Para Onde “Navegamos” Após A Morte?

294.4“Desde que encontrou Epicteto, Massimo Pigliucci se tornou um dos melhores e prolíficos divulgadores do estoicismo. Seu mais recente é Um Guia de Campo para uma Vida Feliz: 53 Breves Lições para Viver. Este livro é um remix de Epicteto – inclui ideias dos antigos estoicos originais e avança o estoicismo para o estoicismo 2.0. …

“Começa focando nas ideias mais importantes:

  • A dicotomia de controle
  • As 3 disciplinas: julgamento, desejo e ação.

Você já fez um cruzeiro? Nesse caso, você saberá que, quando tiver permissão para desembarcar, poderá se divertir olhando ao redor e fazer algumas compras, mas deve sempre estar ciente de quando o navio partirá, para não acabar encalhado onde não deve. O mesmo acontece com a vida … Você deve sempre ter em mente que em algum momento a viagem acabará, pois ela não dura para sempre. Quando chegar a hora, esteja pronto e certifique-se de olhar para trás e não descobrir que desperdiçou sua licença em terra. (Um guia de campo para uma vida feliz)
(Stoameditation.com)


Pergunta:
Como você se sente sobre esse ponto de vista? Preciso olhar para trás e verificar como passei minha vida?

Resposta: Acho que uma pessoa deve conviver com isso o tempo todo, não quando já está morrendo e faz algum tipo de cálculo: “O que eu tenho, como posso agora contabilizar os resultados?”

É preciso conviver com isso. Devo estar constantemente atento que tem um navio que tem que zarpar em um determinado horário, e eu tenho que pegá-lo, e vou embora. Eu deveria estar nisso de tal forma que encontrasse o dia da morte quase com calma, com alegria, e navegasse adiante.

Pergunta: Qual é o propósito para o qual vivo todos os dias?

Resposta: Elevar-se acima de mim mesmo, acima do meu egoísmo.

Comentário: Mas devo perceber que sou um egoísta.

Minha Resposta: Claro. Essa é a coisa mais importante. Esse é o primeiro ponto: o reconhecimento do mal.

Pergunta: Como posso entender isso?

Resposta: Se você está entre as pessoas certas que também estão trabalhando consigo mesmas e desejam alcançar esse estado, você vê que está em seu egoísmo e não pode sair dele. Você deve exigir, pedir e cumprir algumas condições para se elevar acima dele.

Pergunta: Então, minha vida deveria inicialmente ser em busca de tal ambiente? Por aqueles que querem se elevar acima de seu egoísmo? Significa que devo desembarcar para encontrar tal ambiente nesta vida?

Resposta: Sim.

Pergunta: Quem me dará esse pensamento inicial de que preciso superar o egoísmo, de que devo viver minha vida assim?

Resposta: Isso é dado de cima, pelo Criador, que dá a uma pessoa tal sentimento, tal estado. Isso é chamado de “o embrião de sua alma”. O fato de uma pessoa desenvolver esse estado dentro de si já é o desenvolvimento da alma.

Pergunta: Pode ser desenvolvido apenas com a ajuda do ambiente? Existe alguma outra maneira?

Resposta: Não, de que outra forma?

Comentário: Por mim, de alguma forma.

Minha Resposta: Com o que você o comparará? Como você mudará a si mesmo? Não há outro caminho.

Pergunta: Isso significa que eu “desembarquei”, vivi esta vida e novamente estou voltando neste “navio”?

Resposta: Claro.

Pergunta: É a morte que estou navegando?

Resposta: Sim, e você “navegará” ainda mais. Como em Dante.

Pergunta: Todos os dias vivo minha vida da maneira que deveria, e para onde irei “navegar” a seguir?

Resposta: Inferno, purgatório, céu.

Pergunta: Você poderia explicar brevemente esses três conceitos: inferno, purgatório, céu?

Resposta: Inferno é quando começo a sentir meu egoísmo no qual sempre existi e no qual ainda existo agora, como no inferno.

Purgatório significa que devo me livrar do meu egoísmo. Substitua-o absoluta, completa e incondicionalmente por doação e amor. Então sinto o céu nesses estados corrigidos. É tudo muito simples.

Pergunta: Por que não queremos ir para o céu? Por que Ele não o ilumina para nós? Ele pode apenas iluminar um pouco e vamos correr para lá?

Resposta: Não, não, não! Somos atraídos apenas para o inferno.

Desejo a todos os nossos ouvintes que não esqueçam que um “navio” está à nossa espera.

Pergunta: Aquele que no final nos levará para o céu?

Resposta: Sim, no final. No final, ele levará todos nós.

Mas vamos começar agora mesmo a nos libertar de nosso estado vil e egoísta.

De KabTV, “Notícias com o Dr. Michael Laitman”, 28/06/21

Comente