Textos na Categoria 'Família'

Nova Vida 1316 – Brigas Na Família

Nova Vida 1316 – Brigas Na Família
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Yael Leshed-Harel

Em uma vida corrigida, examinamos os conflitos entre nós com a intenção de alcançar o amor e a paz acima deles. Para discutir corretamente, precisamos aprender o método de relacionamento que é explicado na sabedoria da Cabalá. Homens e mulheres são inatamente diferentes.

As brigas devem ser consideradas como a revelação necessária da natureza de cada um em contraste e oposição à natureza do outro. A lacuna natural entre eles pode ser preenchida quando expressamos abertamente nossas preferências, respeitamos os pontos de vista um do outro, damos bons exemplos um ao outro e estabelecemos um entendimento mútuo.

De KabTV, “Nova Vida 1316 – Brigas Na Família”, 15/08/21

Nova Vida 1315 – Relações Com Filhos Crescidos Que Saíram De Casa

Nova Vida 1315 – Relações Com Filhos Crescidos Que Saíram De Casa
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Nitzah Mazoz

Muito antes de os filhos saírem de casa, precisamos acostumá-los a ligar para os pais uma vez por dia e visitá-los semanalmente. É importante que os pais compartilhem o que estão passando, para mostrar que se importam, fazer perguntas e dar o exemplo. Os pais devem preparar os filhos para a fase de saída de casa e criá-los para serem independentes.

As crianças que não receberam a preparação correta para a vida se sentirão fracas e terão dificuldade em se construir e estabelecer uma conexão com um parceiro de vida. Os pais devem dar aos filhos uma sensação de segurança, orientação e um sentimento de que estamos sempre lá para ajudá-los.

De KabTV, “Nova Vida 1315 – Relações Com Filhos Crescidos Que Saíram De Casa”, 08/08/21

Nova Vida 1311 – Brigas Entre Irmãos

Nova Vida 1311 – Brigas Entre irmãos
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Yael Leshed-Harel

Não pode haver contato e conexão sem sentir limitações e conflitos com os outros. Os irmãos não sentem um ao outro se não brigarem, mas podem ter dificuldades de comunicação. Brigar por brinquedos é natural entre crianças, e os pais não devem intervir, desde que não haja nenhum dano físico. Se um filho chora aos pais que seu irmão fez algo com ele, o pai pode abraçá-lo, mas não deve tomar partido.

Brigar para prejudicar os outros é inaceitável, mas, por outro lado, faz parte da vida normal. As brigas fortalecem a conexão e o amor entre nós, se soubermos como superar o sentimento de rejeição. Os pais não devem brigar e devem brincar com os filhos para dar um exemplo de como se comportar corretamente. Resumindo, devemos permitir que os irmãos se desenvolvam livremente para que se tornem experientes e sábios.

De KabTV, “Nova Vida 1311 – Brigas entre Irmãos”, 04/07/21

Nova Vida 1306 – Relações Na Família Estendida

Nova Vida 1306 – Relações Na Família Estendida
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Yael Leshed-Harel

A família é o ninho em que a pessoa cresce. Pessoas que crescem sem o apoio da família encontram problemas ao longo de suas vidas. Elas não têm o poder que a família oferece. A civilização moderna destrói nossa conexão com a família. É impossível resolver os problemas familiares a menos que ensinemos às pessoas como alcançar a conexão e o amor entre elas, superando o ego humano. Todas as conexões entre os membros da família se desintegrarão até que descubramos que precisamos de uma nova qualidade de conexão em geral.

De KabTV, “Nova Vida 1306 – As Relações na Família Estendida”, 09/05/21

O Mistério Da Unificação Do Masculino E Feminino, Parte 4

511.01Por que o equilíbrio na vida familiar foi interrompido?

Pergunta: O que impede um casal de administrar sua natureza egoísta? Afinal, os dois querem ser felizes com o que criam entre si.

Resposta: Um casal não entende completamente onde está, quais as forças que os influenciam e por que tudo no mundo corporal é dividido em masculino e feminino.

Em nosso mundo, as relações entre o ser criado e o Criador são de alguma forma impressas nas relações entre os sexos, embora haja atributos masculinos e femininos em homens e mulheres.

