Textos na Categoria 'Homem e Mulher'

Crie Seu Amor

961.1O amor verdadeiro começa quando nada é procurado em troca. 
(Antoine de Saint-Exupéry)

Verdadeiro. Bonito! Claro, breve.

Pergunta: Você pode comentar sobre isso?

Resposta: Não. Eu não posso. É expresso de forma clara e correta.

Onde você vai encontrar isso? Existe uma opinião entre as pessoas de que é possível.

Pergunta: Mas o homem não tem poder para fazer isso?

Resposta: Não, não é da natureza humana.

Pergunta: Por natureza, o homem não pode deixar de pedir nada em troca?

Resposta: Claro. Devemos criar esse sentimento de amor pelo outro a partir dos sentimentos opostos: a partir da rejeição, do ódio, de todas as propriedades, sentimentos e pensamentos negativos. Eu devo fazer isso

Então, é possível dizer que a amo – porque crio meu amor por ela. Em geral, o que basicamente sinto por essa pessoa é que a odeio.

Pergunta: Isto é, se eu pudesse simplesmente, simplesmente assim, odiar uma pessoa e depois me elevar para amá-la?

Resposta: Sim. Vire-se do avesso. Então você pode dizer que a ama. Eu a amo. E o fato de que esse sentimento surgiu em mim do nada.

Comentário: Não é fácil.

Minha Resposta: Sim, mas se chama amor.

Amar é criar uma atitude para com o outro em você mesmo, uma atitude de amor para com quem você inicialmente odiava. O amor só pode estar acima do ódio! Caso contrário, não é amor.

De KabTV, “Notícias com o Dr. Michael Laitman”, 12/10/20

Você Deve Saber Como Amar

294.3“Amar não é olhar um para o outro, mas olhar juntos na mesma direção”. (Antoine de Saint-Exupéry)

Isso está certo. A mesma direção significa que devo encontrar em mim e na outra pessoa um estado resultante de nossas relações mútuas. É algo além de nós dois.

Pergunta: Então agora você está falando sobre o propósito da vida, que avançamos em direção a uma meta, amamos a mesma meta e nos movemos em direção a ela?

Resposta: Significa que nos amamos precisamente porque visamos o mesmo objetivo.

Comentário: E se não compartilharmos o mesmo objetivo?

Resposta: Então não é amor.

Pergunta: Isso é interessante. Então, eu não posso simplesmente amar você e viver dessa maneira?

Resposta: Não! Deve haver um terceiro componente; não é supérfluo.

Deve haver algo fora de ambas as pessoas que as conecta, as une. É o desejo de união nesta terceira parte que resulta na qualidade de amor.

Pergunta: Que tipo de objetivo torna esse amor forte?

Resposta: Quando eles percebem que devem um ao outro alcançar essa meta eterna.

Pergunta: A meta pode ser construir uma casa, cultivar uma árvore ou criar uma família?

Resposta: Não. Nunca! Estamos falando de uma ideia, de um ideal.

Pergunta: Mas o que é? O que poderia ser? Podemos falar especificamente sobre isso?

Resposta: Apenas a realização do propósito da natureza. A natureza nos criou e devemos entender a meta a qual ela quer nos levar.

Pergunta: A qual meta ela quer nos levar?

Resposta: À unidade. Para que junto conosco ela consiga atingir o sentido absoluto nesta união! Ou seja, ela se tornaria um todo comum – nós, toda a humanidade e a natureza. Nós, como elemento receptor da natureza, e a própria natureza como elemento de preenchimento.

É assim que deve ser.

De KabTV, “Notícias com o Dr. Michael Laitman”, 10/12/20

Como Você Explica A Solidão?

961.2Pergunta: Como se explica a solidão, quando a pessoa nem consegue encontrar simpatia mútua? Agora, há muitas pessoas assim. Isso significa que elas não têm almas gêmeas e estão sozinhas na vida, para sempre?

