Não Temos Nada A Temer

531.02Pergunta: Antigamente nossas vidas eram baseadas principalmente na comunicação física, e havia psicólogos que corrigiam essa comunicação para que não fosse dolorosa. Então isso foi bloqueado para nós e começamos a dominar a comunicação virtual. Surgiram novos especialistas que se especializaram em se comunicar corretamente de forma virtual. Mas agora temos uma certa ruptura, uma falha no sistema de relações, uma guerra. Que forma de interação nos espera no futuro?

Resposta: O amor apoiará o ódio e o ódio apoiará o amor, e desenvolveremos essas duas propriedades em uma recorrência constante. Além disso, faremos tudo isso conscientemente: o ódio vem, depois o amor deve vir. Assim navegaremos.

Pergunta: Que tipo de quebra pode ocorrer neste novo sistema?

Resposta: Nenhum. Se soubermos que o amor surge para depois revelar o ódio, e o ódio é para a manifestação do amor, tudo ficará bem.

Pergunta: Que tipo de especialistas são necessários lá, no próximo nível?

Resposta: Eu acho que serão especialistas que entenderão como correlacionar adequadamente amor e ódio. Em nossa língua, isso é chamado de “Aviut ve Zakut” (espessura e purificação).

Essa já é uma psicologia superior, que ainda nos é desconhecida na vida comum, mas teremos que dominá-la. Será necessário aprender isso. Há cursos, há explicações. Não é assustador.

Pergunta: Como esses especialistas podem ser treinados?

Resposta: Eles vêm às nossas aulas e gradualmente entram nesse caso e aprendem por si mesmos.

Pergunta: E em que tomar cuidado?

Resposta: Tomar cuidado? Eu nem sei. Não vejo nenhum problema nisso.

De qualquer forma, uma pessoa se desenvolve, mesmo que não entenda corretamente, não pode executar corretamente alguns exercícios e tarefas. Está desenvolvendo-o de qualquer maneira.

Tudo isso acontece em uma pessoa para revelar sua natureza, que consiste em dois opostos, como toda a natureza: aproximar e distanciar, mais ou menos, luz e sombra, etc. Portanto, não temos nada a temer aqui, não podemos estragar nada. Nós apenas temos que vir e estudar intensamente.

De KabTV, “Notícias com o Dr. Michael Laitman”, 14/03/22

Comente