No entanto, não podemos estabelecer nenhuma conexão um com o outro. Ainda assim, quando estabelecemos qualquer conexão uns com os outros, vemos que, na medida em que nos desenvolvemos egoisticamente de uma geração para a outra, na verdade nos afastamos um do outro. Parece que podemos nos aproximar mais no sentido de gênero hoje em dia e nos entender melhor, mas não é bem assim.

O ego que se desenvolve desperta ainda maior resistência e rejeição em nós. Ao longo da história humana, homens e mulheres sempre souberam o que o destino designava para eles. Um homem tinha que fornecer pão para a família e uma mulher tinha que cuidar da casa.

Um lar é a mulher, e ela é responsável por cuidar da casa e por criar os filhos, e o homem tem que prover todas as suas necessidades. Um casal entendeu que é assim que compartilhavam suas responsabilidades e carregavam o fardo da vida. Isso se originou da natureza da vida familiar, já que seus avós e avós e pais e mães deram um exemplo para eles.

De repente, cerca de 100 anos atrás, tudo isso começou a desmoronar em todo o mundo. Não importava se um país era desenvolvido ou não, o colapso era o mesmo. Aconteceu em todas as comunidades conservadoras e ortodoxas, e até mesmo em comunidades islâmicas fanáticas.

O plano da criação nos leva ao ponto em que não podemos fazer nada. Nosso egoísmo cresceu tanto que não podemos mais deixar a mulher em casa para que ela possa criar os filhos e cozinhar enquanto o homem sai para trabalhar. Isso é impossível hoje, e então nos perguntamos: “Como continuamos a viver?”

É aqui que entra a revelação da sabedoria da Cabalá, a fim de nos explicar qual é a relação certa entre um homem e uma mulher, porque hoje é impossível alcançá-la da mesma forma que no passado.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 03/03/19

Nova Vida 1305 – A Influência Do Ambiente Nas Relações Interpessoais

Nova Vida 1305 – A Influência Do Ambiente Nas Relações Interpessoais
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Yael Leshed-Harel

Quando entramos em um novo ambiente, não temos consciência do grau em que ele nos influencia, muda e molda. A influência do ambiente sobre nós é como a influência do útero sobre um bebê. O ambiente familiar deve ser protegido abrandando o coração antes de entrar em casa e jogando jogos criativos juntos para sentir a conexão familiar.

Uma bolha familiar protetora deve ser construída em torno dele, de modo que um espírito estranho não possa separá-lo. A família deve falar sobre o que é externo a ela, o que é interno a ela e como protegê-la de quaisquer influências externas prejudiciais ou hostis.

De KabTV, “Nova Vida 1305 – A Influência do Ambiente sobre as Relações Interpessoais”, 25/04/21

“Quais São Algumas Maneiras De Acabar Com O Abuso Infantil?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: Quais São Algumas Maneiras De Acabar Com O Abuso Infantil?

A solução definitiva para acabar com o abuso infantil é a mesma solução para acabar com todos os nossos problemas em nosso tempo: trabalhar em nossas conexões para que se tornem positivas e para que priorizemos a preocupação com os outros acima do interesse próprio.

Se as mães, por exemplo, se reunissem e se conectassem a fim de mudar a sociedade, de modo que uma preocupação mútua florescesse em torno de crianças e bebês, essa preocupação transporia todas as distâncias e limites. Tal preocupação seria expressa por essas mães se conectando várias vezes ao dia, e pela criação e consumo de uma programação que fariam na internet, na TV e no rádio sobre o tema, o que aumentaria a consciência sobre o que as crianças passam nas escolas e em suas casas.

Se tal preocupação se espalhasse pela sociedade, mesmo que apenas entre as mães, mudaria o quadro em relação ao abuso infantil, assim como a vários outros problemas que as crianças vivenciam. No entanto, atualmente está longe de ser o caso. Elas não sentem necessidade de se conectar dessa forma. Cada mãe se preocupa apenas com seus próprios filhos, o que é insuficiente.

Acabar com o abuso infantil envolve, portanto, gerar um ambiente de apoio compartilhando a mesma preocupação, de que todos nós juntos cuidaremos desse problema comum, onde cuidaremos de outras crianças além da nossa, e outros farão o mesmo. Até que cheguemos a essa preocupação mútua pelos filhos uns dos outros na sociedade, continuaremos vendo cada vez mais casos infelizes de abuso infantil.