Resposta: O egoísmo está constantemente se desenvolvendo em nós, desde o início da criação até nossos dias, e continuará a se desenvolver mais e mais.

À medida que o egoísmo pessoal se desenvolve, cada pessoa se sente cada vez mais distante das outras pessoas. Será cada vez mais difícil para ela encontrar sua alma gêmea e, geralmente, reunir-se com amigos.

Se a humanidade não começar a se corrigir, seu futuro, é claro, será muito infeliz. As pessoas viverão em seus estojos e este será o seu destino.

Comentário: Mas este é um grande sofrimento.

Minha Resposta: Elas vão se acostumar, vão usar drogas ou outra coisa. E o que você pode fazer contra o egoísmo? Conserte-o ou deixe-o como está e abafe-o silenciosamente.

De KabTV, “Pergunte ao Cabalista”, 20/03/19

Fisiologia Não É Espiritualidade

600.04Pergunta: Se o que chegou até nós de fontes escritas e orais é percebido literalmente e não na linguagem dos ramos, então percebemos o masculino e o feminino incorretamente, não como um componente de uma pessoa, mas como gênero?

Mas nascemos homens e mulheres. O egoísmo masculino e feminino existe em cada um de nós?

Resposta: Não, não existe. Qualquer pessoa espiritualmente consiste em uma parte masculina e uma feminina. Não há privilégio de um sobre o outro. É sua combinação certa que nos dá perfeição.

Existem qualidades masculinas e femininas em cada pessoa e devem ser equilibradas, independentemente do sexo. Nossa fisiologia não tem nada a ver com espiritualidade.

De KabTV, “Pergunte ao Cabalista”, 20/03/19

Viva Na Compreensão Do Significado Da Existência

628.2Comentário: Se uma pessoa está presente no sistema geral, então, consequentemente, deve haver relações entre as partes do sistema que são construídas de uma certa maneira de acordo com um algoritmo correto.

Minha Resposta: O único algoritmo correto em relação às relações seria que cada parte do sistema existisse apenas para suportar todas as outras partes e para si mesma, ela receberia apenas o necessário para funcionar corretamente dessa forma.

Pergunta: Como as partes masculina e feminina do sistema, literalmente marido e mulher, se relacionam com isso?

Resposta: Marido e a mulher devem se concentrar em apoiar um ao outro, bem como no que é produzido de seu relacionamento.

Pergunta: Como uma mulher pode apoiar seu marido da maneira mais eficaz possível? De que forma esse apoio deve ser realizado em relação ao seu desenvolvimento, em termos de sua existência no mundo corporal, e talvez em termos de uma meta espiritual?

Resposta: Não acho que haja muita diferença entre homens e mulheres ou maridos e esposas. Ambos devem viver de acordo com a compreensão do significado de sua existência. A que fim eles deveriam chegar? Qual é a coisa mais importante em suas vidas?

Eles precisam continuar trabalhando nisso. Existem muitas opções aqui, mas todas elas devem ter como objetivo atingir um objetivo comum.

De KabTV, “Expresso de Cabalá”, 07/12/20

Como Salvar Um Casamento

294.4Pergunta:  Recentemente, assisti ao seu vídeo em que você diz que não pode se divorciar, apenas como último recurso quando há filhos envolvidos.

Então, o que posso fazer quando não há mais sentimentos um pelo outro e as crianças percebem isso? Quando há apenas brigas e aborrecimento um com o outro? Como pode ser bom para os filhos crescerem em tal ambiente? Eu não amo ele, você entende? Não me retenha.

Minha Resposta: Estou retendo você. Eu gostaria de conter você e ele. Como vocês não são mais filhos como seus filhos, precisam entender que ainda é muito melhor para vocês, para seus filhos, para sua família e para a sociedade não se divorciar, mas simplesmente parar de prestar atenção a certos sentimentos.

Pergunta: Mas como eles podem alcançar a paz, mais ou menos?

