Textos na Categoria 'Quora'

“Qual É O Conselho De Vida Mais Simples Que Você Pode Me Dar?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: Qual É O Conselho De Vida Mais Simples Que Você Pode Me Dar?

O primeiro e mais simples conselho são as regras bem conhecidas: “O que você odeia, não faça ao seu amigo” e “Ame o seu próximo como a si mesmo”.

Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.

“O Que Um Jovem Adulto Deve Ler, Ver Ou Experimentar Para Despertar Um Forte Desejo E Conhecimento De Se Tornar Um Transformador Do Mundo?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: O Que Um Jovem Adulto Deve Ler, Ver Ou Experimentar Para Despertar Um Forte Desejo E Conhecimento De Se Tornar Um Transformador Do Mundo?

Não importa o quão egoístas sejamos, contemos várias forças altruístas. Podemos desenvolver essas forças altruístas por meio de uma influência dirigida especial de cultura, educação, ciência e criação. Essa é a essência do que devemos priorizar como sociedade.

Cada um de nós deve receber uma explicação sobre o fato de que a sociedade humana é integral e unificada. Precisamos existir em unidade, em amor mútuo de acordo com o princípio, “Ame o seu próximo como a si mesmo”.

É aqui que devemos orientar a nossa literatura, cinema e meios de informação de massa. É o que devemos discutir na sociedade e devemos priorizar essas influências para que se tornem de extrema importância para nós. Ao fazer isso, cada um de nós será valorizado apenas por nossa contribuição para a sociedade.

Então, a geração jovem definitivamente ficará permeada por ouvir e ver exemplos maravilhosos de contribuições positivas para a sociedade de todas as direções. Afinal, somos obrigados pela influência social, e é por isso que nos obrigamos a cuidar da sociedade. Como resultado, nossa atitude um para com o outro se tornará altruísta e alcançaremos o equilíbrio com a lei geral da natureza, a lei de amor e doação, e subiremos acima da vida materialista para a vida espiritual.

Baseado em Q&A com o Cabalista Dr. Michael Laitman em 9 de setembro de 2006. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.

“O Que Mais O Move Na Sua Vida?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: O Que Mais O Move Em Sua Vida?

Em minha vida, sou movido pela compreensão da lei altruísta geral da natureza, que leva a humanidade à sua consciência.

A natureza quer que conheçamos essa lei e nos desenvolvamos de acordo. Graças a ela, ascendemos do nível animado da natureza ao falante ou humano. Visto que a salvação da humanidade depende apenas de conhecer esta lei e realizá-la, penso que seu conhecimento deve se espalhar por todo o mundo, antes que o mundo se torne cada vez mais imerso em sofrimentos, através dos quais mais cedo ou mais tarde, no entanto, descobrirá essa lei.

Minha missão então passa a ser passar o conhecimento desta lei para a humanidade para que as pessoas evitem o sofrimento e entendam o que a natureza exige de nós e por quê.

Aplicando a lei da natureza, alcançaremos rapidamente uma vida feliz, no mais curto espaço de tempo, sem misérias e sofrimento.

Isso é o que me move e me impulsiona a permanecer ativo no avanço desta mensagem.

Baseado em Q&A com o Cabalista Dr. Michael Laitman em 9 de setembro de 2006. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.

“Como Podemos Garantir Que Todos No Mundo Recebam Uma Educação Decente Para Que Todos Tenham A Oportunidade De Contribuir Ao Máximo Para O Benefício Da Humanidade?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: Como Podemos Garantir Que Todos No Mundo Possam Receber Uma Educação Decente Para Que Todos Tenham A Oportunidade De Contribuir Ao Máximo Para O Benefício Da Humanidade?

A compreensão do fato de que existimos em um único sistema humano como partes de um organismo nos obrigará a organizar uma educação onde cada pessoa será capaz de reunir forças para fornecer a todos tudo o que apenas cada indivíduo pode fornecer.

Afinal, cada célula precisa fornecer ao corpo algo único, caso contrário, o corpo não é integral. Precisamos cuidar do fato de que todos conhecerão suas singularidades, funções, habilidades e especificidades. Somente cada indivíduo é capaz de dar isso à humanidade. Por isso, se faltar a contribuição de uma pessoa do organismo como um todo, da humanidade, a humanidade será falha.

Se alcançarmos tal estado, forneceremos uma educação decente por meio da qual alcançaremos um mundo pacífico e harmonioso.

A realização de nossa integralidade e interdependência de cada pessoa deve, em essência, tornar nossa educação independente de qualquer tipo de restrição, para que se baseie apenas no papel de cada pessoa no sistema integral da humanidade.

Baseado em Q&A com o Cabalista Dr. Michael Laitman em 9 de setembro de 2006. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.

“Qual É A Sua Visão Ideal Para O Futuro Da Terra?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: Qual É A Sua Visão Ideal Para O Futuro Da Terra?