Precisamos de uma força especial aqui, uma força unificadora que influenciará a sociedade e, a menos que as mães se reúnam e se unam, essa força nos escapará.

Baseado no episódio 1147 de Nova Vida com o cabalista Dr. Michael Laitman, Oren Levi e Tal Mandelbaum-Moshe. Escrito/editado por alunos do Cabalista Dr. Michael Laitman.
Foto de Sharon McCutcheon no Unsplash.

O Que Acontecerá Se Todas As Mulheres Voltarem Do Trabalho Para Casa

583.03Comentário: Anos atrás, você disse que empregos seriam perdidos, negócios faliriam e a economia mundial como um todo entraria em declínio.

É interessante que o problema do mundo todo será o que fazer com os desempregados. O mais importante é que as pessoas terão que receber não apenas os meios para existir, mas também algum sentido para a vida, uma forma de autorrealização. Revistas de negócios que geralmente escrevem sobre dinheiro e trabalho, de repente estão escrevendo sobre essas noções serem importantes.

Minha Resposta: Porque este é um problema: o que fazer com a população desempregada. Imagine todas as mulheres que trabalham voltando para suas casas. E pelo menos outros 10%, digamos metade dos homens, também perderem o emprego. Apenas cerca de 20% da população mundial ainda estará trabalhando. Todos os outros não são necessários. Em outras palavras, eles não precisam trabalhar se estiverem fazendo um trabalho desnecessário.

O que fazer com eles?

Pergunta: Esta é a primeira pergunta: o que fazer com as pessoas que fazem parte da população desempregada?

Resposta: Envolva totalmente essas pessoas em estudos e educação. Somente a educação pode mudar o mundo. Para isso, esses bilhões de pessoas agora estão sendo libertadas.

Pergunta: Você vê o programa superior nisso? Bilhões de pessoas estão sendo liberadas para começar a estudar?

Resposta: Sim. Para que sejam reeducados em humanos.

Você abre portas e deixa sair alguns bilhões de pessoas para que elas possam sentar-se em mesas, computadores, em algum tipo de corredor, em qualquer lugar, e começar a aprender a ser humano. Humanos no sentido mais elevado da palavra.

Pergunta: Você está falando sobre aprender a se relacionar?

Resposta: Não apenas isso. Compreender o programa da natureza, o propósito da natureza, o propósito de seu próprio desenvolvimento. Para que lado estão indo, para onde estão indo, para que fique claro para elas como são controladas pelas forças da natureza. Elas não existem em algum tipo de mal-entendido, em algum tipo de esquecimento, mas são afetadas por forças e entendem o impacto dessas forças e estão em uma conexão mútua orgânica com elas. Assim, elas avançam na compreensão de todo este programa.

Pergunta: Você está dizendo que temos lidado com as consequências todo esse tempo e agora temos que estudar a razão? Por que aparecemos neste mundo?

Resposta: Sim, claro!

Pergunta: Não é este o destino de algumas pessoas talentosas e únicas?

Resposta: Não, absolutamente todos deveriam aprender isso.

Pergunta: Uma pessoa aceitará isso?

Resposta: Sim, isso vai cair muito bem!

Pergunta: Você acha que uma pessoa descobrirá por que veio a este mundo e qual é o propósito de sua vinda?

Resposta: Não há problemas, é assim que vai ser.

Pergunta: Outra pergunta mais importante que li em um artigo é: as pessoas terão de obter não apenas um meio de vida, mas também um novo sentido de vida?

Resposta: Isso é o mais importante.

Comentário: Ou seja, essas duas questões estão conectadas. A humanidade, 2 a 3 bilhões de pessoas foram libertadas para entender para que existem.

Minha Resposta: Sim, e todo o resto da humanidade receberá isso por meio delas também. Não há como escapar disso. Tudo depende apenas da maneira como fazemos isso, rapidamente com pouco sangue ou com grande perda e sofrimento.