Resposta: Eles devem concordar em não incomodar um ao outro. É isso aí! O que mais há para fazer? Deixe seu relacionamento envolver um pouco de política, algum acordo e raciocínio, elevando-se acima de si mesmos. Dizer: “Não gosto de coisas nele, ele não gosta de coisas em mim” é infantil!

Pergunta: Em geral, é possível concordar sobre áreas a serem evitadas?

Resposta: Com certeza! Se já têm filhos, são pessoas claramente maduras. Se você tem filhos, não tem direito ao divórcio. Para o bem de seus filhos. Os filhos não vão perdoá-lo. Eles levarão isso consigo por toda a vida.

Pergunta: Então, se ela pensa nos filhos neste momento, e não em si mesma, no seu aborrecimento?

Resposta: Então ela não ficará aborrecida.

Pergunta: O que isso envolve? Perdão por todos os seus erros ou o quê? Como fazer concessões aqui?

Resposta: Para reduzir a vulnerabilidade um do outro, sua sensibilidade um do outro, reclamações uns contra os outros. Imagine que o outro tem direito ao seu comportamento, à sua vida. Ao mesmo tempo, você tem uma vida comum. E essa vida comum, antes de tudo, diz respeito aos seus filhos, e não a você pessoalmente. Não seja tão egoísta! Viva pelo bem dos filhos. Isso não deve ser uma fonte de dor para seus filhos.

Pergunta: Essa é a verdadeira responsabilidade?

Resposta: Sim. Claro.

Comentário: As pessoas não pensam que os filhos são afetados por isso durante toda a vida.

Minha Resposta: Não. Isso terá um grande impacto nos filhos. E os filhos também se divorciarão porque seus pais fizeram o mesmo.

Pergunta: Segue a corrente?

Resposta: Sim.

Pergunta: E isso se estende à próxima geração?

Resposta: Sim. E se eles não viram o divórcio dos pais, então, apesar do fato de que existem diferenças muito grandes entre eles e as brigas em geral, os filhos ainda preservarão suas famílias.

Pergunta: Então você também olha para outras gerações?

Resposta: Certamente. Porque “o que os pais fazem serve de exemplo para os filhos”.

De KabTV, “Notícias com o Dr. Michael Laitman”, 23/11/20

“Amen E A-Woman? Campanha De Igualdade De Gênero Não Muda A Natureza”(Linkedin)

Meu novo artigo no Linkedin: “Amen e A-Woman? Campanha de Igualdade de Gênero não Muda a Natureza

Na segunda-feira, 4 de janeiro, o Rep. Emanuel Cleaver (D-MO), concluiu a oração de abertura no final do primeiro dia do novo Congresso com as palavras “A-men e ‘A-woman” (Um homem e uma mulher, em tradução livre). Até Cleaver pareceu desconfortável quando questionado sobre sua alteração da conclusão tradicional da oração, conforme disse ao Snopes.com: “Concluí com um trocadilho leve em reconhecimento ao número recorde de mulheres que estarão representando o povo americano no Congresso”.

A meu ver, toda a noção de igualdade de gênero foi longe demais para algo que não podemos realmente mudar. Homens e mulheres não são iguais, assim como homem e mulher não são iguais na natureza. Nossos corpos, incluindo nossa psique, pertencem ao reino animal e, assim como os leões e as leoas se comportam de maneira diferente, as pessoas também o fazem.

Podemos decidir que queremos definir nossa identidade de gênero de uma forma ou de outra, ou de nenhuma maneira, mas isso não nos fará mais felizes. Isso apenas nos manterá constantemente no limite, tendo que defender nossa escolha. Mas a natureza é natureza; não muda de acordo com nossos caprichos. Se formos contra a natureza, sofremos.

Assim como é muito mais difícil nadar rio acima do que rio abaixo, é muito mais difícil defender opiniões falsas sobre a vida do que sustentar opiniões verdadeiras. E o fato de alguém nos ter dito que uma visão e não a outra é a visão a seguir não a torna mais verdadeira.

