Textos na Categoria 'Eventos'

Congresso Da África

Dr. Michael Laitman

Da Minha Página No Facebook Michael Laitman 20/01/20

Nossa Convenção Virtual para nossos grupos na África durante o fim de semana – incluindo grupos de Gana, Costa do Marfim, Camarões, Togo, Benin, Congo, Guiné, Etiópia, África do Sul e dezenas de conexões virtuais de áreas remotas em todo o vasto continente – foi um testemunho vivo de como chegou a hora da maravilhosa sabedoria da Cabalá ser revelada à humanidade.

O povo africano experimentou grande sofrimento e opressão, e o despertar espiritual de hoje no continente, com grupos de pessoas mostrando prontidão para se conectar acima de todas as diferenças, foi uma experiência muito emocionante. Eu pessoalmente fiquei comovido.

Uma parte significativa da Cabalá é como os novos alunos avançam muito mais rápido do que os veteranos quando começaram, pois, como recém-nascidos que entram na família, herdam tudo o que a família ganhou e preparou para eles. Isso ficou especialmente evidente ao ver a participação dos amigos africanos ao longo das lições e eventos da Convenção.

Eu desejo expressar minha profunda gratidão a todos que prepararam o evento. Juntos, continuaremos tentando abrir o coração do mundo à conexão e ao amor.

O Criador Está Dentro Da Conexão

laitman_938.02Pergunta: Durante a Convenção, passamos por muitas coisas. Como podemos manter isso para que não vivamos de Convenção à Convenção, mas multiplicemos a experiência todos os dias?

Resposta: Na Convenção, eu tentei provar a vocês que, quando vocês se conectam, se aproximam do Criador. Vocês devem se lembrar claramente disso, gravar isso em seu coração.

Somente conectando-nos um ao outro é que nos aproximamos do Criador, porque, para começar, Ele está dentro da nossa conexão. Isso é tudo.

Pergunta: Tanto na ocultação quanto na revelação?

Resposta: Em todo lugar, sempre.

Da Convenção Mundial de Cabalá na Moldávia 08/09/19, “Juntando Todos os Estados em Direção ao Criador”, Lição 7

Alcançar O Criador No Centro Do Grupo

laitman_938.04Pergunta: No nosso caminho, devemos passar por momentos de ódio. Se o ódio não é revelado, é sinal de que não estamos avançando?

Resposta: Não devemos esperar sentimentos negativos. Se não os temos, que assim seja. Nós apenas precisamos nos mover em direção ao centro do grupo e procurar persistentemente o Criador nele.

Nosso trabalho é muito simples. Como Baal HaSulam escreve no artigo “Arvut” (Garantia Mútua), o Criador leva uma pessoa ao grupo, coloca sua mão no caminho certo e diz “Siga-o”.

Agora, no grupo, precisamos apenas aumentar a influência do ambiente sobre nós, até alcançarmos o Criador no centro do grupo. É isso aí! Não há mais nada!

Veremos que o mundo ao nosso redor é tudo ficção. Tudo isso é o mundo ilusório (Olam ha Medume). Existe apenas a dezena e o Criador dentro da dezena. Eu quero que vocês saiam da Convenção com esse pensamento, com essa verdade.

Da Convenção Mundial de Cabalá na Moldávia, 08/09/19, “Juntando Todos Os Estados Em Direção Ao Criador”, Lição 7

Argumento Sem Sentido

laitman_938.04Pergunta: Um estudante pode discutir com o professor?

Resposta: Não acho que isso seja possível, a menos que o estudante tenha se aproximado do professor. No entanto, eles também não têm argumento. Talvez haja escrutínio de alguns fenômenos ainda não claros. Que tipo de argumento eles podem ter?

Nós estamos estudando o sistema superior de governança do nosso mundo e quem o alcança não tem dúvidas sobre sua confiabilidade. Quem não o atinge está flutuando no ar. Para ele, tudo pode parecer confiável ou não – como ele quer vê-lo. Portanto, este é um argumento inútil. Ninguém faz isso.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 27/10/19

Blitz De Dicas De Cabalá – 09/07/19, Parte 5

laitman_595.03Pergunta: Como alguém pode aceitar corretamente presentes sem fim do Criador sem se curvar à vergonha de receber, como alguém pode fazer isso com alegria?

