“Ele Está Sempre Comigo”

Da Minha Página Do Facebook Michael Laitman 02/10/21

Dr. Michael LaitmanPor muitos anos, alunos e amigos têm me pedido para lhes contar a história de meu tempo com meu professor, RABASH. Por muitos anos, senti que não havia necessidade, que os tempos eram diferentes e as coisas funcionam de forma diferente hoje.

Mas, por meio de minhas conversas com Semion Vinokur, muitas das histórias vieram à tona. Semion, que realmente me sente, conseguiu colocá-los no papel em seu estilo único e cativante, e de repente, havia um livro.

O livro, que se chamava Always with Me, começa com minhas perguntas de infância e meus anos como um jovem. Mas estes são apenas o prelúdio. A maior parte do texto conta a história de meus anos com RABASH: como o encontrei, como me tornei seu discípulo, seu assistente e por que estou empenhado em transmitir sua mensagem de amor a toda a humanidade.

Os alunos de Cabalá de hoje aprendem de maneira muito diferente da maneira como aprendi com ele. No entanto, cada aluno passa por um processo interno muito semelhante e pode simpatizar com as experiências aqui descritas.

Já que os tempos são diferentes agora, não posso ensinar meus alunos da maneira que o RABASH me ensinou. Embora o caminho seja um pouco diferente, atingir a espiritualidade ainda exige e sempre exigirá dedicação e devoção ao objetivo.

RABASH faleceu em 1991, mas ele nunca sairá do meu coração ou da minha mente. Quando eu ensino, ele está sempre comigo. Quando me levanto de madrugada para me preparar para a lição da manhã seguinte, é ele quem guia meu coração. Quando falo com líderes mundiais ou com cientistas, é seu legado que guia meus pensamentos e palavras.

Espero que, ao ler as histórias, você tenha um gostinho da grandeza do homem que tornou a Cabalá acessível a todas as pessoas neste planeta. Os ensinamentos do RABASH são um presente para a humanidade, e eu faço o meu melhor para garantir que todos gostem.

O que me tornei, tornei-me graças a ele, porque, de fato, ele está sempre comigo.

E, finalmente, uma palavra de gratidão a Irina Rudnev e Mark Berelekhis por sua meticulosa tradução para o inglês.

Obtenha uma cópia na Amazon (em inglês):

Comente