Há uma boa razão pela qual existem dois gêneros distintos na natureza, e ambos são indispensáveis ​​para o sucesso da sociedade humana e da vida como um todo. Os gêneros não são superiores ou inferiores uns aos outros; eles são complementares! Somente quando olhamos para a vida dessa perspectiva podemos realmente apreciar nosso valor como seres humanos, o valor de nossos parceiros e o valor de nossos relacionamentos. Quando temos bons relacionamentos, somos pessoas felizes e, no final, felicidade é tudo que precisamos.

Homens E Mulheres: Trabalhem Conforme O Necessário

592.03Pergunta: Como uma mulher pode apoiar melhor um homem em nosso mundo? Há uma opinião de que ela não deveria trabalhar, mas deveria dedicar-se tanto quanto possível para apoiar um homem.

Resposta: Acredito que, em um futuro próximo, será assim porque deixaremos de produzir uma quantidade insana de produtos completamente desnecessários.

A vida aos poucos vai assumindo um estado mais equilibrado e, portanto, não haverá necessidade de as mulheres trabalharem. Até a necessidade de um número significativo de homens para trabalhar desaparecerá. Todos estarão mais engajados na teoria e na prática de construir relacionamentos corretos entre si e também entre os gêneros.

Tudo isso será implementado de forma muito rápida e correta. Não vejo grandes problemas aqui. Os problemas são os mesmos para homens e mulheres. Especialmente em nossa época. Não acho que os homens trabalharão mais e o trabalho das mulheres não será necessário.

Existem algumas profissões que são melhor desempenhadas por mulheres. Os homens, como dizem, podem descansar, isto é, ficarão dispensados ​​das obrigações que não podem cumprir em decorrência de sua organização psicológica interna.

Portanto, não estamos falando sobre retirar as mulheres de todos os empregos e manter apenas os homens. Acho que quase todas as mulheres podem realmente ser poupadas de trabalhar fora de casa, mas, se necessário, estarão envolvidas nisso. Os homens também estarão envolvidos na medida em que forem necessários para produzir o que é necessário para a existência.

O resto do tempo será dedicado apenas ao domínio da técnica de conexão mútua, a fim de elevar toda a humanidade ao nível do sistema do mundo superior.

Pergunta: Então, as pessoas não foram criadas para trabalhar?

Resposta: Em princípio, não. O mesmo vale para os níveis inanimado, vegetativo e animal. Por mais estranho que possa parecer hoje, eles serão alimentados apenas com a energia que nós, pessoas, produziremos por meio de nossas interações corretas. Ainda não vimos este mundo especial.

De KabTV,“Expresso de Cabalá”, 12/07/20

O Efeito Do Feminismo

627.2Pergunta: Qual é a razão do feminismo ter dominado o mundo nos últimos dois séculos?

Resposta: O feminismo é resultado do fato de a mulher sentir necessidade de se desenvolver e participar do mundo. Ela realmente se desenvolveu para ser nada menos que os homens. Ela pode lidar com tudo talvez até melhor do que os homens.

Em geral, a competição entre os sexos é totalmente desnecessária. Em casa, nenhum de nós compete para ver quem será o melhor em organizar a vida e tudo mais. É claro para nós que uma mulher é capaz disso além de qualquer competição. Ela pode fazer em casa em meia hora um trabalho que um homem não vai conseguir fazer em um dia ou, ao contrário, vai estragar tudo. É assim que somos feitos.

Portanto, precisamos saber como e com o que podemos nos complementar adequadamente e, assim, construir relações uns com os outros, principalmente em nosso tempo em que já estamos começando a nos afastar do trabalho inútil, completamente desnecessário que ocupou nosso tempo. Filtraremos absolutamente tudo o que for desnecessário, para que apenas o trabalho mais necessário permaneça.

