A Grandeza Do Criador Na Dezena

528.02Alcançar a conexão com o Criador e sentir Sua grandeza só é possível dentro da conexão das pessoas umas com as outras. No entanto, não temos um desejo natural por uma conexão tão próxima; ele não é dado desde o nascimento. Vemos que quanto mais o mundo avança, mais hostil e estranho ele se torna e todos se tornam cada vez mais isolados e distantes dos outros.

Como esse desenvolvimento pode nos aproximar do Criador? É como se todo o progresso da humanidade conduzisse na direção oposta ao nosso propósito. Quando você começa a falar com as pessoas sobre conexão, união e amor, isso causa risadas. Mesmo que elas concordem que isso tornaria a vida melhor, parece uma meta irreal e impossível.

Portanto, devemos trabalhar muito na conexão na dezena, realmente batalhar tanto pela importância da meta quanto pela ferramenta para alcançá-la. Afinal, não sentimos valor em nenhuma delas.

Como pode ser que uma meta tão importante e os meios para alcançá-la, que nos elevariam ao grau de eternidade e perfeição, estejam completamente escondidos de nossos sentimentos, compreensão e campo de visão?

Tanto o Kli espiritual quanto a luz estão ocultos. Então, o Criador traz uma pessoa para o grupo, para a dezena, e diz: “Escolha isso por si mesma!” Não há outra escolha a não ser escolher isso porque há escuridão por toda parte, e só aqui você encontra o fim da corda, que se você agarrar, poderá descobrir o sentido da vida, sua essência, a razão da existência.

Todo o nosso trabalho é apreciar as ações que o Criador realiza conosco, como Ele organizou o grupo para nós, os meios para alcançá-Lo. O método é dado a nós de cima através dos Cabalistas, e devemos segui-lo com fé acima da razão, isto é, realizar ações contra nosso próprio desejo e lógica e nos aproximarmos uns dos outros para revelar a força da conexão entre nós.

Essa força está oculta exatamente como o ponto de onde nosso universo emergiu. Como resultado do Big Bang, esse ponto começou a se expandir e se espalhar em todas as direções. Agora, como se quiséssemos nos agarrar a este ponto de conexão que já existiu, chegamos a uma compreensão do que está acontecendo neste sistema.

Quando sentirmos e entendermos onde estamos e entendermos a importância do Kli e da Luz que o preenche, o Criador, veremos um mundo oposto. Não era isso que esperávamos ver, mas o oposto, ocultação dentro da ocultação.

Só podemos atingir essa meta se, dia após dia, ansiamos pela conexão acima da razão e da lógica. Quanto mais avançamos, mais irracional parece. Nós estaremos revelando uma divisão cada vez mais forte até uma profundidade maior do Kli, alienação e ódio. Todos os dias teremos que começar a trabalhar na conexão em um novo nível em uma nova qualidade superior.

Nós devemos estar cientes disso. Temos um grande objetivo diante de nós: descobrir a fonte da criação de onde o Big Bang ocorreu e o universo começou a se espalhar em todas as direções. Quando reconectamos todas as partes da criação que se distanciaram umas das outras, gradualmente adicionando tudo a um ponto de partida, revelamos nossa fonte.

O principal para todos nós é nos conectarmos em torno de um único objetivo: revelar o Criador. Para isso, precisamos sentir Sua grandeza. Mas ninguém pode fazer isso sozinho porque cada um é apenas uma centelha, um fragmento quebrado. Portanto, nos unimos pela força e aprendemos a montar a criação a partir de forças opostas, acima do ódio, cobrindo-a com amor. O Criador criou um oposto ao outro.

Em qualquer despertar, devemos agarrar imediatamente ambas as forças, a esquerda e a direita, e criar nosso objetivo entre elas, cobrindo todos os crimes com amor. Se não valorizo ​​a dezena e a meta, eu reduzo tudo ao nível deste mundo, aos sentidos corporais, ou seja, ao grau animado.

O grau humano começa quando eu seguro as duas pontas da corda à minha frente. A atitude negativa para com o Criador, para com a grandeza de doação, para com os amigos, a falta de importância é a linha esquerda, que corresponde à minha natureza.

No entanto, eu desenvolvo a linha direita contra ela, a fim de sentir a grandeza do Criador e dos amigos. A grandeza dos amigos é um meio de revelar a grandeza do Criador como uma meta, e é assim que eu ascendo deste mundo para o mundo superior. Caso contrário, permanecerei no nível animado e terminarei minha vida desta forma.

A vida nos é dada como um meio especial para descobrir todas as qualidades da criação, seu sentido e seu poder. Não queremos conexão, mas é dentro dela que o objetivo é revelado. Precisamos reverter todo o universo até o ponto a partir do qual ele explodiu e começou a se expandir em todas as direções após o Big Bang.

É assim que precisamos nos reunir primeiro em dezenas em todo o mundo. Não haverá lugar no mapa onde não teremos amigos que, devido ao desejo desperto neles, comecem a se mover em direção à conexão. Gradualmente, todas as dezenas se reunirão em uma dezena, e isso significará que voltamos ao ponto a partir do qual o Criador começou a quebra.

O Criador causou a quebra, executou-a e agora a revela para nós. Nos últimos milhares de anos, o Criador tem revelado a destruição para pessoas especiais, para os Cabalistas. Mas hoje, o Criador quer revelar isso a todos para que todas as pessoas comecem a se mover em direção ao ponto central a partir do qual a quebra começou.

Nesse ponto, revelaremos a maior deficiência, a maior rejeição, a força da quebra e a força da maior explosão. Ao mesmo tempo, colocaremos todos os nossos esforços para que o Criador nos ajude a construir este vaso novamente e trazer para ele toda a criação que resultou do Big Bang, e montá-lo em um vaso de dez Sefirot. Por essa ação, nós descobrimos a grandeza do Criador nas dez originais, que queremos alcançar.

Extraído da Lição Diária de Cabalá 03/02/21, “A Grandeza do Criador na Dezena” (Preparação para a Convenção de 2021

Comente