Resposta: Agradeça e faça o mesmo com os outros.

Pergunta: O que é escuridão?

Resposta: É o que o distingue do Criador.

Pergunta: Como posso fortalecer minha atitude em relação ao Criador?

Resposta: Faça o que quiser, não vai ajudar. Você é um grande herói até que Ele o belisque. Então você começará imediatamente a chorar.

Pergunta: Como a dezena não pode fugir da revelação das corrupções?

Resposta: Apoiando-se mutuamente e orando ao Criador.

Pergunta: Mesmo que você chegue à conclusão de que é impossível mudar sua natureza para doação, nasce uma forte descrença no Criador. No entanto, a oração é impossível, não há força para pedir. Você também não vê o ponto por causa da falta de fé no Criador. O que devo fazer e como não posso deixar o caminho?

Resposta: Não acredite. Quem te faz acreditar? Fé é o sentimento do Criador. Não é o que você imagina para si mesmo: eu apenas acredito que Ele existe. Isto não é Cabalá, mas religião.

Da Lição 5, Convenção Mundial de Cabalá na Moldávia 09/07/19, Voltar-se ao Criador

Blitz De Dicas De Cabalá – 06/09/19

laitman_597.02Pergunta: Qual deve ser a oração se você se sentir como um aglomerado de mal e corrupção?

Resposta: Isso é ótimo. Se todos nós nos sentíssemos como tais aglomerados de mal, egoísmo, inveja, ciúme, maldade e tudo o que possivelmente existe, seria perfeito. Quanto uma pessoa desejasse, se não para se livrar dele, pelo menos pintar um pouco sobre ele!

Isso é bom. Isso significa que ela já precisa mudar a si mesma.

Pergunta: Como e quando poderemos conectar todos os nossos AHP conosco?

Resposta: Para fazer isso, primeiro você deve ter Galgalta ve Eynaim e depois AHP. Antes de tudo, você deve ter desejos de doação, e poderá trabalhar com os desejos de receber em prol da doação.

Pergunta: Como podemos não chegar à inação ou indiferença por nos anularmos?

Resposta: Vamos primeiro aprender a nos anular e depois veremos. Você está certo, há uma pergunta nisso. O fato é que eu estou anulando não a mim mesmo, mas a minha participação egoísta, e peço que, em seu lugar, o Criador me dê uma nova força, a qualidade de doação.

Pergunta: Se a concessão ao amigo não leva à grandeza da meta, você deve conceder a ele?

Resposta: Se for uma dezena, eu não faço cálculos se leva ou não à meta. O mais importante é que, ao conceder ao amigo, eu me movo em direção à meta.

Da Convenção na Moldávia, “Dia Um” 06/09/19 , “Estar Preparado Para Ser Influenciado Pela Sociedade”, Lição 2

Como Você Assina Um Acordo Mútuo Com O Criador?

laitman_942Pergunta: O Criador é o principal fiador. Assinamos um acordo um com o outro diante Dele, com o entendimento de que Ele está atrás de nós.

Quando alguém do grupo cai e tentamos jogar-lhe uma corda, mas nada acontece, nos voltamos a Ele: “Você tem um contrato conosco e, portanto, pedimos que cumpra sua parte do contrato. Fizemos tudo para ajudar o amigo a se levantar, mas não temos forças. Você é um participante do nosso acordo, pedimos que o retire agora”.

Entendemos corretamente ou não?

Resposta: Não. Por que você não recorre imediatamente ao Criador? Você acha que é capaz de alguma coisa?

Observação: Nós pensamos que devemos colocar nosso “meio shekel”, pagar nosso preço, chegar ao ponto em que não podemos mais fazer nada e depois pedir a Ele.

Meu Comentário: Em princípio, está correto. Mas é melhor entender imediatamente que, exceto pelo Criador, ninguém pode ajudar de qualquer maneira.

Pergunta: Como assinamos um acordo mútuo para sentir que Ele também participa dele?

Resposta: O Criador não participa, ele define. Ele detém a sua garantia. Afinal, Ele mantém todo o sistema.

O que significa essa garantia mútua? Em um sistema completamente fechado, todos são fiadores do resto. E se ele não cumprir sua parte, tudo entrará em colapso. Portanto, devemos obter imediatamente o Criador como uma força que atua em nós.