Então, precisaremos de talvez 20% de toda a população para lançar todo o sistema que vai servir as pessoas e o mundo. Todo o resto do tempo, estaremos apenas engajados em prover nossas necessidades internas e compreender como nos unir e alcançar a manifestação do mundo superior dentro de nós. Isso, eu acho, será muito especial e atraente para a nova geração.

De KabTV, “Expresso de Cabalá”, 12/07/20

Breve Enciclopédia De Educação

294.4Pergunta: O próprio encontro de futuros pais em nosso mundo é predeterminado ou não?

Resposta: É predeterminado. Não foi por acaso que conheci essa pessoa.

Pergunta: Por que isso é feito? Por que os casais se conectam dessa maneira?

Resposta: Não existem coincidências no mundo. Nenhuma coincidência! Como é dito em O Mestre e Margarida: “O tijolo não está nem aqui nem lá … nunca simplesmente cai do nada na cabeça de alguém”.

Pergunta: Em caso afirmativo, o nascimento de uma criança em particular que vai nascer é predeterminado?

Resposta: Tudo está totalmente predeterminado até o fim de todos os tempos. Não há nada novo.

Pergunta: Podemos dizer que há um bom momento para conceber um filho?

Resposta: Isso também não importa e também não depende das pessoas. Tudo é organizado de cima para baixo, e assim acontece. Na verdade, uma pessoa não escolhe nada.

Pergunta: Mas quando os pais decidem que querem ter um filho, no que devem pensar?

Resposta: Que querem fazer uma pessoa boa que seja útil ao mundo e que goste do fato de ser benéfica para o mundo.

Pergunta: O que é “beneficiar o mundo”?

Resposta: Aproximar as pessoas.

Comentário: Imagine dar essa tarefa aos pais!

Minha Resposta: Eles pensam nisso no ato da concepção. Como está escrito em Ketuvim, Jó 3:2: “”Pereça o dia do meu nascimento e a noite em que se disse: ‘Nasceu um menino!’’”

Comentário: Normalmente a pessoa pensa mais em si mesma, para que haja uma criança boa, gentil, afetuosa, amada e saudável. Pensa mais nela.

Minha Resposta: Não. Com isso você não faz uma criança, mas um animal. E se você pensar em como ela será no mundo como pessoa, para o mundo, você faz uma pessoa.

Pergunta: E se um casal não consegue conceber um filho, mas realmente quer?

Resposta: Tente o máximo que puder. Você não pode fazer nada. Mesmo hoje, ainda depende da providência superior.

Pergunta: E o que vai ajudar mais aqui: ir a curandeiros ou médicos?

Resposta: Devemos visitar médicos, devemos fazer todo o possível.

Pergunta: E ao mesmo tempo pedir ajuda ao superior?

Resposta: Claro, todos juntos.

Pergunta: Quando Ele ouvirá este pedido?

Resposta: Isso é desconhecido para nós. Por mais que as pessoas se esforcem para fazer o bem umas às outras e ao Criador, mais perto estarão da realização desse desejo, embora isso não garanta nada.

Comentário: Não está muito claro: “bons uns para os outros e com o Criador”. Explique este ponto, por favor.

Minha Resposta: Agir entre si como foi originalmente estabelecido pelo Criador.

Pergunta: Como isso é estabelecido?

Resposta: Tudo se baseia na bondade.

Pergunta: Como os futuros pais devem se comportar durante a gravidez?

Resposta: Devemos ter consideração um com o outro, especialmente com uma mulher. E tente para que a mulher durante a gravidez tenha bons pensamentos, músicas, leituras. Em geral, para influenciá-la com emoções e conhecimentos positivos e mais elevados. Tudo isso influencia muito a criança.

Pergunta: Que tipo de música você escolheria?

Resposta: Eu pessoalmente apoio a música clássica porque é a mais apropriada, a mais completa. Claro, não clássicos pesados, mas suaves.

Pergunta: No que uma mulher deve pensar durante a gravidez?

