“Não Ria Do Humor” (Linkedin)

Meu novo artigo no Linkedin: “Não Ria Do Humor

Como o humor afeta nosso humor? Por que as pessoas riem de outras pessoas? Como o humor pode melhorar os relacionamentos?

Quando alguém fala de algo com humor, podemos simpatizar com a situação. Eles podem falar sobre situações muito sérias, mas quando contadas com humor, podemos olhar para elas de uma perspectiva mais leve ou surpreendente. Isso tira muito da gravidade das situações e não apenas nos faz sentir melhor, mas nos ajuda a lidar com elas, o que poderia ter sido muito difícil, se não impossível, sem humor.

O bom humor é baseado na sagacidade, em fazer ligações surpreendentes entre os elementos e olhar para eles de um ponto de vista novo e curioso.

É sabido que o riso tem muitos benefícios físicos. Aqui estão alguns deles, cortesia da Clínica Mayo: o riso estimula o coração, os pulmões e os músculos e aumenta a liberação de endorfinas (analgésicos naturais). Cria uma sensação boa e relaxada e reduz alguns dos sintomas físicos do estresse. O riso até fortalece o sistema imunológico.

O riso também traz muitos benefícios emocionais: aumenta nossa satisfação geral com a vida, torna mais fácil lidar com situações difíceis e, o mais importante, melhora nossas conexões com outras pessoas. Quando você tem uma risada boa e sincera com uma pessoa, você não pode brigar com ela.

Há outro benefício do humor: se usado corretamente, pode nos preparar para aprender coisas novas com facilidade. Isso é especialmente verdadeiro para coisas que são emocionalmente difíceis de aceitar ou lidar.

Existem outros tipos de humor. Algumas pessoas riem das falhas que encontram nos outros. Neste caso, não tem nenhum benefício. Rebaixa os outros e faz com que os zombadores se sintam superiores às suas vítimas. Tal humor não faz nada além de inchar o ego do valentão.

É muito doloroso quando outras pessoas zombam de nossas falhas. Não é a piada que dói, nem a falha em si, mas o ridículo dos outros. Por outro lado, quando alguém nos mostra que gosta de nós como somos, rir de nós mesmos junto com eles pode nos aproximar e aprofundar nossa conexão.

No topo da lista está o humor pessoal. Pessoas confiantes podem brincar consigo mesmas, falar de suas fraquezas, impulsos que não podem controlar e assim por diante. Isso as torna mais acessíveis e as aproxima de outras pessoas. Também permite que outras pessoas compartilhem seus próprios sentimentos com elas.

Numa altura em que o mundo está cada vez mais conectado e somos mais dependentes uns dos outros do que nunca, o bom humor é imprescindível. Precisamos ser confiantes o suficiente para rir não apenas de nossas fraquezas, mas também de nossa própria natureza: nosso egoísmo.

Se pudermos tirar sarro de tudo o que nos impede de trabalhar com os outros, construir confiança e entender os outros, isso nos ajudará a reconhecer nossa verdadeira natureza. Se pudermos rir disso com outras pessoas, isso nos aproximará e promoverá um desejo compartilhado de mudança para que possamos nos conectar.

Na verdade, devemos levar o humor muito a sério; ele pode ser uma ferramenta vital para nos tirar do narcisismo e do isolamento para uma conexão e amizade.

Comente