De KabTV, “Notícias com Dr. Michael Laitman”, 05/10/20

“Sobre Os Méritos De Uma Família De Três Gerações” (Linkedin)

Meu novo artigo no Linkedin: “Sobre Os Méritos De Uma Família De Três Gerações

A família de hoje geralmente tem apenas um adulto morando em casa com os filhos. Mas, no dia de Ação de Graças, eu gostaria de reservar um momento para discutir os méritos de uma família em tamanho real. E por tamanho real, não me refiro apenas a dois pais e filhos, mas sim avós, pais e filhos, todos juntos. Ou seja, nem todos precisam morar na mesma casa, mas os benefícios de manter laços familiares próximos são algo que devemos estar atentos, principalmente hoje em que é tão fácil nos encontrarmos socialmente isolados e não percebermos que esse é o motivo para nossa tristeza e irritação.

Na espiritualidade, as três gerações têm um significado especial: representam o processo completo de ascensão de uma oração. Ele começa com uma pessoa elevando uma oração, enviando-a por meio de um “meio” para o nível superior, e o nível superior retorna a resposta por meio do meio para o indivíduo suplicante.

Quando os pais têm uma folga ocasional de seus filhos, isso os ajuda a relaxar e permite que sejam mais atenciosos e pacientes quando estão com os filhos. Também aumenta o anseio dos filhos pelos pais e dos pais pelos filhos, e nada liga as pessoas mais fortemente do que a quantidade certa de anseio.

Esta raiz espiritual se manifesta em muitos fenômenos em nosso mundo, mas um dos mais vitais é a família de três gerações. É por isso que é tão saudável mental e emocionalmente manter laços com todas as gerações da família.

Além dos benefícios espirituais, os avós podem dar aos filhos o que os pais não podem. Por natureza, os pais são mais críticos e exigentes. Sendo os educadores primários, eles têm que ser assim. Os avós são mais receptivos e dão aos filhos um lugar onde eles possam sempre sentir que são amados do jeito que são. Isso é muito importante para os filhos. Além disso, quando os filhos veem que os pais tratam bem os próprios pais, eles também tratarão bem os pais quando crescerem, visto que o exemplo é o modo de ensino mais impactante e duradouro.

Para os idosos, o tempo com os netos não é um fardo; é um presente (até certo ponto, é claro, tanto quanto sua saúde e energia permitirem). Eles gostam de estar com os netos, isso os conecta aos próprios filhos, os pais, e lhes dá vitalidade e saúde. Para os pais, o tempo dos filhos com os avós é uma oportunidade de estar um com o outro ou de fazer outras coisas que, de outra forma, eles não teriam tempo ou energia.

Quando os pais têm uma folga ocasional de seus filhos, isso os ajuda a relaxar e permite que sejam mais atenciosos e pacientes quando estão com os filhos. Também aumenta o anseio dos filhos pelos pais e dos pais pelos filhos, e nada liga as pessoas mais fortemente do que a quantidade certa de anseio.

Neste dia de Ação de Graças, eu desejo a todos um feliz feriado, com muito amor e com toda a família.

Nova Vida 1286 – Cuidados Familiares Para Pais Idosos

Nova Vida 1286 – Cuidados Familiares Para Pais Idosos
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Yael Leshed-Harel

Filhos adultos de pais idosos precisam se unir para compartilhar o cuidado com tempo, energia e dinheiro. É impossível determinar como compartilhar igualmente os cuidados com os pais idosos, uma vez que não temos como medir as contribuições diversas. Cada filho tem sua própria situação única que não pode ser comparada com precisão com os contextos dos irmãos.

De acordo com a sabedoria da Cabalá e uma perspectiva integral, os filhos devem colocar suas diferenças de lado e se reunir uma vez por mês ou duas vezes por ano para dividir as tarefas associadas a cuidar de seus pais idosos de uma maneira objetiva, profissional, sem emoção. O bem-estar dos pais deve ser o foco. Cada filho dá o que pode, seja na hora de levar os pais às consultas médicas, dinheiro para pagar pelos serviços em casa ou calor e cuidados emocionais. Cada um retribui os pais como se estivessem retribuindo ao Criador, pois o Criador providencia nossos pais para nós.

De KabTV, “Nova Vida 1286 – Cuidado Familiar Para Pais Idosos”, 30/10/20