistas individuais, mas os jovens que realizam o plano do ISIS. [Leia mais →]

Os Valores Ocidentais Estão Perdendo Sua Influência No Mundo

Dr. Michael LaitmanOpinião (Steven Erlanger, NY Times): “O Ocidente está subitamente repleto de insegurança.

“Séculos de superioridade e influência global parecem ter chagdo a um novo pico com o colapso da União Soviética, na medida em que países, valores e a civilização Ocidental parecem ter vencido a escura e difícil batalha contra o comunismo.

“Essa vitória parecia especialmente doce após a virada da China rumo ao capitalismo, que muitos pensavam que pressagiava uma evolução lenta às demandas da classe média para os direitos individuais e justiça transparente – em direção a uma forma de democracia. Mas será que o abraço dos valores Ocidentais é inevitável? Os valores Ocidentais, essencialmente os Judaico-Cristãos, são verdadeiramente universais?

“A história da última década é um antídoto para tal pensamento fácil. A ascensão do capitalismo autoritário tem sido um duro golpe para pressuposisões, que se tornaram populares por Francis Fukuyama, de que a democracia liberal provou ser o sistema político mais confiável e duradouro.

“Com o colapso do comunismo, ‘o que podemos estar testemunhando’, escreveu o Mr. Fukuyama esperançosamente em 1989, ‘é o ponto final da evolução ideológica da humanidade e a universalização da democracia liberal Ocidental como forma final de governo humano’.

“Mas combinando o endurecimento do autoritarismo chinês com a volta da Rússia ao revanchismo e a ditadura, e depois adicionando o surgimento do Islã radical, e a grande vitória do liberalismo Ocidental pode parecer oca, seus valores estão sob a ameaça até mesmo dentro de suas próprias sociedades.

“A recente enxurrada de migrantes e pedintes de asilo Sírios foram recebidos em grande parte da Europa, especialmente na Alemanha e Áustria. Mas isso também estimulou a crítica de países Europeus menos prósperos, uma folga da extrema-direita e novas preocupações com a influência crescente do Islã e radicais islâmicos na Europa. …

“‘O ano de 1989 foi percebido como a vitória do universalismo, o fim da história, mas para todas as outras pessoas no mundo não era um mundo pós-Guerra Fria, mas um pós-colonial’, disse Ivan Krastev, diretor do Centro para Estratégias Liberais em Sófia, Bulgária, e colaborador do The Times.

“Parecia a muitos na Ásia e na África ser o fim da supremacia ideológica Ocidental, dado que o liberalismo e o comunismo são duas criações ocidentais com ambições universais.”

Meu Comentário: Agora é impossível parar o fluxo de imigrantes para a UE. Os novos valores não são nem Europeus nem Americanos, mas acima deste mundo, e eles vão nascer para um mundo novo.

Emigrando Em Nome De Alá

Dr. Michael LaitmanNas Notícias (newscom.md): “Falando na Mesquita de Al Aqsa, em Jerusalém, Ayed, disse que os países europeus lançaram o ‘tapete vermelho’ para os imigrantes muçulmanos, não porque eles foram compassivos, mas porque a Europa precisa desesperadamente de novas fontes de trabalho. …

“Hoje vivemos em tempos que permitem ver a guerra mundial numa escala inimaginável, com todos os líderes mundiais sendo como morcegos cegos, indefesos e impotentes, e sem estar dispostos a parar a loucura. Qualquer idiota pode ver a próxima invasão muçulmana. Toda situação estranha com os imigrantes muçulmanos – uma tática de guerra! …

“Em breve, nós destruiremos tudo sob os nossos pés em nome de Alá. …

“Vamos ter filhos com eles, porque temos que conquistar suas terras! …

“Ayed disse que ‘quer você goste ou não’, americanos, italianos, alemães e franceses terão que aceitar os “refugiados”. …

“A Europa está enfrentando um desastre demográfico porque seus cidadãos não têm mais filhos. …

“‘Emigrar em prol de Alá significa invadir novas terras a fim de difundir o Islã lá. E no Islã isso é considerado um ato muito digno’”.

Meu Comentário: Tudo está acontecendo exatamente como está escrito na Torá sobre o fim dos dias (a correção do mundo). O Islã vai conquistar o mundo e todo mundo vai se voltar contra Israel. O método de correção do mundo será revelado a fim de elevar o mundo ao nível da unidade mútua e da revelação do Criador.