Outra coisa é que podemos nos voltar a Ele e dizer: “Sim, não podemos manter essa rede de forças. Faça com que entendamos onde fazer isso, nos direcione, ajude, dê força! Dê uma compreensão do que fazer! Governe!” Para Ele, é uma grande alegria.

Da Lição 7, Convenção Mundial de Cabalá na Moldávia 08/09/19, Reunindo Todos Os Estados Em Direção Ao Criador

Anule O Amor Próprio

laitman_938.02Rabash, Artigo No 6, 1984, “Amor de Amigos (2)”: Todos devem pensar que vieram ao grupo para anular seu amor próprio, ou seja, não devem pensar em como podem realizar seu desejo, mas tanto quanto possível, pensar apenas no amor por seus amigos – porque somente através dele poderão adquirir o desejo e a necessidade da nova propriedade: o desejo de dar.

E pelo amor de amigos, a pessoa pode chegar ao amor do Criador, ao desejo de dar satisfação ao Criador.

Não devemos esquecer que é exatamente nisso que devemos pensar o tempo todo e direcionar todas as nossas aspirações. Não importa quanto isso seja contrário à nossa natureza, ainda temos que nos posicionar dessa maneira.

Meu objetivo é elevar-me acima do meu amor próprio pelo amor de amigos, porque através dessa atitude em relação a eles, começo a perceber o Criador, o mundo superior, a propriedade da doação, elevo-me acima da minha natureza. É a condição exata, essa alavanca, que pode me levantar.

A princípio, esses são, em geral, desejos egoístas: quero subir, quero encontrar, quero. Se eu precisar amar outro por isso, estou pronto. Boa. Não há nada a ser feito, se necessário.

Então, quando trabalhamos com isso, de repente começo a sentir que não preciso de mais nada. Eu nem preciso de mim. Se existe tal propriedade de doação, se existe um estado chamado Criador, isso é tudo, é o suficiente para mim, eu nem preciso existir.

Uma pessoa sente tanto a influência do mundo superior que nem pede para si; pelo contrário, está pronta para se anular completamente, para não existir. É assim que a próxima etapa do nosso desenvolvimento começa.

Na medida em que a equivalência com o Criador – de dar-Lhe prazer, assim como o Criador quer nos dar prazer -, obtemos a qualidade do Criador, nos fundimos com Ele e subimos ao seu nível.

Existem duas etapas aqui. Podemos adquirir uma nova propriedade, um desejo de doar, apenas trabalhando com amigos. E somente então ganhamos o desejo de dar prazer ao Criador, e assim chegamos à equivalência com Ele.

Da Convenção na Moldávia, “Dia Um” 06/09/19, “Dissolver-se os Amigos”, Lição 1

Conexão Baseada Em Concessões

laitman_939.01Pergunta: O que é uma conexão baseada em concessões?

Resposta: É quando estou pronto para dar lugar a meus amigos em tudo, a fim de me unir a eles, porque sem isso não teria oportunidade de influenciar meu destino, de influenciar o Criador, que é o mestre do meu destino.

Da Convenção na Moldávia, “Dia Um”, 06/09/19, “Dissolvendo-se nos Amigos”, Lição 1

Oração: Conversa Com O Criador

laitman_235Pergunta: Como usamos a diferença entre exaltar o Criador e a gratidão a Ele na oração?

Resposta: Existem muitos tipos de expressões na oração. É um pedido, louvar, gratidão pelo passado e até, de certo modo, minhas promessas para o futuro.

A oração é uma conversa com o Criador. Você não deve dirigir-se a Ele com nenhum clichê. Somente de você mesmo. Pode ser na forma de um diálogo interno quando cada um de vocês fala com o Criador. Pode ser na forma de um argumento em uma direção. Da forma que você quiser.

Um exemplo de oração são os Salmos do rei Davi. Ele foi um grande Cabalista que viveu no século IX a.C. Ele escreveu uma coleção de orações Salmos, que são populares em todo o mundo em todas as religiões. Leia, você se encontrará lá também, porque eles incluem absolutamente todas as condições – de zero a 100%, até a correção completa de todas as almas.

Da Convenção Mundial de Cabalá na Moldávia 05/05/19, Lição 0