Uma Alma Eternamente Viva

294.3Pergunta: Você disse que os judeus têm um método de correção do egoísmo e que toda a questão da natureza e todas as outras nações é um egoísmo sólido. Então, a razão para o ódio aos judeus é que este assunto é o oposto do grau espiritual?

Resposta: Todos nós somos o oposto do grau espiritual.

Mas dentro de toda a humanidade existe um método de como corrigir essa oposição, como implementá-la para que nos ajude a subir para o próximo grau espiritual. Nosso egoísmo nos servirá como uma energia ascendente.

Podemos direcioná-lo adequadamente para o amor em vez do ódio. Quando descobrirmos por que e para que tudo isso existe, todas as nossas propriedades negativas, qualidades, todos os tipos de movimentos e desejos servirão como trampolim para subir ao próximo grau, à próxima dimensão.

Podemos agora revelar isso a nós mesmos e assim entrar em um estado além do nosso mundo, quando por trás dele sentiremos outro grau, outro mundo ao nosso redor, o superior, e existiremos em ambos.

Então entenderemos de onde viemos, onde nascemos, para onde vamos após a morte. Vamos entender que apenas corpos vivem e morrem, e nós, nossa parte interior e espiritual do corpo continuamos a viver.

Se revelarmos todo o escopo do universo, nosso corpo deixa de ser sentido como a única possibilidade de existência. Começamos a sentir que existimos em tudo. O corpo morre ou vive, não importa mais para nós. A Cabalá nos leva a isso. É isso que ela nos permite.

A Cabalá está sendo revelada agora, à medida que a humanidade começa a perceber que é integral e globalmente interconectada. Portanto, temos a oportunidade de alcançar o próximo grau através da globalização, da conexão de todos com todos.

De KabTV, “Close-Up. Volta ao Mundo”, 20/02/11

Comente