As células de qualquer organismo vivo, apesar de serem egoístas, ao trabalharem umas com as outras, se unem em um único mecanismo, um sistema altruísta, onde cada célula se liga ao organismo e fica totalmente imersa em cuidar apenas de como se integrar ao organismo, como dar vida ao organismo e seu funcionamento geral, caso contrário ela próprio perderá vida.

Essa deve ser a atitude comum na sociedade humana: se quisermos sobreviver, precisamos aceitar a mesma lei de como as células funcionam em qualquer organismo vivo, e todos devem cuidar de todos os outros. É assim que devemos imaginar nosso futuro.

Ao longo de nossa vida na Terra, nos desenvolvemos por meio do egoísmo. Crescemos e nos tornamos cada vez mais egoístas em relação ao nosso desenvolvimento, mas agora chegamos ao fim do desenvolvimento egoísta e estamos em uma dimensão completamente diferente. Precisamos entender que uma nova realidade e um novo sistema se abrem para nós, no qual estamos cada vez mais interconectados e interdependentes. Consequentemente, precisamos aceitar o sistema integral do qual fazemos parte como a lei da vida entre nós. Portanto, se aceitarmos isso como um fato, veremos nossa vida futura ser boa.

Espero que seja exatamente isso que veremos.

Baseado em Q&A com o Cabalista Dr. Michael Laitman em 9 de setembro de 2006. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.

“Qual É O Assunto Mais Importante Nas Artes Que Precisa Ser Discutido E Por Quê?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: Qual É O Assunto Mais Importante Nas Artes Que Precisa Ser Discutido E Por Quê?

As artes, a cultura e a educação precisam discutir a conexão humana positiva, ou seja, a conexão correta entre as pessoas, e não a conexão que existe hoje, mas a conexão que deveria existir.

Se discutirmos o fato de pertencermos a uma família global, de que cada pessoa precisa expressar essa atitude para com as outras, de que dependemos uns dos outros e precisamos, assim, amar uns aos outros e corrigir de tal forma nossos relacionamentos – se as artes, cultura e educação, com tudo o que abrangem, exercerem seu poder sobre nós por meio de filmes, teatro, literatura de ficção e tudo o que vemos, tudo que nos influencia, nós aceitaremos essa ideia altruísta, não importa o quão oposta ela possa ser à nossa natureza.

O papel da cultura em nos influenciar é muito importante. Espero que, dessa forma, possamos merecer a passagem do modo de vida egoísta para o altruísta de forma rápida e sem uma fase preliminar de sofrimento.

Baseado em Q&A com o Cabalista Dr. Michael Laitman em 9 de setembro de 2006. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.

“Por Que A Vida Moderna É Mais Complexa E Estressante Do Que A Vida Primitiva? Não Inventamos A Tecnologia Para Tornar A Vida Mais Simples?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: Por Que A Vida Moderna É Mais Complexa E Estressante Do Que A Vida Primitiva? Não Inventamos A Tecnologia Para Tornar A Vida Mais Simples?

O egoísmo, que se desenvolve em nós constante e incessantemente, forma um desejo crescente em nós de preenchê-lo. No entanto, ao desejar preenchê-lo, em essência descobrimos que somos incapazes de fazer isso. Todos sabem que sentimos um forte apetite antes de comer, mas nosso desejo diminui assim que começamos a comer e deixamos de sentir o prazer. Dessa forma, o prazer ou realização em si neutraliza a sensação de prazer ou realização. É porque o desejo de se realizar e o prazer que o preenche são dois opostos.

Portanto, nunca alcançaremos a perfeição se quisermos nos realizar diretamente. Queremos alcançar várias coisas, mas assim que alcançamos algo, o prazer desaparece. Por que ele desaparece? Porque, ao receber prazer, neutralizamos o próprio desejo de prazer. É por isso que nunca sentimos prazer contínuo em nossas vidas.

O prazer só pode ser sentido com a condição de separarmos o local de aceitação do prazer do próprio prazer. Por exemplo, uma mãe quer dar algo a seu filho e, quanto mais dá a seu filho, mais ela mesma se torna realizada. Se nos amássemos como uma mãe ama seu filho, sentiríamos prazer na medida em que doássemos aos outros. É possível doar sem limites e, ao fazer isso, nos realizarmos constantemente. Esse é o princípio da realização eterna e, graças a ele, a pessoa pode sentir a vida eterna. Isso significa que no altruísmo há um fundamento inerente para uma vida eterna e plena, permeada de amor, realização e felicidade, o que nunca pode acontecer no egoísmo.

Quando a humanidade entender isso e sentir o quanto perde em sua curta vida, cheia de sofrimento, enquanto é possível passar para a vida eterna cheia de prazer, ela começará a se transformar. Espero que nossa vida pare de ser tão estressante.

