O Único Movimento É Em Direção À Unidade

947Precisamos prestar atenção constantemente às descidas. Não devemos mergulhar nelas e chorar, mas devemos considerá-las de uma maneira mais séria e controlada, entendê-las e ser gratos ao Criador por tê-las revelado a nós por Sua luz.

Na verdade, essas não são descidas, mas a revelação da próxima corrupção que recebo e, portanto, posso corrigir o vaso geral. Nesse estado, está claro para mim que devo me conectar com meus amigos. Esse é o estado em que cada um de nós se encontra durante a revelação de nossos estados individuais e dos estados comuns em que sentimos descidas, subidas e diferentes saltos, e os corrigimos juntos.

À medida que sentimos as descidas individuais ou as descidas comuns gerais, precisamos imediatamente desejar nos conectar com o centro da dezena e tentar nos agarrar um ao outro. É apenas por uma maior consolidação entre nós que podemos corrigir essas descidas, essa escuridão e esses mal-entendidos.

Todos os estados são corrigidos por um único movimento em direção à unidade e não de qualquer outra forma. Pode haver todos os tipos de estados de inconsistência e falta de coordenação, desconforto, brigas, mal-entendidos, distância uns dos outros, estados individuais ou estados comuns, mas nenhum deles importa. Esses estados resultam do fato de que não estamos unidos o suficiente e só podemos corrigi-los por meio de nossa unidade comum.

No momento em que ansiamos e nos voltamos para a unidade, devemos imediatamente pedir ao Criador para nos colar, porque não seremos capazes de nos unir sem Ele. Não temos nenhuma outra cola que nos mantenha unidos.

Primeiro, precisamos restringir o egoísmo de cada um para que não o usemos, e adquirir um Masach (tela) acima do egoísmo de cada um, e a luz refletida que é direcionada um para o outro e para o Criador. Precisamos receber tudo isso de cima.

O Criador revela o próximo nível de nossa quebra dentro de nós, e Ele também é quem tem que corrigir isso. Precisamos atribuir isso claramente apenas a Ele. Assim como levamos um objeto quebrado para um lugar onde ele possa ser consertado, nosso trabalho se resume a isso, determinar quem é o especialista que pode fazer isso. O Criador deseja que o reconheçamos como um artesão e um grande especialista.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 12/02/19

Comente