Resposta: Está escrito sobre isso na Torá que uma mulher só pensa naquele que está nela, que foi concebido e cresce nela. Apenas nele. A natureza já previu isso, então não há necessidade de interferir nisso.

Pergunta: Qual é o momento mais crítico da gravidez?

Resposta: Como regra, nos primeiros meses. Então, o fundamento da criança é estabelecido.

Pergunta: Quando a criança deve ser entregue à mãe?

Resposta: Você deve colocar a criança sobre ela imediatamente para que ela sinta que ainda está conectada com a mãe.

Pergunta: Isso dá a ela mais segurança?

Resposta: Tanto para ela quanto para a mãe. Deve haver uma conexão. É muito importante.

Pergunta: O que o leite materno significa para o crescimento do bebê?

Resposta: O leite materno não é necessariamente da sua mãe, pode ser de outra mulher. Porém, é preferível que a criança receba leite de sua mãe. E esse leite é a substância mais próxima da criança, carregando tantos elementos que nem suspeitamos.

Pergunta: O que o bebê ganha com o leite materno?

Resposta: É impossível expressar. A luz superior, chamada Ohr Hassadim, luz da misericórdia, ele recebe de cima através do leite de sua mãe.

Pergunta: Como uma mãe se comunica com um bebê que está amamentando?

Resposta: Ela fala com ele por meio disso. Ele a sente em seu peito e ela o sente em seu peito. Este é um mecanismo incrível em animais e humanos.

Pergunta: Por quanto tempo uma mãe deve amamentar seu bebê?

Resposta: Geralmente é recomendado até dois anos.

Comentário: Ninguém segue isso.

Minha Resposta: Eu sei que ninguém segue. Mas, de acordo com a lei espiritual, a amamentação deve ser de até dois anos.

Pergunta: E se você tem que ir trabalhar, como é hoje?

Resposta: Bem, todo mundo faz, isso é verdade. Quem se importa com algumas leis espirituais ou naturais?

Comentário: Você está dizendo que tudo é predeterminado e todas as ações são predeterminadas.

Minha Resposta: Se você arruinar sua vida, não culpe a natureza.

Pergunta: Então, nós arruinamos tanto a vida!? Mandamos mães trabalhar em seis meses, um ano e assim por diante.

Resposta: Claro.

Pergunta: O que precisa ser feito para consertar as coisas?

Resposta: Para consertar, a mulher não deve trabalhar.

Comentário: Isso, é claro, é impossível em nossa época.

Minha Resposta: Por quê? Por que é ruim se apenas o homem trabalha e ganha o suficiente para sua família, e isso seria o suficiente para a família viver normalmente, com calma, em silêncio?

Pergunta: Diga-me, se a mãe fica irritada ou depois de uma briga com o pai, ela deve alimentar ou não alimentar o filho naquele momento?

Resposta: Isso não é bom. A criança sentirá muito isso em si mesma e, portanto, tais estados são totalmente indesejáveis! A mulher deve ser protegida, isolada de quaisquer influências negativas e indesejadas.

Pergunta: Ou seja, tudo isso entra na criança, tanto irritação quanto ódio?

Resposta: Claro. Tudo isso vai se infiltrar na criança e se manifestar em consequências negativas.

Pergunta: O bebê geralmente sente o que está acontecendo em casa nas relações parentais?

Resposta: Claro. Ele sente tudo. Tudo é sentido por ele “no ar” mesmo que seja na próxima casa, em outra cidade. Tudo isso é transmitido. Ele é muito sensível. A mãe para ele é como um receptor que ele ouve e percebe mesmo que ela não diga nada a ele. Mas tudo que afeta a mãe, ele sente tudo.

Pergunta: Acontece que a mãe é como um sexto sentido para ele?

Resposta: Claro. Parece-nos que ele saiu da mãe e que o cordão umbilical foi cortado. Nada é cortado.

De KabTV, “Notícias com o Dr. Michael Laitman”, 05/10/20