Cinco Partes Da Natureza: A Raiz E Seus Efeitos

548.03Comentário: Rabi Nachman escreveu que teve um sonho como se tivesse entrado em uma caverna onde havia muitos livros diferentes. Quando ele começou a abri-los, todos abriram no mesmo lugar e falavam sobre a mesma coisa.

Minha Resposta: Assim é, todos eles falam apenas sobre como retornar ao estado de fusão espiritual, união, ascensão. Em princípio, todas as fontes primárias são escritas para o nosso tempo. Estamos agora no quarto e último exílio da espiritualidade e, a partir dele, devemos chegar à unidade completa com o Rei, com o Criador.

Pergunta: Mas se todas as fontes primárias dizem a mesma coisa, por que existem tantos livros diferentes?

Resposta: Porque, em primeiro lugar, existem quatro idiomas principais.

Em nosso corpo, tudo consiste em cinco partes (a raiz e seus quatro efeitos): cinco partes dos pulmões, cinco partes da boca, cinco sentidos, cinco dedos na mão e assim por diante.

O fato é que a luz que constrói a alma para si mesma é seu sistema de raízes, a chamada coroa, a raiz. Da raiz vêm quatro estágios, quatro emanações da luz que constrói o desejo por si mesma. Apenas o quarto e último estágio é o verdadeiro desejo que quer subir à luz, ser o mesmo que a luz.

Assim, tudo na natureza é criado em cinco etapas e, portanto, temos quatro tipos de linguagem, ou seja, quatro tipos de percepção da luz pela criação.

Além disso, existem quatro tipos de criação em si: inanimada, vegetativa, animal e humana.

A Cabalá descreve todos os estágios de nossa mudança, ou seja, escalar os 125 estágios dos cinco mundos, o último dos quais é a raiz.

Em cada mundo, existem cinco Partzufim (grandes estágios), cada um dos quais é subdividido em mais cinco subestágios – Sefirot. Há 125 degraus. Todos eles se transformam em uma única compreensão do Criador, chamado de “Seu nome de quatro letras imutável e indelével”.

O nome de quatro letras do Criador inclui a raiz (ponto) e as quatro letras que representam este ponto. Ou seja, na forma dessas cinco representações Dele, cinco manifestações, nós O sentimos.

De KabTV, “O Poder do Livro do Zohar” # 14

Comente