O Último Do Grupo De Grandes Cabalistas

209Comentário: Nas aulas, estudamos principalmente os escritos do Baal HaSulam e seu filho mais velho, Rabash. Parece que aparentemente restringimos toda a cadeia de grandes Cabalistas.

Minha Resposta: Os escritos do restante dos Cabalistas estão concentrados em ambos. Portanto, ao estudar os escritos do Baal HaSulam e do Rabash, não estamos perdendo nada. Primeiro, eles são os últimos e mais próximos de nós. Em segundo lugar, eles são realmente os Cabalistas modernos do século XX.

Terceiro, todos os Cabalistas anteriores ao longo de muitas gerações estão de alguma forma reunidos e concentrados nos escritos de Baal HaSulam e Rabash, e assim não perdemos nada.

Em seus escritos, Baal HaSulam e Rabash confiaram nas fontes Cabalísticas mais antigas, como O Livro do Zohar, o Sefer Yetsirah e assim por diante. Também há artigos que eles próprios escreveram. É mais fácil lê-los e estudá-los.

Em princípio, não precisamos mais do que isso. Além disso, sem ir além da estrutura de seus escritos, podemos adquirir totalmente a sabedoria da Cabalá e aplicá-la da maneira que for necessária para nossa correção.

Pergunta: Baal HaSulam e Rabash são como lentes que concentram os raios do sol?

Resposta: Sim, Baal HaSulam reuniu tudo o que estava diante dele para nós. Ele explicou O Livro do Zohar e os escritos do Ari. Não houve nenhum assunto importante na sabedoria da Cabalá, a sabedoria de administrar o mundo por meio de um sistema de comportamento superior, que ele não esclareceu.

Baal HaSulam explicou tudo, ele trouxe a sabedoria para mais perto de nós e a expressou em uma linguagem que é compreensível para nós. Se não estudarmos seus escritos, seremos realmente incapazes de compreender qualquer coisa no mundo, seu comportamento e propósito.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 10/03/19

Comente