“São Necessários Dois Lados Para Construir Uma Ponte” (Linkedin)

Meu novo artigo no Linkedin: “São Necessários Dois Lados Para Construir Uma Ponte

A esquerda e a direita não se comprometerão. Elas não podem, visto que o egocentrismo humano está sempre crescendo e as pessoas estão se tornando cada vez mais obstinadas e intolerantes. Não podemos evitar; a natureza está desenvolvendo nosso egoísmo da mesma forma que desenvolve todas as plantas e animais. A única coisa que podemos fazer é direcionar nosso ego para causas positivas ou negativas. Se escolhermos o primeiro, a humanidade alcançará novas alturas em todos os aspectos da vida. Se escolhermos o último, nos veremos envolvidos na Terceira Guerra Mundial.

Como a natureza torna nossos egos mais intensos, estamos fadados a nos tornar ainda mais divididos do que já estamos. Além disso, como vemos na América, ele nos divide em duas metades que são quase idênticas em tamanho. E como a natureza também nos torna cada vez mais obstinados, ela nos deixa com duas opções: lutar até a morte ou transcender nossas disputas e encontrar a unidade acima delas.

Para escolher a última opção e nos salvar da destruição, devemos fazer da unidade o valor mais importante em nossas vidas. Não precisa entrar em conflito com nenhum dos nossos valores atuais, como devoção a Deus, cuidado com o meio ambiente, campanha pelos direitos das mulheres, pelo patriotismo ou por qualquer valor que consideramos caro. A unidade deve estar em um nível só para ela, e isso deve significar que podemos discordar em tudo, mas no final, somos uma nação.

Dentro dessa nação você tem toda fé, raça, cor, gênero, agenda política e qualquer outra coisa que você possa imaginar. Mas como deveria ser em uma democracia vibrante, a diversidade faz com que cada facção brilhe ainda mais. Sem diversidade, não seríamos capazes de pensar, julgar, aprender e crescer como indivíduos. Seríamos robôs cujas perspectivas estão instaladas neles na infância e nunca nos desenvolveríamos a partir daí.

Mas a vida é desenvolvimento e mudança! A vida é nascimento e morte, dia e noite, fluxo e refluxo, tempestade e calma. A vida é uma série de opostos entrelaçados uns nos outros para criar incontáveis ​​cores e sombras e manter harmonia e equilíbrio eternos. Aqueles que desejam destruir a diversidade desejam destruir a vida.

Não podemos ter um terreno comum nem devemos, porque isso seria o fim de nossa existência como seres humanos. Somente quando pegarmos aqueles que pensam o contrário de nós e construirmos com eles um dossel de unidade acima de nossas diferenças, descobriremos porque estamos separados: porque é preciso dois lados para construir uma ponte.

Comente