Mudança De Autoridade

214Estamos sempre sob a autoridade do Criador, embora não a entendamos e não a sintamos; em outras palavras, não a aceitamos nem em nossa mente nem em nosso coração. Viemos a este mundo e começamos a crescer completamente imersos em nosso egoísmo, escravizados por uma força especial que nos retrata uma imagem enganosa, como se não houvesse controle sobre nós, mas que nós mesmos estamos administrando o mundo.

O bebê se transforma em criança e depois em adulto, mas não para de pensar que o mundo é controlado por pessoas como ele. É necessário apenas derrotar os outros nesta luta pelo poder.

No entanto, se quisermos revelar o Criador, devemos renunciar ao nosso controle, decidir que não queremos governar ou administrar o mundo, querer suprimir essa inclinação egoísta dentro de nós. Então descobrimos que o egoísmo também não pertence a nós, mas pertence à força superior. Eu costumava pensar que o egoísmo sou eu: quero controlar e tomar decisões, tudo sou eu-eu-eu!

Acontece que não é assim. Se tento sair um pouco do sentimento do meu “eu”, sinto que não sou eu, mas o Criador. Não é bem o que eu costumava imaginar. Portanto, minha atitude em relação ao meu egoísmo e ao Criador muda. Eu preciso começar a me posicionar entre os dois, anular meu egoísmo, a primeira força superior, e desejar que a segunda força, o Criador, governe em seu lugar. Entre as duas, no confronto, eu me coloco.

Se eu quiser me anular com a ajuda de um grupo e do estudo, me torno mais e mais incluído na dezena e no Criador. Essas duas forças têm o objetivo de me ajudar a substituir o controle da força egoísta pelo controle da força de doação e amor.

Vivemos na última geração; portanto, devemos revelar todas essas forças no mundo e mudar o governo nele do governo do egoísmo para um governo que ainda é desconhecido para nós. O mundo inteiro ao nosso redor está mudando de acordo com nossas mudanças internas que já fizemos ou estamos prestes a fazer.

A última geração é especial porque essas mudanças estão ocorrendo em uma grande massa de pessoas, no grupo mundial Bnei Baruch. O mundo também está passando por mudanças semelhantes, embora em um nível inferior. É como quando os pais se preocupam com todos os tipos de problemas dos adultos no trabalho e na sociedade, eles também afetam os filhos, mudam seu mundo e a situação em casa.

Portanto, na última geração, todos estão passando por mudanças qualitativas, cada um de acordo com seu grau. O mundo está passando por grandes mudanças, até a mídia está se tornando um meio de desconexão. O reconhecimento geral do mal está acontecendo, o que nos aproxima do nascimento espiritual.

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 13/01/21, “Ibur (Conceição) e Preparação para o Nascimento”

Comente