Conectando-se Ao Criador

963.8Em um de seus artigos, o Rabash diz que devemos ver o Criador que nos guia até Ele por trás de cada amigo. Devemos perceber o amigo como se o Criador estivesse atrás dele e então veremos que o mundo de repente se torna transparente, arejado, e não há nada além de você e a força superior, que “não há outro além Dele”. Enquanto tudo o mais é apenas a apresentação Dele, você irá gradualmente se concentrar no Criador e ver tudo o mais como Seus atributos.

Você finalmente O revelará, e verá todas as ações no mundo nos níveis da natureza inanimada, vegetativa e animada e no nível humano, tudo o que acontece antes de você, como a dádiva do Criador que desenvolve seus atributos. Ao desenvolver corretamente esses atributos em relação ao Criador, você começa a desenvolver dentro de si a essência dos níveis da natureza (inanimado, vegetativo e animado) e o nível humano, Aviut (desejo) nos níveis 1, 2, 3, e 4.

É assim que você mede sua conexão com o Criador, que pode estar no nível 1, que é o nível inanimado; nível 2, que é o nível vegetativo; nível 3, que é o nível animado; ou nível 4, que é o nível humano. Você conecta tudo isso ao Criador e tudo é finalmente revelado a você. É assim que devemos avaliar o bem e o mal.

Comentário: Mas precisamos ascender a esse estado para avaliar as coisas internamente dessa forma e nos conectar com a sociedade.

Minha Resposta: Tudo depende até que ponto uma pessoa que ouviu isso de mim gradualmente começa a esclarecer e implementar isso na vida e a se relacionar com o mundo de forma responsável, porque ela se relaciona com o Criador por meio de tudo ao seu redor.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 21/07/19

Comente