Baseado em Q&A com o Cabalista Dr. Michael Laitman em 9 de setembro de 2006. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.

“O Que Há Na Sua Vida Que O Chama A Ser Maior Do Que O Que Você Acha Que É Possível?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: O Que É Isso Em Sua Vida Que O Chama A Ser Maior Do Que Você Pensa Ser Possível?

Eu entendo que a humanidade está no meio de uma crise. Esta crise envolve a humanidade: depressão, dependência de drogas, desintegração da unidade familiar, terrorismo e a ameaça ecológica global. Constantemente, de um dia para o outro, esse desastre na humanidade continua aumentando, e o conflito entre civilizações também se aprofunda. Segundo a opinião dos cientistas, a humanidade tem pouco tempo para deter de alguma forma o desenvolvimento da crise em direção a uma terceira guerra mundial.

No entanto, como dizem os médicos, o diagnóstico correto de uma doença já é metade de sua cura. É por isso que precisamos revelar essa crise ao mundo e parar de silenciá-la. Ao fazer isso, apenas nos aproximamos de um estado irreversível. Se revelarmos essa crise para a humanidade e, simultaneamente, todos nós juntos, tentarmos entender sua causa (nosso ego) e sua cura (a correção do ego), descobriremos uma vida pacífica e harmoniosa.

A humanidade precisa passar por essa transformação. Portanto, essa visão me empurra até mesmo para coisas que estão além das minhas habilidades, a fim de aproveitar todas as oportunidades possíveis para que eu possa explicar isso ao mundo.

Baseado em Q&A com o Cabalista Dr. Michael Laitman em 9 de setembro de 2006. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.

“As Reparações Pela Escravidão Realmente Ajudarão A Acabar Com O Racismo?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: As Reparações Pela Escravidão Realmente Ajudarão A Acabar Com O Racismo?

Definitivamente não. Não haverá fim para todos os tipos de pessoas começarem a exigir o que supostamente merecem. Mais e mais pessoas começarão a aguçar seus apetites umas contra as outras. É tolice repensar a história dessa forma.

Sou a favor de reinterpretar a história como o desenvolvimento de nossa inclinação egoísta, ou seja, o desejo de desfrutar à custa dos outros e da natureza, em vários estágios. Hoje, quando percebemos a insignificância, perniciosidade e inferioridade do ego, começamos a mudar para o próximo nível de nosso desenvolvimento, onde precisaremos perceber uma conexão positiva uns com os outros, apoiando, encorajando e cuidando uns dos outros sem reclamações sobre o passado.

Se começarmos a vasculhar o passado para fazer reparações, entraremos em um processo interminável de olhar para trás a fim de exigir o que supostamente merecemos.

Essa revisão da história é baseada no egoísmo. Não podemos comprar o passado com dinheiro, assim como o futuro não pode ser construído com esse dinheiro. Devemos apenas procurar entender como a natureza e a natureza humana funcionam, e como podemos usar esse conhecimento para iniciar um novo processo de conexão positiva entre si.

Quanto mais descobrirmos nossa interdependência cada vez maior na era de hoje, mais revelaremos a natureza defeituosa e prejudicial de nossa natureza egoísta e a necessidade de corrigi-la desenvolvendo conexões altruístas acima dela. Não corrigiremos nosso ego com a abordagem de “Pague-me e serei legal”. É simplesmente uma abordagem defeituosa.

Baseado em “Notícias com o Cabalista Dr. Michael Laitman” em 8 de julho de 2001. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.

“Como Você Usaria A Internet Para Melhorar Sua Comunidade?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: Como Você Usaria A Internet Para Melhorar Sua Comunidade?

A Internet é igual para todos, e se ela explicasse a todos que pertencemos a um sistema global, que em essência somos uma pequena aldeia, um único sistema, devemos nos relacionar correspondentemente e criar a próxima geração. Nessa rede, devemos falar sobre o fato de pertencermos a um único organismo e que devemos mudar a nós mesmos. Se discutirmos isso na Internet, esse enorme mecanismo, que envolve todos os continentes e todos juntos, fará sua predestinação. Servirá então para nos unir. Em todas as línguas e em todos os níveis, ela nos conectará e nos dará a sensação de que foi pensado justamente para esse fim.

A Internet é única porque simultaneamente, em um instante, em tempo real, pode nos conectar e nos tornar um grupo conectado de pessoas ao redor do planeta. Eu espero que isso realmente aconteça em um futuro próximo, e sentiremos nossa estreita interconexão e interdependência – incluindo os meios de informação que atuam na Internet – de tal forma que descobriremos como ela é integral e começaremos a nos comportar adequadamente. Então, mudaremos nossa cultura, educação, economia e nossa abordagem de vida.

Baseado em Q&A com o Cabalista Dr. Michael Laitman em 9 de setembro de 2006. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.